Greve dos caminhoneiros cancela voos para Brasília e deixa aeroporto sem combustível




Três voos que vinham para o Aeroporto de Brasília na tarde desta terça-feira (22) foram cancelados devido aos protestos dos caminhoneiros – segundo a Inframerica, administradora do espaço, o combustível está contingenciado por causa dos protestos dos caminhoneiros que ocorrem em todo o país.

Até as 15h30, as aeronaves afetadas viriam para Brasília dos aeroportos de Confins (Belo Horizonte), Congonhas (São Paulo) e Santos Dumont (Rio de Janeiro). Elas ficaram nas cidades de origem devido à incerteza de abastecimento na capital, o que impediria a volta da tripulação.

Voos saindo de Brasília ainda podem ser cancelados até o fim do dia – a Inframerica se reuniu com representantes das companhias aéreas para decidir quais medidas seriam tomadas.

LEIA MAIS  Comissão que analisa MP de subsídio ao diesel aprova plano de trabalho

Segundo a Inframerica, a frota de caminhões que traz o querosene de aviação (QAV) para o Terminal está retida no Entorno do DF.

A concessionária emitiu nota na qual “lamenta o transtorno que a situação pode gerar aos passageiros” e cobra “o inegociável direito à segurança das operações aeroportuárias”. A administradora recomendou que os passageiros busquem informações junto às companhias aéreas.

LEIA MAIS  Transportadoras ignoram tabela de frete e cobram preço antigo

Fonte: G1




11 comentários em “Greve dos caminhoneiros cancela voos para Brasília e deixa aeroporto sem combustível

  • 24/05/2018 em 12:20
    Permalink

    Tem que parar tudo mesmo chega dessa roubalheira eles que roubam e nós que sempre pagamos

    Resposta
  • 23/05/2018 em 15:14
    Permalink

    VAMOS TODOS APOIAR ESTES HOMENS GUERREIROS SAÕ ELES QUE ABASTECEM O NOSSO PAIZ

    Resposta
  • 23/05/2018 em 14:42
    Permalink

    Tenho vergonha de muitos da população brasileira tem muitos que sabem so criticar o caminhoneiro mas ninguem vive oque o caminhoneiro muitos chamam a gente de servergonha mas tem muito marido da cidade que vai atrás de outras mulheres esses não são chamados de servergonha e sim de garanhao agora a gente esta brigando por uma causa que interesa a todos no pais antes de criticar vem apoia a gente nas estradas invés de esta reclamando ou vendo os lixo da novelas da globo sinto vergonha……….desse país

    Resposta
    • 23/05/2018 em 14:46
      Permalink

      É isso aí meu amigo , força vamos parar esse país e não aceitar migalhas de pouca redução no preço do combustível, campanha redução de 25 por cento . O país tem condições, Brasil vende combustível para Venezuela muito mais barato do que pagamos dentro do próprio país, chega de pagar conta de político, vamo apertar mesmo .

      Resposta
  • 23/05/2018 em 14:42
    Permalink

    Total apoio, tem que parar tudo mesmo! Outra coisa, nada de redução de 1 por cento no diesel e 2 por cento na gasolina, não somos palhaços, tanto pedagio nesse Brasil que já não deveria nem existir e que se paga um absurdo, preço dos fretes em baixa, todos os riscos das estradas e falta de segurança, combustíveis com preços estouraríamos, redução de no mínimo 25 por cento do preço do combustível o que é mais que justo, porque pra bancar salários abusivos e vida luxuosa desse bando de políticos vampiros ladroes eles não economizam, mas querem que nos trabalhadores paguemos as contas altíssimas deles, vamo parar o Brasil mesmo e mostrar que quem manda no país é a maioria que é o povo .

    Resposta
  • 23/05/2018 em 12:53
    Permalink

    Total apoio as caminhonheiros. Na minha cidade já estar sem combustivel para abastece não estou nem um pouco chateado por estar sem combustível em meu carro. Todos nós temos q fazer o sacrifício estou indo trabalhar de bicicleta. Por mim esses bloqueios devem continuar por um bom tempo

    Resposta
  • 23/05/2018 em 10:47
    Permalink

    Tem que faltar combustível no aeroporto de Brasília mesmo. Pelo menos os políticos não vai para as cidades de origem. Pelo menos não gasta mais o nosso dinheiro com passagens aéreas.

    Resposta
  • 23/05/2018 em 00:17
    Permalink

    Este é o pais que não quero
    Ver país de família q levam e traz alimentos remédio combustível entre outros tbm são os guerreiros desbravadores q dão sua vidas por nós
    Vamos apoiar e ser solidário

    Resposta
  • 22/05/2018 em 23:16
    Permalink

    A população tem que apoiar os caminhoneiros,
    Levando alimentos água ajudando no puder pois tudo que se tem nos mercados nas farmácias enfim no comércio. Em geral é transportado por eles.
    E se o diesel e pedágio diminuírem todos ganhamos.
    Quem roubou a Petrobrás não fomos nos e sim os políticos. Temos que lutar por nós somos a maioria.

    Devemos por policiais e professores no lugar desses ladrões . Pra ver se muda este país tomar tudo que estes políticos e familiares tem e devolver pro país por cada um num apto popular e os filhos deles em escola pública. Assim irão dar valor nas pessoas que trabalham nesse país

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!