TransVR e BrasDiesel – Uma longa história




Uma união que ultrapassa o tempo e as gerações. Assim pode ser descrita a relação entre a Brasdiesel Scania e a TransVR de Lajeado. Tudo começou com o idealismo de Valdir Richter (in memorian), que há 40 anos, junto com a família, iniciou o trabalho na área de transportes. O parceiro ideal para aquele momento não podia ser outro: coube à Brasdiesel fornecer os caminhões que abriram o caminho para uma trajetória vitoriosa.

Anos depois, em 1996, Valdir deixou a empresa familiar e decidiu abrir um negócio próprio. Era o nascimento da TransVR, que também baseou sua atuação nos consagrados produtos Scania. Hoje, com 20 anos de experiência e já sob o comando de uma nova geração, a empresa mantém a tradição passada de pai para filho. “Seria muito difícil mudar o fornecedor, por causa da proximidade e da forma com que a Brasdiesel se preocupa com a gente”, relata o diretor da empresa, Eduardo Luiz Richter.

Montar uma parceria como essa, no entanto, vai muito além dos discursos e das intenções. Ela está na prática, no dia a dia, nos gestos que se traduzem em produtividade e qualidade para o transportador. Eduardo é claro ao expressar que agilidade e comprometimento são fundamentais. “Não tem horário, a gente sabe que vai ser atendido se ligar às 06h30. Eles sempre dão um jeito para resolver o problema do cliente. Essa relação com a oficina é saudável e necessária, pois caminhão parado não gera resultado”, explica o diretor, que aponta ainda o farto estoque de peças e o valor de revenda como pontos fortes da concessionária e da marca.

A TransVR, que tem em sua frota os modelos G400, G420 e R440 da Scania, se consolidou no mercado pela transparência e bom atendimento. Hoje a empresa atua nos mercados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul, mas também pode ir a outros lugares em caso de necessidade do cliente. O foco de atuação é no transporte de alimentos, sendo que 99% das atividades giram em torno de açúcar, arroz em casca e leite a granel.

O Consórcio Scania foi extremamente útil no começo do trabalho da TransVR. Eduardo lembra que a modalidade foi importante para formar a frota e crescer, pois havia muitas dificuldades de financiamento naquele momento. Embora use menos esse recurso nos dias atuais, ele continua acreditando que é uma boa opção para as renovações de equipamento.

Fonte: BrasDiesel





Um comentário em “TransVR e BrasDiesel – Uma longa história

Deixe sua opinião sobre o assunto!