Greve dos caminhoneiros causa impacto sobre preço do milho

por Blog do Caminhoneiro

O mercado de milho registrou preços mais altos nesta terça-feira, dia 17. Os operadores estão começando a se preocupar com a greve dos caminhoneiros no Centro-Oeste do país, ao mesmo tempo em que acompanham o início dos trabalhos de colheita da safra de verão.

A Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fechou também as operações com preços acentuadamente mais altos. O mercado foi sustentado pelos sinais de fortalecimento na demanda para o milho norte-americano e enfraquecimento do dólar frente a outras moedas, o que aumenta a competitividade das commodities do país no cenário exportador. O indicativo de possíveis perdas nas lavouras de milho da Argentina, que foram afetadas por fortes chuvas, também favorece os ganhos.

Milho no mercado físico (R$ por saca de 60 kg)
Rio Grande do Sul: 31,00/32,00
Paraná: 33,00
Campinas (SP): 37,50
Minas Gerais: 35,00
Goiás: 33,00
Mato Grosso: 24,00/27,00
Porto de Santos (SP): 32,00
Porto de Paranaguá (PR): 32,00

Milho na Bolsa de Chicago (CBOT) (US$ por bushel)
Março/17: 3,65 (+7 centavos)
Maio/17: 3,72 (+7,25 centavos)

Fonte: Canal Rural

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

24 comentários
0

Artigos relacionados

24 comentários

Rildo Marciano 22/01/2017 - 15:55

Isso ja ta velho o disco ja furou

Reply
Ricardo Débora Gonçalves Texeira 19/01/2017 - 10:55

Greve de caminhoneiro não serve para autônomos, pois grandes empresas não repassam os benefícios ganhados.
Dispenso comentários bobos.
#minhaopinião

Reply
Rafa Morena Flor 19/01/2017 - 10:41

E isso ai greve neles e nois!!

Reply
Hairton Ferreira Nunes 19/01/2017 - 00:20

Ué..

Reply
André Luiz Sganzella 18/01/2017 - 23:50

Tudo é dos políticos. As hidrovias,as ferrovias,os portos,as rodovias,as grandes fazendas,os silos, seja por sociedades com laranjas ou seja por sociedades em grupos que detém concessões de rodovias , ferrovias ou portos federais ou estaduais. Acredito que em menos de 5 anos muitas leis serão feitas ou alteradas para diminuir muito o número de caminhoneiros ,assim poderão dominar o transporte de cargas via modal ferrovias/hidrovias. Seremos relegados a fazer só o trabalho do campo para um desses modais. As coisas só não estão mais adiantadas porque a Lava Jato deu um breque nas obras fraudulentas da Odebrecht e outras empreiteiras. Mas assim que as ferrovias terminarem de cortar o Brasil de São Paulo ao Pará , dias mais difíceis virão para os carreteiros autônomos ,pois esses políticos farão de tudo para acabar com a única concorrência de seus trens e barcaças. Sou carreteiro, espero estar completamente errado a respeito disso.

Reply
Eduardo Bauer 18/01/2017 - 21:57

Governo safado!!!

Reply
Gilberto Depaula 18/01/2017 - 21:10

Isso nao da em nada,enquanto nos tivermos um sindicato de bosta,todo patronal nao da em nada,greve de caminhoneiro tem q ser em casa,ficar com amulher os filhos,nao na estrada passando fome e dede,sindicato vagabundo esse

Reply
Carlos Eduardo 18/01/2017 - 21:08

Agora eles estão vendo o quanto o caminhoneiro é importante para o país!

Reply
Edson Dicky Edith 18/01/2017 - 17:06

Será q vai ser mais uma greve pra na adiantar nada é só gerar mais aumentos???

Reply
Gleison Barbosa 18/01/2017 - 16:07

Enquanto nós caminhoneiros nao se unir de verdade nao chegaremos a resultado nenhum.. Lembre se que nós temos o brasil na palma da mao.. VAMOS SER UNIDOs

Reply
Cleucimar Valentim 18/01/2017 - 15:03

Isso ae galera!
Aguenta so mais um pouco!

Reply
Nailza Torres Torres 18/01/2017 - 14:50

Tem que fazer greve sim e um absurdo o preço do combustível e os fretes uma vergonha

Reply
Angelo Luiz Rocha 18/01/2017 - 14:44

Até a calcinha que a mulher do presidente usa foi um caminhoneiro que levou .está na hora do Governo da valor pra nós

Reply
Jean Adriano 18/01/2017 - 14:20

Parece que tem um sedex ali no meio kkk

Reply
Rafael Jardim 18/01/2017 - 14:07

Brasil de merda nem começou direito a greve e o governo já está tentando repassar o prejuízo pro povo ……

Reply
Richardson Lamas 18/01/2017 - 14:07

Tem q causar impacto sobre o preço de tudo.

Reply
Ralilly Chagas 18/01/2017 - 14:04

O povo tem que respeitar caminhoneiro

Reply
Claudia Stahl 18/01/2017 - 14:03

INFORMAÇOES DÃO CONTA QUE OS CAMINHOES TANQUE VÃO TER QUE PARAR!
OTIMA IDEIA.. BASTA ELES PARAR.. NINGUEM MAIS ANDA.. NEM CARROS PEQUENOS..NEM AMBULANCIAS..NEM POLICIAIS..NEM AVIÕES.. NEM MESMO O PRESIDENTE.
OU RESOLVE! OU RESOLVE!
QUE SE CUMPRA ISSO MESMO.
O ALVO É ESSE.

Reply
Dhannyel Silva 18/01/2017 - 14:03

É pra parar i deixar apodrecer!! Assim o governo cria vergonha ios empresários preciona o governo por melhoria dos motorista.

Reply
Rodrigo Alves 18/01/2017 - 14:02

Aqui no ES vitória ficou parado anoite toda quando foi agora de manhã tava liberado já,

Reply
Jacir Sartor 18/01/2017 - 13:59

Impacto no frete q é bom nada!

Reply
Jose Paulo Kremer Pereira 18/01/2017 - 13:54

Beleza ta ficando bom agora o governo começa a santir

Reply
Jocival Rabelo 18/01/2017 - 13:53

O engraçado é quê já tão almentando mais duvido que se os grevistas não forem até o final e tudo voltar como tava se baixa alguma coisa,guenta galera fe em Deus, que o Brasil se exploda.

Reply
Rodrigo Alves 18/01/2017 - 13:51

Tem causar impacto não só no milho em outras coisas TBM.varios tipos de alimentos

Reply

Escreva um comentário