Governo Federal monitora possibilidade de nova greve de caminhoneiros

por Blog do Caminhoneiro

O governo já identificou sinais e movimentações de caminhoneiros no país que ameaçam dar início a uma nova paralisação. Os motoristas entendem que os principais compromissos assumidos pelo governo Michel Temer para encerrar a greve dos caminhoneiros em 2018 não estão sendo cumpridos.

Os monitoramentos são feitos pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que tem por missão se antecipar aos fatos para evitar problemas para o governo. As investigações apontam que teve início uma articulação por meio de mensagens de WhatsApp, que já começam a falar em paralisações para o dia 30 de março.

O governo quer evitar, a todo custo, que qualquer tipo de paralisação aconteça. Não quer, nem de longe, imaginar que pode enfrentar o mesmo problema que parou o País no ano passado.

Os primeiros dados são de que, neste momento, o movimento não tem a mesma força percebida no ano passado, mas há temor de que os caminhoneiros possam se fortalecer e cheguem ao potencial explosivo da última greve. Dentro do Palácio, o objetivo é ser mais ágil e efetivo e não deixar a situação sair de controle por ficarem titubeando sobre o assunto, como aconteceu com o ex-presidente Michel Temer, no ano passado.

Conversas com a Casa Civil

Na semana passada, Wallace Landim, o Chorão, presidente das associações Abrava e BrasCoop, que representam a classe de caminhoneiros, teve reunião com o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. Chorão também teve encontro com a diretoria da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e, ontem, se reuniu com o secretário executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio.

Segundo Landim, os ministros disseram que, até a próxima semana, o próprio presidente Jair Bolsonaro deve se manifestar sobre os pedidos dos caminhoneiros. Na pauta de reivindicações da classe estão alguns pleitos.

O primeiro pedido diz respeito ao piso mínimo da tabela de frete. Os caminhoneiros reclamam que as empresas têm descumprido o pagamento do valor mínimo e cobram uma fiscalização mais ostensiva da ANTT. A agência, segundo Landim, prometeu mais ações e declarou que já fez mais de 400 autuações contra empresas.

O segundo item da pauta é o preço do óleo diesel. Os caminhoneiros querem que o governo estabeleça algum mecanismo para que o aumento dos combustíveis, que se baseia em dólar, seja feito só uma vez por mês, e não mais diariamente.

Wallace Landim afirma que não é a favor de uma paralisação no próximo dia 30, porque acredita que o governo tem buscado soluções, mas diz que “o tempo é curto” e as mudanças estão demorando. “Não acredito que deva ocorrer greve no dia 30, mas paralisações não estão descartadas. Estamos conversando.”

Por meio de nota, o Ministério de Infraestrutura declarou que, no Fórum dos Transportadores Rodoviários de Cargas realizado ontem, esteve reunido com lideranças do setor e ouviu as demandas. O governo confirmou que tratou do piso mínimo, pontos de paradas e descanso e o preço do óleo diesel.

Fonte: Gazeta do Povo

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

30 comentários
0

Artigos relacionados

30 comentários

Jasiel borges 24/03/2019 - 11:06

Acho importante tambem botar em pauta a aposentadoria dos caminhoneiros ja que a classe sempre trabalha a mais doque todo mundo chegando a mais de 20 horas por dia.
Essa informaçao deveria chegar ao conhecimento do presidente jair messias bolsonaro.

Reply
Thiago Garcia. 24/03/2019 - 09:47

Com a tecnologia que temos hoje tinha que ter um aplicativo que ligasse diretamente o embarcador com o caminhoneiro, acabando com o agenciador. Acabava essa festa do atravessador do frete.
Embarcador paga tabela mínima e motorista recebe o valor cheio.

Reply
Motorista autônomo 23/03/2019 - 21:06

pega troca carreta basculante vanderelia 2013/2014

Reply
Agnaldo lago 23/03/2019 - 20:59

Sou autônomo e nan sou a favor de paralisação no momento nan sou massa de manobra vamos deixar nosso presidente trabalhar e . Totalmente contra nan e o momento prestem atenção o país vai crescer estamos no caminho certo mais uma vez vamos deixar bolsBolso trabalhar ok

Reply
Raphael 24/03/2019 - 16:19

Ninguém está impedindo o teu presidente de trabalhar.
Só os próprios filhos.
O problema é que ele não sabe trabalhar.
30 anos de mamata e não aprendeu nada.
Estamos à deriva…

Reply
joseane 24/03/2019 - 17:05

Parabéns pelo bom senso Agnaldo Iago. Pena que falta esse item a um bom nº de brasileiros que se dizem a favor do Brasil e que se tornam, através da anomalia extremista da esquerda acéfala, massa de manobra.

Reply
ricardo 25/03/2019 - 11:08

faz 3 meses que bolsonaro assumiu e ão fez nada por nós pelo contrário aumentou o diese 15% já eu estou gastando 2 mil a mais do que gastava em dezembro isso é safadeza com nossa classe além da tabela que ele não faz nada pra ser cumprida.

Reply
RODRIGO MESQUITA FERREIRA LIMA 23/03/2019 - 20:54

Está passando da hora de parar tudo, o governo não tem se preocupado em resolver o problema pelo contrário, tem fechado os olhos pra situação então devemos sim nos articular e parar para que possamos ver nosso direito ser cumprido.

Reply
Adalto 23/03/2019 - 19:56

Vamos lutar pelo nosso direito , o presidente sabe que o óleo tá aumentando ele tem que fazer alguma coisa pra nao aumenta mais

Reply
José Manuel dos Santos 23/03/2019 - 19:32

As empresas transportadoras de cargas que operam no país não colabora com o GF, uma vez que na maioria dos casos cerca de 80 por cento não pagam a tabela do frete.
Os aumentos de diesel estão ocorrendo com frequência sem repasses para os caminhoneiros.
Precisa intervenção urgente do GF para que não tenha nova paralização o que traria sérias consequências para o Brasil.

Reply
Adalto 23/03/2019 - 18:24

Nos tem que fazer greve mesmo , o oleo todo dia aumenta , espero nosso olha nosso lado

Reply
Marcelo Silva Lopes 23/03/2019 - 17:53

O governo tratou sobre piso mínimo frete, ponto de parada e descanso e preço do diesel!!!!! Estamos esperando pelo apoio que lhe foi dado.

Reply
Marcelo Silva Lopes 23/03/2019 - 17:45

O petróleo é nosso… Comédia pura, vai encher um tanque 600 litros a 3.32 para ver, o preço do combustível encarece toda a operação, o valor do óleo deveria ser de 2.50 isso sim.

Reply
Marcelo Silva Lopes 23/03/2019 - 17:39

Transporte se encontra uma vergonha, empresas não pagam frete justo, agregando caminhões para fugir dos compromissos, também, não há fiscalização. Até esse momento não vi nada realizado para nossa classe por esse que tanto lutamos para colocar a frente desse Brasil! Se tiver que parar estou junto, e melhor parar e lutar por valorização do que parar por não poder trabalhar e dar condições para o caminhão ou para nossas famílias em casa. Transporte uma vergonha.

Reply
Roger 23/03/2019 - 16:48

Acho q deve parar sim pq o governo não tem respeito pela classe infelizmente essa fiscalização só funciona pra multar o caminhoneiro autônomo e as empresas nada as transportadora estao recebendo o piso minimo mas nao estao repassando a tabela pro autônomo a greve favoreceu só as grandes empresas ta na mão da antt se o ciote vai pra ela na hora de manifestar a carga pq não bloquear o embarcador essa conversa de q estão fiscalizando é só pra o governo ganhar tempo e criar mais uma lei q ferra com o transporte terrestre e o autônomo observem o óleo já está no mesmo valor da greve em 2018

Reply
Jefferson 23/03/2019 - 16:13

Esse chorão e um aproveitador não representa nossa categoria o governo vai quebrar a cara fazendo acordo com esse ai noz vamos parar sim pois ninguém aguenta mais tanto descaso e esses cidadãos que se dizem lideranças fazendo acordo sem noção e melhor o governo ouvir as lideranças certas e rápido

Reply
JoséLuiz Ervolino 23/03/2019 - 16:09

Faça se cumprir a lei tabela de fretes aí nos autônomos não pararmos por que está uma covardia com os motorista ninguém cumpre a lei e o governo não quer greve…

Reply
Wlademir Fernandes de Souza 23/03/2019 - 15:53

Tem que parar mesmo.

Reply
Nicailsom 23/03/2019 - 15:37

Olha minha opiniao o valo do frete ta ok tabom, agora oq nao ta dando eo preco do disel c baixa o disel ta bom de mais so caminhoneiro e sei como e o frete da agora tem q baixa o disel, mas vai ter gente q ainda fala nao mas o freta ta rui e ta rui e todo mundo carrega mesmo rui e o disel cara ai vc ja imagino c baixa o disel vai da pra carregar tranquilo eu quero q baixe o disel 3 reais ta otimo maravilhoso de 3 reais da pra todo mundo vive tranquilo falo por experiaencia.

Reply
André 23/03/2019 - 16:07

Que três reais coisa nenhuma tinha que ser uns ,2.50 o litro pra vc conseguir trabalhar sem depender dessas transportadora que não respeitam nada

Reply
Rodrigo 23/03/2019 - 20:29

2.50 não. Tinha que ser 2 reais NO MÁXIMO!

Reply
Vanderlei 23/03/2019 - 18:47

3 real ao litro! Você deve ter um caminhão q faz 10 km por litro. Sabe de nada….

Reply
Donnie Ellison Silva azevAze 23/03/2019 - 15:00

Vamos parar mesmo e preciso, as empresas nao obedecem a tabela e o valor do diesel é extremamente abusivos, essas transportadoras eeou atravessadores também ferram com a classe, ficam com mais da metade do valor do frete e não repassam os pedágios, muita covardia com a classe, falta de respeito e exploração e mato, só querem estorquir a classe, tem que ter alguma mudança urgente

Reply
Roberto 23/03/2019 - 13:42

Tem que parar mesmo…….

Reply
Rubens 23/03/2019 - 15:25

Paralisação é preciso não damos mais conta das despesas o que ganhamos não mantem o caminhão..já faz um ano nada que foi colocado foi cumprido só enrolação do ministro..

Reply
Matheus 23/03/2019 - 13:09

O trabalhador tem q ter mas valorização e diguinidade

Reply
André 23/03/2019 - 16:13

Pra falar bem a verdade quem sempre está levando a melhor são esses atravessadores e agência de transporte ,os caras estão ficando rico nas nossas Costas ,esses dias que passou teve um cidadao desses que agencia carga ganhou em cima de mim MIL REAIS sem fazer nada , FIQUEI MUITO INDIGNADO

Reply
Alexandre de Assis 23/03/2019 - 13:06

Acho bom; o governo olhar com bons olhos a categoria pois a mesma faz pelo país a tempo .já nao dá mas para ficarmos só no bla bla.

Reply
Carlos Alberto Agostin 23/03/2019 - 16:02

Tem da um jeito tenho carreta carga seca não vejo frete na tabela até hoje se for carg tabela não trabalha não repassam nem pedágio tudo balela as transportadoras cobram tabela de seus clientes mas não pagam p os caminhoneiros preco diesel abaixou 1,94 não chegou na bomba só q dois três dias depois subiu 1,47 aí chega rapidinho sem dizer preco pneus novos descolagem e manutenção sobe todo dia frete não acompanha tenho 25 anos no ramo eu meu pai meus irmão primos nunca passamos tanta dificuldade como nos últimos 5 anos moral da história transportadora posto gasolina revendedora de combustível concessionária de rodovia e outros tudo explorador e ladrão e o Gov não faz nada

Reply
Elimar 23/03/2019 - 17:49

A categoria de caminhoneiros não tem noção da força que tem, mas estão sendo usados por intermediários que lucram com o sofrimento do estradeiro, greve na situação que está o país, só vai servir para perder o apoio da populacao. O caminho e acabar com os intermediários e baixar o valor do diesel, bem como não ceder ao achaque de policiais e fiscais corruptos, a polícia tem de garantir a segurança do caminhoneiro, mas alguns desvios de policiais corruptos tiram o sossego e não garante segurança na estrada.

Reply

Escreva um comentário