Bolsonaro diz que governo está trabalhando para baratear combustíveis

por Blog do Caminhoneiro

O presidente Jair Bolsonaro reconheceu ontem (16) que o preço dos combustíveis está alto no Brasil e disse que a quebra do monopólio da Petrobras é uma das formas de diminuir o valor para o consumidor.

“Lá na refinaria o preço está lá embaixo, fica alto [para o consumidor] por causa de impostos estaduais, ICMS [Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços] basicamente, e, depois, o monopólio existe na questão da distribuição e nós estamos buscando quebrar esse monopólio para diminuir o preço. Só com a concorrência ele pode diminuir”, disse ao deixar o Ministério da Infraestrutura, após reunião, em Brasília.

A Petrobras possui o monopólio do refino de combustíveis no Brasil e, apesar de não ter o monopólio também da venda e distribuição, é líder nesse mercado.

De acordo com Bolsonaro, a equipe econômica tem trabalhado buscando soluções para o barateamento dessa energia, com o estímulo aos investimentos no setor.

“Estamos fazendo o possível para baratear o preço do combustível, reconhecemos que está alto no Brasil”, afirmou o presidente da República.

“Preço médio do diesel na refinaria [é de] R$ 2,26, e aí tem impostos estaduais, municipais também, custo da logística, da distribuição, tem o lucro do posto”, afirmou.

Sobre o etanol, Bolsonaro disse que a proposta é autorizar a venda direta das usinas até aos postos de combustível.

“Tem caminhões de transporte que andam 400 quilômetros para entregar etanol a 1 km da usina, isso é um absurdo. Tem gente que é contra porque há interesses de grupos econômicos no Brasil, Não é fácil buscar solução para tudo, mas estamos fazendo o possível. [Com] um pouco de colaboração por parte de outros setores da sociedade, em especial o político, dá para resolver esse assunto”, finalizou.

Fonte: Agência Brasil

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

Artigos relacionados

6 comentários

Lotario Wessling 21/12/2019 - 17:02

Na questão dos preços dos combustíveis vale lembrar que deste o governo Collor a esculhambação se instalou. A concorrência que dá certo no mundo inteiro aqui vira em cartéis. Soa como utopia, mas, deveria voltar o preço único em todo país. Como fazer isso é a grande questão. E, além do mais, com tantas mudanças anunciadas que acabam não se confirmando, fica cada vez mais difícil acreditar no que é anunciado pelo presidente. Lotario Wessling, Venâncio Aires RS

Reply
Kleber N O Franca 18/12/2019 - 08:59

NOTICIA FAKE COMO O PROPRIO PRESIDENTE, JA ESTA EM ESTUDO MAIS UM AUMENTO DOS COMBUSTÍVEIS PARA ESSA SEMANA MAIS TARDAR ATÉ ANTES DO NATAL.. ESSE FDP NUNCA ESTEVE PREOCUPADO COM OS BRASILEIROS QUANTO MAIS PELO BRASIL

Reply
Ezequiel Neto 19/12/2019 - 09:22

Se eu fosse o dono do Blog deletaria na hora mensagens ofensivas de covardes que pensam estar escondidos atrás do anonimato e passam a ofender pessoas e até o presidente da republica. Um sujeito desse parece não respeitar nem a si próprio além de correr o risco de pegar uma cadeia por difamação.

Reply
Bruno 18/12/2019 - 08:13

É um situação complexa. Se for exigido uma ´´tabela“ de preço máximo do petróleo nenhuma empresa privada fica no país, afinal, nenhum empresário quer ter seu preço travado, sem autonomia.
A única saída é reduzir impostos, porém, se o presidente fizer isso na base da ´´canetada“ ele sobre processo de Impeachment devida a lei responsabilidade fiscal, onde fala que para reduzir um imposto, outra receita tem que ser criada no lugar para cobrir o buraco.

Ai vem a terceira saída. Reduzir o gasto do governo, cortar regalias. PORÉM, como ele vai conseguir isso com esse bando de vereadores, deputados, senadores e STF safado mandando em tudo la?

E ai, como faz?

Reply
Marinaldo 17/12/2019 - 13:21

Senhor presidente se o petróleo e nosso porque temos que pagar em dólar e pra sustentar os acionistas americanos se tem que deixa o dólar subi pra vender as comods mais barato prós americanos, resumindo somos colônia dos americanos nós ganhamos em real pra sustentar os americanos se não for isso então troque nossa moeda pra dólar aí vamos ganhar como os americanos

Reply
Sérgio 17/12/2019 - 12:49

Se o preço na refinaria é relativamente baixo e os impostos incidentes no litro, encarece sobremaneira o diesel, o problema está na estatal?? Acho que a primeira coisa que deveria ser feita nesse país era reduzir a carga tributária. Estamos matando o gado para acabar com o carrapato!!!

Reply

Escreva um comentário