Paraguai vai liberar serviço de bitrens para transporte de soja




A decisão do Ministério de Obras Públicas, de habilitar de forma experimental para a atual safra de soja, o serviço de caminhões bitrens com capacidade de carga em até 60 toneladas, entre Ponta Porã-MS e Concepción, no Paraguai, gerou reações favoráveis e contra a proposta. Os idealizadores disseram ontem (19) que é uma oportunidade de desenvolvimento para essa área do norte.

A associação de Transportadores do Norte (TAN) e a Associação de Comerciantes e Industriais de Concepción (ACIC) fizeram um pronunciamento conjunto na última sexta-feira (19), em coletiva de imprensa e, solicitaram a outras organizações similares do país, que permitam ao grupo a definição se a entrada de caminhões maiores do que os atualmente existentes aqui é conveniente ou não para os designers e outras cidades vizinhas.

Os porta-vozes participantes foram os titulares das seguintes empresas: ACIC y TAN, Rodrigo Fleitas y Claudio Robles. O anúncio coincidiu para apontar que a resolução emitida esta semana pelo Ministério de Obras Públicas e Comunicações (MOPC) permitirá explorar melhor o novo porto a granel que está sendo construído na capital do primeiro departamento.

Bem próximo da ponte sobre o rio Paraguai, a empresa Badén SA, formada por um consórcio de empreendimentos está investindo entre 10 milhões e 12 milhões de dólares, disseram. O terminal fluvial será habilitado até 20 de fevereiro e com a entrada da soja saindo do estado de Mato Grosso do sul com destino ao porto argentino de Rosário, a região norte do paí terá mais um fator em favor do seu desenvolvimento econômico, argumentaram os representantes.

Estima-se que 205 caminhões com soja entrarão no país por dia e, de acordo com a autorização do MOPC, 50% devem ser da frota paraguaia e 50% brasileira. Rodrigo Fleitas esclareceu que a existe um acordo assinado com parceiros do Mato Grosso para que, pelo menos por mais um ano, os transportadores de Concepción continuem usando os caminhões convencionais, diferentes dos bitrens.

Para a Fleitas, a carga que será trazida pela Via V, através de Pedro Juan Caballero cuja distância de Concepción é de 300 quilômetros até o Brasil, impulsionará a região norte do Paraguai e desenvolverá a nova estrutura de logística que elas possuem.

Autorização temporária

A resolução do MOPC (nº 74/2018) afirma que “a circulação da composição de transporte de carga denominada Bitren, para uma seção do corredor da Route Nacional No. 5, é experimentalmente autorizada para uma colheita de soja, entre a fronteira de Pedro Juan Caballero (PY) – Ponta Porã (BR) ao porto de Concepción “.

Este modelo de transporte tem uma maior capacidade de carga (suportam o dobro e até o triplo da carga normal). Para este caso, o MOPC limita o comprimento dos bitrens a 20 metros. Também define várias características obrigatórias para esses veículos, com objetivo de manter a segurança dos motoristas e a conservação das rodovias.

Fonte: Correio do Estado




48 comentários em “Paraguai vai liberar serviço de bitrens para transporte de soja

  • 29/01/2018 em 20:44
    Permalink

    Estão desde 4° feira em greve lá, tá ficando sério as coisas lá ,os motoristas paraguaios não aceitam bi-trem lá,e lá diferente daqui,eles são bem unidos,####transporteparadonopy###

  • 29/01/2018 em 16:27
    Permalink

    Na argentina ja esta rodando os 9 eixos mais no paraguai duvido acontecer isso

  • 29/01/2018 em 01:50
    Permalink

    Tem gente que não conhece caminhão fala que bitrem destrói estrada kkk pois é o caminhão mais que distribuição de carga entre eixos

  • 29/01/2018 em 01:04
    Permalink

    EU ACHO QUE OS PROTUDO É DO BRASIL OS BRASILEIROS QUE TEM QUE LEVAR LA NO PARANAGUA É CHEIO DE PARAGUAI LEVANDO SOJA DO PARAGUAI AGORA ELES TÃO ENBASSANDO COM OS BITREM

  • 28/01/2018 em 21:32
    Permalink

    Sou motorista de caminhão no Brasil, se eu fosse os colegas paraguaios não deixariam efetuar esse tipo de transporte com bitrem, amanhã ou depois vocês estarão na mesma situação que nós no Brasil, ou seja, trabalhando de graça. Não deixem que estraguem o serviço de vocês.

  • 29/01/2018 em 00:02
    Permalink

    Tao querendo!!! Pra modo de informação aqui no Paraguai os trasportistas estão se manifestando estão todos nas estradas tá tudo parado aqui no Paraguai em contra da entrada dos Bitreim……

    • 29/01/2018 em 20:37
      Permalink

      Sou motorista amigao esse tipo de caminhao so destroi rodovia e faz traqueira e verdade ou nao e verdade porque nossa rodovias estao cheias de burracos destroidas porque essa tarqueira carrega exesso de peso isso e a minoria eu deixei de fazer esse tipo de coisa to falando porque vc sabe que e verdade exesso de peso

  • 22/01/2018 em 21:25
    Permalink

    Pura mentira isso….mas se for verdade Tam bem poderíamos impedir deles circular no Brasil….as mesmas ameaças servem pra eles tbm

  • 22/01/2018 em 19:37
    Permalink

    Vamos poner fuego en los bitrenes vamos mostrar que somo unidos brasil el flete es una mierda quieren aprovecha de nuestro producto pra llevar gratis el problema de brasil no alsan el precio de flete ponem mas eje en los camiones cargan mas pero la misma mierda el precio del flete

  • 22/01/2018 em 19:26
    Permalink

    calma gurizada e so pra levar o soja do mato grosso ate no porto de concepcion e depois levar o restinho de soja do paraguay pra paranagua nada de stress kkkkkkkkk

  • 22/01/2018 em 19:09
    Permalink

    Quein tei coraje se bota con un bitren aqui dentro so que pode vir preparado oseja no minimo pagar seguro total do caminhao porque vai dar perca

  • 22/01/2018 em 17:47
    Permalink

    Bora parar paraguai por que la andamos armados e população armada nao vira refém do seu governo

  • 22/01/2018 em 16:11
    Permalink

    Nem que for de graça o frete vou ir so pra ponhar pnel no caminhao, tem muito brasileiro que trabalha com caminhoes paraguaios, vai facilitar ainda mais a vida de todos

  • 22/01/2018 em 15:15
    Permalink

    Vi uma notícia q Argentina também libereou,só não sei se é para Mercosul..tomara que não ,vai esses camionheiro do Brasil acabar com o frete dela,já que não está taooo bom..

  • 22/01/2018 em 15:08
    Permalink

    Ee pudemo taca fogo nos caminhão Vello e era asim t difece si entra ESA imundisia j era

  • 22/01/2018 em 13:44
    Permalink

    Agora termina com as estrada alem que já não é muito boa……se ta doído

    • 22/01/2018 em 15:14
      Permalink

      Já fudeo,vi uma notícia q Argentina também liberou..
      Só espero q não liberem para permicionar …

Fechado para comentários.