Bolsonaro diz que melhor é que não haja tabelamento de frete e que assunto está sendo estudado




O presidente eleito Jair Bolsonaro fez nesta terça-feira (13) a avaliação de que o melhor é que não exista um tabelamento dos preços do frete, ao mesmo tempo que disse que a questão ainda está sendo estudada pela sua equipe.

“É bom sempre não haver tabelamento, isso é bom, mas já começamos a estudar essa questão. Nós queremos nos antecipar a problemas”, disse, referindo-se ao tabelamento do frete, adotado após a greve dos caminhoneiros de maio deste ano, que paralisou o país, causando graves problemas de abastecimento.

À época, o tabelamento foi uma das medidas adotadas pelo governo para resolver a crise.

Em entrevista após reunião no Superior Tribunal Militar (STM), Bolsonaro disse também que não deverá acompanhar o presidente Michel Temer na reunião de cúpula do G20, na Argentina, por conta da bolsa de colostomia que carrega após levar uma facada em setembro.

Vídeo (A partir dos 5:40 minutos)

Temer também foi tema de resposta sobre o aumento salarial, aprovado pelo Congresso, de mais de 16 por cento aos ministros do Supremo Tribunal federal (STF).

“Está nas mãos do Michel Temer, logicamente, é motivo de preocupação, já estamos com um déficit enorme para o ano que vem e é mais um problema que a gente vai ter”, completou, afirmando também que não pretende fazer um apelo ao atual presidente para que ele vete a medida, por entender que Temer é “uma pessoa responsável”.

Pente fino

Perguntado sobre o número de cargos preenchidos por indicações políticas na máquina pública, o presidente eleito afirmou que pretende mudar o perfil de quem ocupa estes postos.

“Pretendemos diminuir e colocar gente comprometida com outros valores lá dentro”, disse Bolsonaro.

Apesar de reconhecer a importância dos funcionários comissionados, Bolsonaro falou em um corte de, no mínimo, 30 por cento.

“No mínimo 30 por cento a gente vai cortar aí”, afirmou. “Concordo com vocês que há um exagero no número de comissionados nos ministérios.”

Bolsonaro usou como exemplo o caso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), dizendo que não haverá mais sigilo na instituição.

“Isso (exagero de cargos) vai ser revisto, vamos diminuir isso aí. Assim como o BNDES, por exemplo. Lá o sigilo vai ser zero. Não vai ter sigilo no BNDES”, prometeu.

Fonte: Agência Reuters




31 comentários em “Bolsonaro diz que melhor é que não haja tabelamento de frete e que assunto está sendo estudado

  • 25/04/2019 em 16:47
    Permalink

    Enfim os burros são os que carrega o peso e tem menos valor assim é os caminhoneiro aos olhos do governo

  • 16/04/2019 em 07:57
    Permalink

    Pois e se eu for trabalhar em qualquer empresa ou setor tem o preço estipulado, agora o caminhoneiro nao pode, isso é uma sacanagem, “”tem que ter o mínimo pra o frete “”

  • 18/03/2019 em 00:40
    Permalink

    Entendam que político brasileiro são todos mentirosos e ladrão, a população se espelha nos governantes, geral todo mundo vtnc, desejo morte aos brasileiros lixo

  • 17/02/2019 em 06:44
    Permalink

    A maioria dos caminhoneiro votou em bolsonaro. Agora estao vendo que foram enganados nao vai mudar nada ele vai governar para o interessedos mais ricos. So muda os mosquitos pois a merda e a mesma. O autonomo vai ser extinguido

  • 09/02/2019 em 21:01
    Permalink

    Só acho q se o frete e baixo só ninguém carregar, simples assim se eu não levo outro e mais outros não carregar vao ter q pagar mais , isto ninguém pode fazer obrigar a carregar .

  • 30/01/2019 em 19:01
    Permalink

    No agronegocio tem preço mínimo para SOJA. MILHO ARROZ FEIJAO ALGODÃO FUMO etc etc, mas preço mínimo para frete eles não aceitam.
    Pode isto ????

    • 08/02/2019 em 12:52
      Permalink

      Bem posicionado seu comentário.se frete não precisa de tabelamento.Agro negócio muito menos

  • 29/01/2019 em 17:25
    Permalink

    Tem uns tonto q pensa q nosso frete vai inflacionar o mercado. Pelo amor de Deus se a maioria dos fretes wuem fica com a maior parte é o atravessador. Se alguem acha q aomentar em 20 ou 30 reais a tonelada pra nos fazer 1500 km vai inflacionar wue pegue e carregue nas costa. Levamos do porto de rio grande a campo grande 1 tonelada por 130 reais q mau da pro oleo e pedagio fassa a conta o valor q sai o km rodado q deve dar uns 1500 km. Sera que 70 reais a mais alguem sentiria no bolso. Agora nos podemos arcar com está despesa pro povo tirar ferias viver melhor. E nos q muitos nem dente tem mais olhem nossa classe mais parece uns mendigo. Vão pro inferno quem acha q esta tabela vai inflacionar. Procurem ver quem ta ganhando em cima de nos seus idiotas.

  • 29/01/2019 em 17:16
    Permalink

    Todos nos sabemos q não é tabelamento e sim um preço minimo pra sobrevivermos e termos condicoes de conservar nossos caminhões. Não paramos ainda pois demos nosso voto de confiança a ele. Espero w este governo não pise na bola

  • 26/01/2019 em 14:14
    Permalink

    Isso é uma cachorrada,a tabela é lei tem q ser cumprida doa a quem doer,se mexer nela ,muito simples paramos o país novamente.Agora por 20 dias,aí eu quero ver.

  • 03/12/2018 em 10:34
    Permalink

    Gostaria de saber qual é a tabela de frete para cavalinho agregado a uma transportadora puxando uma carreta de três eixos.

    • 17/03/2019 em 08:16
      Permalink

      Carlos, tudo bem?
      Tabela para caminhão dois ou três eixos se seu cavalo for trucado. No caso, você recebe pela quilometragem total apenas para os eixos do seu cavalo.

  • 29/11/2018 em 17:04
    Permalink

    Ja mostramos que somos capaz

  • 22/11/2018 em 18:57
    Permalink

    Eu que não vou carregar inflação se não tiver tabela de frete eu paro não vou trabalhar de graça nan sou escravo

  • 19/11/2018 em 12:26
    Permalink

    Sr presidente se o sr tirar o tabelamento paramos de novo ok votei no Sr. Mas paralizamos novamente

    • 30/01/2019 em 19:03
      Permalink

      Eu tambem.
      Na agricultura tem preço mínimo para tudo mas nao pode ter preço mínimo para frete.

  • 18/11/2018 em 22:00
    Permalink

    Se o presidente abaixar os impostos de combustível, pneus e serviços para os caminhões, já não seria muito melhor do que uma tabela de frete que tá na cara que é INVIÁVEL para o mercado?

    Parem de pensar apenas em tabela de frete e mais tabela de frete. Isso nunca vai acontecer e de qualquer forma se acontecesse o valor voltaria no preço dos produtos que os próprios caminhoneiros e famílias consomem. Mais fácil as empresas comprarem frota (mesmo que pouca), criarem cooperativas e arrumarem outros meios do que pagar frete de tabela.

    Estão preocupados do presidente Bolsonaro acabar com a tabela de frete? E por acaso algum dia ela existiu?

    Cobrem a redução de impostos e outros pontos de melhorias, cobrem coisas que façam sentido.

  • 18/11/2018 em 13:14
    Permalink

    Não importa quem disse… pensa porra. É verdade. De que adianta debelar o frete se o combustível e as coisas continuam a subir???
    O governo empurrou com a barriga o problema… pensa porra.

  • 17/11/2018 em 17:15
    Permalink

    Será o nosso presidente também vai virar as costas pra nossa classe d CAMINHONEIROS???

  • 17/11/2018 em 07:06
    Permalink

    A culpa fos fretes baixos são dos próprios motoristas. Só feixar a carga que é barata parada, ninguem carregar , que quero ver se o dono dela não aumenta o valor

  • 17/11/2018 em 06:10
    Permalink

    Eu já tinha meu pé atrás com esse Bolsonaro, agora que já caiu no descredito, se virar contra a classe que o elegeu será o pior erro. PIPOCOU

  • 16/11/2018 em 15:03
    Permalink

    Se mexer na tabela de preços,com certeza os caminhoneiros voltam a paralisação.pronto!se parou o pais em maio, pára de novo!

    • 17/11/2018 em 06:56
      Permalink

      Pois é,eu sou caminhoneiro há mais de 20 anos e alguém pode me explicar o que é tabela de frete pra mim é como papai Noel e saci Pererê só ouço falar, más acho que não existe, pelo menos ainda não vi nenhum dos 3 nem papai Noel,nem saci e muito menos a tabela de frete,as empresas estão simplesmente ignorando e quanto as multas a multa da empresa vai pro CNPJ e eles vão questionar na justiça,j j a que cabe aos caminhoneiros essa sim vai ser no documento do caminhão e não renova documento sem pagar a multa

      • 24/11/2018 em 23:14
        Permalink

        Após a greve só carreguei preço de tabela, tem muito imbecil que carrega a baixo de tabela, eu mesmo só torço para esses sem vergonhas que carregam abaixo do preço irem a falência.

    • 17/11/2018 em 14:52
      Permalink

      Quero ver se tem “macho” para parar e fechar estradas com aquele que a turma de inocentes uteis elegeu para ser o próximo presidente!
      Vai ser só repressão contra o inocentes uteis. Me incluo, sou autônomo.
      Grande parte de seus ministros são generais, quero estar enganado…
      Tudo que tem apresentado até agora só beneficia a ELITE.
      AOS AMIGOS, OS BENEFÍCIOS DA LEI.
      AOS “INIMIGOS”, O RIGOR DA LEI

  • 16/11/2018 em 14:36
    Permalink

    Tem que acabar com fretes retorno muitas empresas ganhando milhões nas costas dos motoristas ok frota brasileira sulcateada

    • 17/11/2018 em 07:02
      Permalink

      Oque seria uma solução seria multar empresas que carregam caminhão em mal estado de conservação,comprometendo a segurança do proprio motorista como a de outros e acabar com o excesso de horário trabalhado se uma empresa que não seja do ramo de transporte aumentar a carga horária de 8 pra 11 horas dia vai acontecer uma revolução vão chamar de trabalho escravo enquanto motorista de caminhão que trabalhar 12/14 horas por dia é considerado preguiçoso normal pra motorista e16/18 horas isso beira o absurdo

    • 17/11/2018 em 07:03
      Permalink

      Bom dia Marco, só os motoristas pararem de dar carona para as cargas. Deixa as cargas de retorno parada lá pra ver se o preço nao aumenta

  • 16/11/2018 em 14:25
    Permalink

    Revogue a tabela que o Brasil para novamente, não mexe no bolso dos caminhoneiros!

    • 17/11/2018 em 14:56
      Permalink

      Caro colega, infelizmente existe um monte de “machão” escondido por detrás de um PC, na rua a coisa é diferente e vai ser ainda mais quando o eleito assumir o poder.
      Quero ver se tem “macho” para parar e fechar estradas com aquele que a turma de inocentes uteis elegeu para ser o próximo presidente!

      • 30/11/2018 em 06:17
        Permalink

        Acho que os gatos que repassa os fretes tem que ganhar menos

        Os fretes são bons o problema e as transportadoras que nos rouba

Fechado para comentários.