ANTT propõe multa de R$ 5 mil para quem descumprir tabela do frete




A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) fixou em R$ 5 mil o valor da multa a ser cobrada das empresas que descumprirem a tabela do frete. No caso de anúncio e intermediação da contratação do transporte por preço abaixo do piso mínimo, a multa é de R$ 3 mil. As penalidades constam de uma minuta de resolução da Agência, colocada em consulta pública nesta segunda-feira. Os interessados podem encaminhar sugestões até o dia 10 de outubro. Depois desse prazo, a ANTT vai analisar as propostas encaminhadas e aprovar uma norma definitiva.

Diante da pressão dos caminhoneiros, a ANTT iniciou no feriado prolongado de 7 de setembro a fiscalização do tabelamento do frete. De acordo com balanço da agência, entre 7 e 9 de setembro, os fiscais identificaram 75 empresas que contrataram o serviço por valores abaixo do piso mínimo. Elas foram notificadas e os caminhoneiros receberam uma cópia do documento que permite iniciar a cobrança do valor devido, administrativamente ou na Justiça.

De acordo com a lei que fixou a política do preço mínimo do transporte rodoviário de carga, quem descumprir a tabela tem que pagar uma indenização ao caminhoneiro em valor corresponde ao dobro da diferença entre o valor contratado e o que seria devido.

LEIA MAIS  Rota de transporte entre a China e Rússia passa a funcionar

Nesse primeiro momento, a ANTT está apenas notificando as empresas. A aplicação de multas somente ocorrerá quando a diretoria do órgão aprovar uma resolução definitiva sobre as penalidades. As fiscalizações ocorrerem em Santos (SP), Paranaguá (PR), Itajaí (SC), Santana do Livramento (RS), Porto de Rio Grande (RS).

LEIA MAIS  “Uber de cargas”: a tecnologia usada para agilizar a busca por fretes

O tabelamento do frete entrou em vigor no dia 30 de maio e foi uma das principais promessas do governo para acabar com a greve dos caminhoneiros. Apesar das reclamações sobre o descumprimento da medida, a ANTT só deu início à fiscalização três meses depois, alegando que precisava de respaldo legal para iniciar os trabalhos. Uma resolução publicada no Diário Oficial da União na quinta-feira permitiu ao órgão notificar as empresas.

Fonte: O Globo




2 comentários em “ANTT propõe multa de R$ 5 mil para quem descumprir tabela do frete

  • 22/11/2018 em 07:28
    Permalink

    Estamos sozinhos nessa luta as transportadoras fazem o que querem pois antt não fiscaliza .

    Resposta
  • 11/09/2018 em 18:21
    Permalink

    Tem que ser fiscalizado tb nos postos fiscais. Qdo vai carimbar as notas.muitas ainda não estão pagando.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!