Nova greve de caminhoneiros não ocorrerá agora, dizem lideranças




Uma nova paralisação não está nos planos dos caminhoneiros, ao menos por enquanto, segundo lideranças. Recentemente, áudios circularam pelo Whatsapp alertando para o risco de uma nova greve. “São áudios falsos, antigos. Estamos em negociação e não há possibilidade de uma nova greve por enquanto”, afirmou o caminhoneiro autônomo Wallace Landim, o “Chorão”, que liderou manifestações durante a paralisação de caminhoneiros em maio.

A categoria deverá aguardar ao menos até a votação da MP 832 que poderá converter a política de preço mínimo do combustível em lei, diz ele.

A Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros) afirmou, em nota, que está “monitorando os grupos de Whatsapp dos quais participa para checar a veracidade sobre uma suposta nova paralisação. Entretanto, informamos que não estamos promovendo e nem apoiando uma nova greve da categoria”.

LEIA MAIS  Caminhoneiros relatam medo e tortura sofridos em rodovias pelo Brasil

Nesta quinta (27), terminou sem acordo uma nova reunião no Supremo Tribunal Federal entre caminhoneiros e empresas que contratam os serviços de transporte de carga, em torno de uma tabela de preços mínimos para o frete rodoviário.

O ministro que acompanha o caso, Luiz Fux, deve manter suspensas as liminares que questionam a tabela do frete pelo menos até o fim de agosto, quando está prevista uma audiência pública para discutir o assunto. O STF entra em recesso na próxima semana.

LEIA MAIS  PRF fiscaliza horário de descanso diário de caminhoneiros

Fonte: Folha de São Paulo




Deixe sua opinião sobre o assunto!