Com aumento do diesel, caminhoneiros do Paraguai preparam greve para aumentar o preço do frete da soja

por Blog do Caminhoneiro

Frente ao aumento do preço do diesel no país, as associações de caminhoneiros do Paraguai estão preparando uma greve para elevar o preço do frete para G. 360 (R$0,21) por tonelada/quilômetro, faltando apenas acertar detalhes que serão discutidos, como anunciou Ángel Zaracho, secretário-geral da Federação de Caminhoneiros do Paraguai. A medida afetará a colheita de soja.

Segundo Zaracho, o aumento do diesel afetou diretamente a rentabilidade do setor de transporte de cargas, já que o insumo representa 55% do custo do serviço. Atualmente, o frete de grãos e outros produtos vem sendo cobrado em G. 240 (R$0,14) tonelada/quilômetro.

“Representantes de 30 organizações de transportadores de todo o país estão se reunindo nas bases para organizar uma mobilização nacional, com o objetivo de forçar o aumento do preço do frete”, expressou. Ele contou também que o novo preço exigido foi calculado com técnicos da Direção Nacional de Transporte (Dinatran).

Em maio de 2016, foi realizada uma greve de caminhoneiros em diferentes rotas do país com uma reivindicação similar à atual: “negociar com as agroexportadoras o aumento do preço do frete”.

Fonte: Notícias Agrícolas

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

7 comentários

Guga Risardi 20/01/2018 - 00:57

o diesel não vai muito tempo tá 4 pila e pedágio uns 20 por eixo daí eu quero vê nego fala que não vai para porque tem conta pra paga!!!! vai te que para na Mara pois cavamos nossa própria cova desunião de uma classe que tem o poder de movimentar o país!!! Somos igual cavalo não sabemos a força que temos

Reply
Júnior Ribeiro 19/01/2018 - 21:39

A categoria e unida no Paraguai.

Parabéns

Reply
Eduardo Bueno Ferreira 19/01/2018 - 21:06

Aqui no Brasil agente briga pra colocar eixo a mais no caminhão pra andar mais pesado, lá eles brigam por frete.

Reply
Weber Alessandro Rosa 19/01/2018 - 00:18

Araeuduvido q este sindicato dos transportes do brasil presta isto e uma carnica. No brasil nao tem nilnguem pra fazer greve. Quem tevepeito foi os policiais do nordeste e teve resultado.

Reply
Mailson Oliveira Santos 18/01/2018 - 16:36

Lá no Paraguai tem homem de verdade e caminhoneiros que horram sua profissão

Reply
Vagner Stecanella 18/01/2018 - 15:57

Eles param e empresas brasileiras mortas de fome vão por um preço menor como funciona no Brasil.

Reply
Denis Pereira 18/01/2018 - 15:19

Encina os brasileiros a fazerem grevem então vamos ve se vai ter a uniao agora….

Reply

Escreva um comentário