Ministro Tarcísio de Freitas diz que governo federal vai acabar com atravessadores dos fretes




Foto Alberto Ruy/Ascom Infraestrutura

O ministro Tarcísio Gomes de Freitas participou de audiência na Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira (03). Durante mais de 5 horas, o ministro apresentou os principais projetos e ações do Ministério da Infraestrutura, prestou contas e respondeu aos questionamentos dos parlamentares.

Durante a audiência, Tarcísio destacou a importância de desburocratizar o setor de transportes rodoviários para os caminhoneiros. Uma das medidas, que já está em estudo, é o lançamento de um documento único de transporte eletrônico, inicialmente no estado do Espírito Santo, que vai retirar os atravessadores do processo do frete de cargas. A intenção é diminuir a atividade do atravessador, que, segundo Freitas, fica com o dinheiro do frete do transporte de cargas.

“É muita burocracia, e por isso estamos unificando esses documentos em um só, um documento de transporte eletrônico, para tornar a vida do caminhoneiro mais fácil e tirar o atravessador do processo. Portanto, a nossa ideia é reduzir os atravessadores, usar a tecnologia de informação para conectar o transportador com o embarcador, acabar com os intermediários no processo”.

Sobre as rodovias, o ministro priorizou a pavimentação dos trechos restantes da BR-163 e posterior concessão, mesmo com o contingenciamento de recursos. “Ela vai ser preservada. Há um consenso dentro do governo que é fundamental. Estamos firmes na meta de concluir a pavimentação até Miritituba neste ano”, avaliou.

Ele também pontuou aos deputados a questão do licenciamento ambiental da BR-319/AM, que liga as cidades de Manaus (AM) e Porto Velho (RO). “Estamos completamente focados em iniciar a pavimentação para diminuir o sofrimento daqueles que precisam utilizar a rodovia. É absurdo a pessoa ficar 3 ou 4 dias no atoleiro porque não tem asfalto”, enfatizou.

Segundo Tarcísio, o governo também pretende reduzir a burocracia e os custos para os trabalhadores do setor e para a população em geral. Ele destacou que não há evidência técnica que o uso do simulador veicular agrega ganhos em termos de índices de acidentes.

De acordo com o ministro, um piloto da Força Aérea Brasileira não precisa passar por teste com simulador de voo para exercer a profissão. Por isso, o equipamento não é necessário para os aspirantes a condutores de automóveis. “Não há evidência técnica que o uso do simulador agrega ganhos em termos de índices de acidentes. A gente quer corrigir isso tecnicamente e vai ter espaço para debate. A desburocratização não vai significar precarização da formação do condutor”, destacou.

 




15 comentários em “Ministro Tarcísio de Freitas diz que governo federal vai acabar com atravessadores dos fretes

  • 17/04/2019 em 09:23
    Permalink

    Deveria acabar com esse negócio do caminhoneiro ter que procurar um despachante pra fazer ou renovar a antt a gente paga 350.00 reais para fazer isso poderia a gente mesmo fazer só lançar os dados o set e pronto dos nós somos saqueados todos os dias

    Resposta
  • 17/04/2019 em 09:18
    Permalink

    Eu queria que o Sr ministro desse uma olha na questão do pedágio da br 135 a diferença do pedágio e do diesel em uma viagem da br 040 a montes claros ida e volta em um nutrem 9 eixo o diesel fica mais caro que o pedágio 245.00 isso é um assalto

    Resposta
  • 08/04/2019 em 08:26
    Permalink

    Esse negocio de tirar atravessadores é um sonho,nós autônomos não tem condições de fornecer um trabalho de qualidade e segurança para empresas com por exemplo “SEGURO DE CARGA,LOGISTICA ESTOQUE DE CARGA,VEICULO ESPECIAL PARA TRANSPORTE DE DIVERSAS CARGAS,AUTORIZAÇÕES DIVERSAS,ETC,agora o que realmente se deve fazer é cumprir tabela a risca e se pegar autônomo carregando fora da tabela deve-se multar o embarcador em 100 vezes o valor do frete e o autônomo tambem tomar multa de 10 vezes o valor real do frete,só assim as coisas vão começar a mudar.

    Resposta
  • 07/04/2019 em 14:52
    Permalink

    Vender a idéia de que pedagiar as estradas é a solução vai nos levar a uma das maiores ilusões da história. Nenhuma agencia reguladora cumpre seu papel. Trabalham só para o lado do grande capital. Isso é uma fábrica de injustiças. Tanto que em países desenvolvidos já estão reestatizando empresas de grande impacto na promoção do bem comum. Lotario Wessling

    Resposta
  • 06/04/2019 em 07:17
    Permalink

    Vai sim tô vendo que tao fazendo muita coisa boa

    Resposta
  • 04/04/2019 em 18:46
    Permalink

    É só isso ,tirar os atravessadores ou seja as transportadoras . Simples assim

    Resposta
    • 04/04/2019 em 22:23
      Permalink

      Ué os atravessadores sao as transportadoras, porque só elas conseguem tirar a carga da indústria, e repassam para os autônomos do preço que eles querem. De um jeito que acaba forçando os autônomos a carregar, se não vai ficar dias e dias sem ganhar nada e as contas só chegando..

      Resposta
  • 04/04/2019 em 17:14
    Permalink

    Eu acho que o Aroldo Alves é atravessador, ele ficou muito bravo. Parabéns Ministro.

    Resposta
  • 04/04/2019 em 15:27
    Permalink

    Parabéns, tem que acabar com os atravessadores mesmo , o motorista autônomo só fica com as migalhas , estamos quebrados e não sabemos quanto tempo vamos aguentar se nada for feito!!!!

    Resposta
  • 04/04/2019 em 13:05
    Permalink

    Combustíveis e pedágios caríssimos, isso não precisa mexer? Acho engraçado, esse é o governo brasileiro!

    Mexe com os grandes também ministro, cade uma reunião com as empresas que exploram as rodovias? Aperte esses caras também, mecha na Petrobrás! Mostre a que veio governo Bolsonaro!

    Acho engraçado, eles ficam se preocupando com formiguinhas 😤

    Combustíveis e pedágios baratos, vai refletir em tudo e em todos! Todos iram sentir, do pobre ao rico!

    Já tá virando palhaçada já viu, é muita viagem para o exterior e aqui dentro mesmo só promessa!

    Resposta
    • 04/04/2019 em 21:06
      Permalink

      Formiguinhas ? Uma empresa que pega um frete no valor de dez mil .manifesta paga o seguro tira o icms do frete e passa o para o autônomo por quatro mil e quinhentos você chá de formiguinha? Compre um caminhão e tenha a mesma opinião que eu te indico um pisiquiatra

      Resposta
    • 06/04/2019 em 06:44
      Permalink

      Sei dizer que do geito que tá vai dá uma greve jamais vista p esse governo

      Resposta
  • 04/04/2019 em 12:47
    Permalink

    Graças à Deus tomará tem q acabar com esses urubus

    Resposta
    • 04/04/2019 em 20:58
      Permalink

      Tem que acabar com essas transportadoras, que 90 % delas não tem um caminhão siquer é ganham muito dinheiro nas nossas costas.!!!!!!

      Resposta
      • 06/04/2019 em 06:41
        Permalink

        Esse governo tem que reduzir impostos e burocracia p os autonomos.nis estamos cm saída mais um governo mínimo

Deixe sua opinião sobre o assunto!