Governo avalia que chance de greve de caminhoneiros é pequena

por Blog do Caminhoneiro

O governo federal acredita que são pequenas as chances de uma nova greve nacional dos caminhoneiros, como a ocorrida em 2018. A informação foi dada ontem (9) pelo porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, em coletiva de imprensa. Ele ressaltou o diálogo que o governo vem mantendo com a categoria para o encaminhamento das demandas do setor.

“Nós entendemos que é pequena essa possibilidade [de greve]”, disse o porta-voz. A liderança de um grupo de caminhoneiros chegou a falar em greve no dia 16, mas a maior parte dos representantes da categoria descarta o movimento.

“O ministro Tarcísio Freitas tem afirmado em diversas oportunidades que as portas do Ministério da Infraestrutura estão abertas para o diálogo com essa importante classe de trabalhadores, o próprio presidente reafirma o seu apreço por essa classe, já reafirmou no início do ano e ratifica o seu apreço, e que ela tem sido a melhor forma de dar solução a essas questões. Ou seja, o estabelecimento do diálogo é a melhor forma de dar soluções às demandas dessa classe”, destacou Rêgo Barros.

Na semana passada, representantes do governo, empresários, sindicatos e federações de caminhoneiros se reuniram em Brasília para tratar de temas como o custo do frete. Foi a 35ª reunião do Fórum Permanente para o Transporte Rodoviário de Cargas (Fórum TRC). O Fórum TRC representa 2,6 milhões de caminhoneiros, 37.386 empresas, 1.584 sindicatos e 75 federações.

Fonte: Agência Brasil

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

37 comentários
0

Artigos relacionados

37 comentários

JCR1971 12/12/2019 - 16:40

Estou no transporte a 30 anos, pior situação que vivenciei, são tantos veiculos para transportes, que não tem como cobrar frete, pessoal estamos sem horizonte, grandes empresas tomaram conta, infelizmente é o fim do autônomo, encostei meu cargueiro dei o talento e vendi.

Reply
Alex 12/12/2019 - 16:37

Pessoal, ou a gente defende o livre mercado ou a gente defende a intervenção no preço dos combustíveis. As duas coisas ao mesmo tempo não dá

Reply
Nicolas_RS 12/12/2019 - 05:59

Da vergonha de ler alguns comentários. Tem uns ai que é literalmente massa de manobra.

O preço do Diesel está caro por falta de INFRAESTRUTURA! O Brasil não tem refinarias suficiente para atender o mercado todo, e sabe de quem é a culpa? PT! O Partido que ficou mais de 1 década e não fez praticamente nada para mudar. Na pratica o Brasil vende petróleo bruto e compra refinado.

Ai vem um bando de analfabetos que não passa de manobra dizendo que o atual governo é o culpado… O Governo que asfaltou a BR-163, alem de reformas em outras dezenas de BR. De norte a sul.

Reply
Rodrigo 12/12/2019 - 13:01

Analfabeto é você. Pensa que a Petrobras, que foi fundada na época do Governo Getúlio Vargas, não teve TEMPO e DINHEIRO DE SOBRA pra construir um monte de refinarias? Teve, porém, sendo uma estatal ela sofreu desmandos de um bando de incompetentes e corruptos que nunca aproveitaram as oportunidades de melhorar a capacidade de refino, fora outras figuras que saquearam a empresa e ATÉ HOJE TE GARANTO QUE AINDA ESTÃO ROUBANDO.

No fim das contas a culpa dessa situação é SIM do GOVERNO, e pra eles VOCÊ é o tipo de pessoa perfeita por ser só mais um dos que defendem as khagadas deles.

Não temos como ir à lugar algum com um povo tão desunido assim. Dá pra perceber pelos comentários. Uns contra os outros, uns à favor de serem pisoteados pelo desgoverno indo CONTRA os mais vulneráveis e fracos que estão tentando lutar pelo direito de conseguir seu pão de cada dia. Povo lixo tem o governo que merece, e os melhores de nós hoje estão trabalhando em países decentes.

Reply
Souza 11/12/2019 - 20:25

Oque tem que parar e esse caminhoneiros que carrega no app como frete Braz e outros por aí que não pagam nem o óleo e tem besta que roda se ficar pior do que tá tem sim haver greve sim e a população ajuda pois todo mundo Aki usa combustível sendo caminhoneiros ou não

Reply
Mourão Santarém 12/12/2019 - 06:59

Conversa vai conversa vem e só que ganha é as transportadoras. pra elas tá tudo muito bem os autônomos reclama mas continua carregando não se programa nem adianta fazer greve. passa um mês vira bagunça na verdade não se organiam

Reply
Cássia 11/12/2019 - 18:59

Parem então os caminhões do mundo inteiro se o problema é o disel, pq o barril de petróleo tem a mesma cotação no mundo todo. Está greve está sendo organizada por CUT e sindicatos, querem usar a força real da classe pra trazer atraso pro Brasil. Mostram que não estão nem aí pra o Brasil, estão preocupado e com as mamatas. Sem contar que a galerinha do grão não se importa com os demais. Quem vai pagar o prejuízo de uma greve agora.? Dividiram o transporte e agora pregam de lutadores. Foram inteligente pra criar uma discórdia com o agro, acharam que tinham o mundo nas mãos, agora que falta frete ficam aí.

Reply
Souza 11/12/2019 - 21:57

Não filha pelo jeito vc não sabe que Aki no Brasil e um país corruptos e que todo mundo quer levar vantagem encima do caminhoneiro e vc não sabe o qto gasta um caminhão e vc quer comparar o Brasil com outros pais lá o combustível e barato e se ganha muito melhor do que Aki no Brasil e lá às pessoas tem respeito pelo o caminhoneiro blz

Reply
Mourão Santarém 12/12/2019 - 07:01

Falou bonito

Reply
Marco Antônio cortez 11/12/2019 - 17:53

Bolsonaro está sendo covarde com os caminhoneiros ele foi eleito por nós o diesel está um absurdo cada vez mentindo mais esse ministro da infraestrutura não sabe nem o que comeu ontem na janta esse verme temos que parar sim

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:11

Com todo respeito, não paro meus dois caminhões! Parei no ano passado, nesse ano não paro, nem que eu chame a polícia, mas eu vou passar por qualquer lugar que houver paralisação!

A culpa da situação difícil entre os caminhoneiros é dos próprios caminhoneiros! São todos frouxos, só são homens com um celular na mão, na hora do vamos ver, todos arregam!

O Diesel pode custar R$ 10,00 o litro, não tem problema nenhum, pois a tabela seria reajustada a cada aumento de 10%, mas o que os frouxos fizeram??? Após a greve não tinha ninguém respeitando a tabela, todos os caminhoneiros carregando fora da tabela. Eu pessoalmente fiquei com meus dois caminhões parados mais duas semanas após a paralisação, pois se não fosse pela tabela eu não carregava, mas o que eu percebia, o frete que eu recusava, em menos de 1 hora tinha alguém que aceitava. Ou seja, algum bundão que era homem demais para inflamar na paralisação não era homem para fazer cumprir um direito adquirido.

Por esse motivo eu não paro, porque após a paralisação as coisas serão as mesmas porque a classe é desunida, é formada por aproveitadores, por corruptos que se vendem por qualquer migalha.

Reply
RODOLFO 11/12/2019 - 17:56

Falou e disse, parceiro!! É a classe mais desunida que eu conheço. É um querendo foder o outro colega do trecho.

Reply
Wagner Péppe 11/12/2019 - 17:09

Fake News essa greve!!
#soucaminhoneironãoapoioessagreve

Reply
Luís Augusto Vieira 11/12/2019 - 11:00

Mas qual a melhoria real do governo para os caminhoneiros? Só o diesel já subiu 11 vezes esse ano. E ainda tem pedágio, manutenção do caminhão, refeições e mais um monte de gasto aí.
Só apreço não resolve. Tem que ter melhoria real.
GREVE SIM!
GREVE JÁ!

Reply
André Neres 11/12/2019 - 14:45

Apoia a greve é única forma de mostrar a nossa força e o nosso poder

Reply
José Paulino silva 11/12/2019 - 07:52

Vende a Petrobrás ,divide por dez multi nacional aí o preço cai .livre concorrência.

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:30

Tem que fazer isso com distribuidora de combustíveis, bancos, telefonia, companhia aérea, seguradora….

Tudo no Brasil é concentrado nas mãos de 4 ou 5 (com excessão dos combustíveis que é monopólio), aí fica fácil tudo ser caro e ruim

Pluralisa tudo e vamos andar pra frente, Brasil!

Reply
Edmar Portugal 11/12/2019 - 20:05

Com certeza José Paulino, tem que vender essa droga de Petrobras aí o diesel vai ter preço bom. E esses colegas que não manifestam , não estão podendo nem comer e querem mostrar q estão do lado do governo. Eu estou com o Bolsonaro mas ele até agora não fez nada por nós caminhoneiros

Reply
Douglas Carvalho 10/12/2019 - 18:45

Portas abertas pra quê? Pra quem? Pra alguns que se intitulam representantes da categoria? Coisa nenhuma, vão lá só pro rega bofe, ganhar medalha, posar pra foto e vir a midia contar mentiras. Frete que é pago a metade do que vale, diesel que consome 75% do frete e pedágios até em estradas que nem acostamento tem, isto é ter apreço pela classe? Conta outra, puxou o apoio dos caminhoneiros pra se eleger e agora fica mandando recadinho de “apreço” pela categoria. A categoria não precisa de apreço, precisa de REMUNERAÇÃO que pague os custos da viagem, a manutenção, a capitalização do bem, o sustento e o conforto da família que fica abandonada enquanto o progresso do país é transportado por nós. NÃO TEMOS SEQUER O RESPEITO DAS TRANSPORTADORAS QUE FICAM COM TODO O LUCRO DO TRANSPORTE. Greve sim, governantes e empresários não conhecem outra linguagem que não seja a do prejuizo financeiro.GREVE SIM, GREVE JÁ.

Reply
José Paulino silva 10/12/2019 - 17:00

Até precisamos parar ,mas não vamos nos juntar aos porcos CUT é PT .

Reply
Zé Cueca 10/12/2019 - 18:00

Não deve se ajuntar mesmo. Como você deve ser muito “bem” informado, só para refresco de sua memoria no governos desses porcos que você cita, o diesel era R$2,62 e agora com o governo que você elegeu está em mais de R$4,40 e você ainda acha que o governo do PT é ladrão?
Acorda desse SONO José Paulino.
Ignorância mata mais que fome, sabia?

Reply
Anonimo 11/12/2019 - 15:16

Agora o PT não roubou, não defendo político nem partido mais devemos sim cobrar eles com greve ou sem me diga como ele vai ver as dificuldades se não a mostrar?

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:17

Mentira que diesel era menos de R$ 3,00 em governo do PT, em janeiro de 2015 o diesel já custava R$ 3,09 … Nessa época meus abastecimentos beiravam R$ 1900,00 (e as vezes passava)

Na paralisação o diesel alcançou R$ 3,70 e logo depois recuou para R$ 3,30…

Agora que voltou para R$ 3,70

***Sempre usando por base o S10

Reply
Adriano 10/12/2019 - 16:33

Sem condições justa de trabalho.
Só empresas que tem benefícios fiscais e de financiamento…
Tudo aumenta e o valor de nosso serviço abaixa!!
Covardia com nossa classe!!

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:20

A culpa é nossa que carregamos fora da tabela!

Não precisa o governo fiscalizar nada, os melhores fiscais somos nós! É fora da tabela, não carrega! Vai para região que não tem carga? Cobra o km equivalente para a ida e a volta até um ponto que tem frete, tudo com base na tabela!

#soucontraagreve

Reply
Cr marque 10/12/2019 - 14:56

É necessário uma greve para que o preço dos combustíveis baixe não só dos caminhoneiros mas de as pessoas que possuem automóveis se não pararmos agora o litro do combustível vai chegar r$ 10 reais

Reply
ricardo 10/12/2019 - 14:44

vergonha o que bolsonaro fez com nossa classe, e a maioria ainda apoia ele.

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:24

Eu apoio o governo e faço campanha de graça em 2022…

A culpa do frete ruim não é do governo, mas sim culpa nossa. Nossa classe é egoísta, aproveitadora e corrupta, que se contenta por migalhas

Tínhamos uma tabela muito favorável a nós e não demos valor, o governo fez a parte deles, colocou até índices de reajuste a cada aumento superior de 10% do diesel. Se nós caminhoneiros fizemos a opção de carregar fora da tabela, a culpa é nossa, não do governo!

Reply
Ezequiel Neto 10/12/2019 - 13:31

Greve não resolve nada…A anterior nada resolveu além de causar transtornos, tumulto, bagunça, crimes e propiciar a ação de oportunistas e aproveitadores. O que resolve é o diálogo, a conversa e o entendimento. O governo deve priorizar a questão do transporte rodoviário e a política de preços da Petrobrás deve mudar. Estamos vivendo o mal da centralização numa só empresa, da política de preços dos combustíveis. Monopólio não traz de positivo porque onde não há concorrência nem competição ocorrem abusos. Vejamos a péssima qualidade dos serviços postais que estão na mão de uma só empresas, ineficiente, corrupta e que virou cabide de emprego para indicados por políticos incompetentes.

Reply
Zé Cueca 10/12/2019 - 18:05

A politica de preço da Petrobras nunca vai mudar, pois esse governo está comprometido com o mercado externo e para que importem combustíveis, o preço tem de acompanhar o preço internacional. E para te informar não existe monopólio desde 2007. As importadoras de combustíveis estão importando mais de 40% do diesel consumido no Brasil…E você ainda esquece que tem Total, Shell, BP, Chevron, Esso e inúmeras outras vendendo combustível aqui! Eita falta de informação!!!!

Reply
Junior R 11/12/2019 - 16:15

Vai dialogar com sua mulher ou filho na hora que tiverem fome e não tiver condições nem de comprar comida. Vai dialogar com a Cia de gás e energia na hora de cortar por falta de pagamento. Dialogue no posto de gasolina na hora de não ter diesel para vc trabalhar. Acorda pra vida. Conversa não enche barriga.

Reply
Rodrigo 11/12/2019 - 19:19

Não acredito que esse tal de Ze Cueca seja caminhoneiro. Parece estar fora da realidade.

Reply
CLAUDIO SILVEIRA 10/12/2019 - 13:27

O PESSOAL QUE TA NEGOCIANDO , MUDOU DE LADO , NINGUEM VIU ISSO; LEMBRAM DE UMA GREVE DE MUITOS ANOS QUE O PAÍS PAROU E UM CERTO REPRESENTANTE DA CLASSE , GANHOU VARIOS CAMINHOES PARA ABRIR , LEVANTAR A FAMOSA GREVE? TAL DE CHORRÃO É UM AVIÃO!!!!!!

Reply
Vinícius 10/12/2019 - 12:32

Está mais que na hora de acontecer uma greve de VERDADE pra golpear esse desgoverno pelo meio :( !

Este país é RICO em recursos naturais. Não falta petróleo, gás natural, minérios e recursos para produção de energias limpas como os biocombustíveis sem mistura com derivados do petróleo. O grande problema é o GOVERNO com a Petrobras. Poderiam adotar uma política de preços que protegesse o país dos altos custos do dólar e dos cortes de produção da OPEP para elevarem o preço do barril. Por quê a Petrobras não exporta petróleo cotando-o em DÓLAR e vende ao mercado interno o petróleo do Pré Sal pelo valor da nossa moeda? Essa política de dois tipos de preços pra dois tipos de mercados não prejudicaria a empresa e os consumidores, mas sugerir alguma coisa pra esse governo ladrão é como tentar malhar em ferro frio, esses canalhas querem é ROUBAR o pouco dinheiro que nos resta.

Se esse povo bhunda mole tivesse um pouquinho de sangue ÁRABE a conversa com esse desgoverno seria BEM diferente. Sorte deles que esse povo é cordeiro manso que parece cada dia mais se aproximar do matadouro.

Reply
Pedro 10/12/2019 - 17:36

Já dialogou demais com esse governo e até agora eles só ferraram com os caminhoneiros, essa é a verdade.

Reply
Celso 10/12/2019 - 18:58

Não acredito que greve venha resolver nossa demanda, todos sabem da lei da oferta e da procura, temos caminhoes demais pra serviço de menos, eu acredito que assim que economia voltar a crescer tudo vai se ajustar.NAO A GREVE! FORA CUT e PT.

Reply
Fabiano Regis de Morais 11/12/2019 - 17:34

Não a greve

Fora CUT
PT nunca mais

Reply

Escreva um comentário