Caminhões esperam em média 3h20 em filas para fazer entregas na Grande SP




Um veículo de carga espera em média 3h22 para conseguir fazer sua entrega em estabelecimentos da Grande São Paulo, segundo o Setcesp (sindicato das transportadoras). O tempo aumentou meia hora desde o último estudo, em 2017.

A situação ideal seria de 30 minutos para entregas agendadas e de até uma hora para as demais, segundo a entidade.

O custo da demora é de R$ 312 por operação de uma carreta de 27 toneladas. Um centro de distribuição na região metropolitana de São Paulo recebe até 300 veículos por dia.

LEIA MAIS  Walmart dobrará gasto em recrutamento de caminhoneiros nos EUA

“Essa despesa entra na precificação do frete e é repassada ao consumidor. Uma maior eficiência na logística beneficiaria todos”, diz o presidente do Setcesp, Tayguara Helou.

“Isso também afeta a mobilidade. Todo estabelecimento deve, por lei, dimensionar um espaço interno para receber carga, mas isso muitas vezes não é cumprido. Tem caminhão que fica em fila na rua.”

Metade dos 416 locais pesquisados exigem que entregas sejam agendadas, mas 45% deles não cumprem os horários.

LEIA MAIS  Reajuste do diesel pode seguir sistema usado para a gasolina

Fonte: Folha de São Paulo




Um comentário em “Caminhões esperam em média 3h20 em filas para fazer entregas na Grande SP

  • 01/09/2018 em 20:19
    Permalink

    O transportador até considera esse custo na precificação, a questão é o embarcador aceitar o preço. Com o setor em crise, o que não falta é transportador aceitando todo tipo de preço para prestar serviço. Tinha que ter era fiscalização atuante junto aos locais de recebimento de mercadorias e autuar os recebedores que descomprissem o tempo de espera de 4horas para recebimento ou carregamento de mercadorias.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!