ANTT inaugura centro de informações para auxiliar a fiscalização de rodovias no país

por Blog do Caminhoneiro

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) inaugurou, nesta terça-feira (17), o Centro Nacional de Supervisão Operacional (CNSO). O Centro será um aliado na fiscalização de rodovias e vai receber imagens das câmeras instaladas nas estradas e ferrovias em todo o país.

O Centro é um ambiente físico e tecnológico que tem como objetivo armazenar, analisar e transformar um grande volume de dados em informações estratégicas. O levantamento será usado para fiscalizar, modernizar e agilizar o processo de auditoria; inovar os serviços de transportes terrestres; integrar as bases de dados em tempo real; e promover a gestão inteligente da informação e a interoperabilidade com entes externos.

“Isso aumenta o poder de fiscalização da agência reguladora sobre os concessionários. É a tecnologia de informação vindo ao encontro da regulação e ajudando a Agência nessa tarefa”, explicou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

A intenção é, cada vez mais, aumentar o diálogo com outros agentes externos, como a Polícia Rodoviária Federal, o ministério da Justiça e Segurança Pública, o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e a Receita Federal.

“Essa ferramenta vai possibilitar infinitas operações e parcerias. A ANTT quer também maior aproximação das concessionárias para ter acesso a informações e monitoramento dos contratos”, afirmou a diretora da ANTT, Elizabeth Braga.

Um dos desafios do novo Centro é a modernização da malha rodoviária e ferroviária, além da fiscalização dos serviços de transporte terrestre, como monitoramento das rodovias, transporte de passageiros e transporte de cargas.

Segundo dados da ANTT, o Brasil tem hoje 9.696 km de rodovias concedidos à iniciativa privada. Nos próximos anos, mais dezesseis mil quilômetros devem ter a mesma destinação. No transporte ferroviário, são 30.576 quilômetros de ferrovias no país. Nos próximos anos 1,5 mil quilômetros de ferrovias devem ser destinados à administração de grupos privados.

Para o diretor-geral da Agência, Mario Rodrigues Junior, o Centro é um divisor de águas no Brasil. “É um marco. Não temos nada parecido no Brasil, nem ficamos devendo pra nenhum país do mundo”.

Fonte: Governo Federal

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

Artigos relacionados

6 comentários

Marco Antônio cortez 20/12/2019 - 13:14

Mas um órgão para corruptos cabide de emprego .só isso esse filho de um verme não está preoculpado com caminhoneiros .
Nós que temos que acordar para esse país por tempo indeterminado

Reply
vilmar antonio tramontini 20/12/2019 - 07:41

Mais um cabidão de indicados politicos.

Reply
Zé Cueca 19/12/2019 - 19:26

Parece piada de mau gosto!
Essa ANTT está ai para proteger os concessionários e não os consumidores! Quer ver como isso é verdade? Faça uma reclamação de rodovias com piso ruim e até em péssimo estado e vocês verão a resposta pronta. Sempre dizendo que estão informando ao concessionário e solicitando reparos, mas estes nunca chegam!
Hoje não perco mais tempo solicitando ação dessa agencia para reclamar de pistas ruins e até em ´péssimos estados de conservação, pois os problemas continuam da mesma forma e ainda piorando. Vejam os casos da BR-040, entre Juiz de Fora e Brasilia! O piso é tão ruim que nem nos tempos de abandono de FFHHCC.
O trecho entre JF e RJ segue o mesmo padrão, um pouquinho melhor mas nada que se possa festejar, é cada tipo de reparo no piso que o caminhão sofre as consequências no sie=tema de suspensão, na subida da serra de Petrópolis a coisa chega ao absurdo! Mas o pedágio continua com o preço de pista para aviação que não pode sofrer emendas!
Ainda vem com essa estória de centro de informação!!!!

Reply
Zé Cueca 19/12/2019 - 19:28

Afinal, somos os mantenedores e também os palhaços que sustentam essa gente sem compromisso!
saudades da época que o DNER assumia a manutenção das estradas brasileiras!

Reply
Ezequiel Neto 19/12/2019 - 12:27

Já acabaram com a corrupção na ANTT?

Reply
Marco Antônio cortez 20/12/2019 - 13:15

Nunca vai acabar

Reply

Escreva um comentário