Oito em cada dez caminhoneiros não fazem exames de rotina periodicamente

por Blog do Caminhoneiro

Os caminhoneiros do Brasil possuem hábitos pouco saudáveis, mas querem mudar isso. É o que revela uma pesquisa exclusiva da Repom, marca da Edenred Brasil.

Os dados revelam hábitos e rotinas da categoria, como o apontamento de que 78% dos motoristas vão ao médico apenas ao sentir dores ou passar mal, ante 17%, que respondeu fazer exames de rotina periodicamente.

A pesquisa também apontou que 30% dos motoristas revelaram contar com algum plano de saúde e dos que não têm, 67% alegam como motivo o valor muito alto, 11% mencionam não ter interesse em contratar uma assistência médica, 11% responderam que pagam particular quando necessário, 9% utilizam a rede pública e 2% alegaram outros motivos.

Quando questionados sobre a periodicidade, 61% afirmaram ter realizado algum tipo de exame médico há pelo menos um ano; 5% nunca fez; 11% realizaram um exame há dois anos e outros 5% e 17% há pelo menos três anos ou mais, respectivamente.

Já entre os principais problemas de saúde apontados, 16,7% revelam que são hipertensos, 15,1% relatam problemas renais e 14%, problemas ortopédicos, como coluna, pernas, joelhos, braços e ombros. Outros 13,5% também são diabéticos.

A adoção de hábitos mais saudáveis também é apontada como uma preocupação dos caminhoneiros, pois 43% querem iniciar uma atividade física nos próximos seis meses e 41% revelam o desejo de controlar o peso.

Fonte: Veja

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

2 comentários

Ezequiel Neto 15/12/2019 - 09:39

O Gilson está coberto de razão. Camioneiro no Brasil é realmente tratado como lixo. Nos Países civilizados as Concessionárias de rodovias são obrigadas a oferecer áreas de descanso aos camioneiros. Conheci no Estado da Flórida-USA vários desses pontos de parada, as “rest areas”. muito confortáveis, em lugares excelentes, algumas em meio à Natureza. Enquanto isso, no Brasil, o governo e políticos demagogos se ocupam da enganação e da omissão. Não fossem os donos de postos de combustíveis os camioneiros parariam para descanso e pernoite no meio do mato ou nos acostamentos. Uma vergonha.

Reply
Gilson Cassiano Fávero 14/12/2019 - 22:38

Seria muito bom ter áreas de descanso com médico, exames e resultados rápidos, e também uma academia ao ar livre. Coisa que não existe no Brasil, mas daria resultado na qualidade de vida de nós caminhoneiros e no transporte. Principalmente nos dos 9 eixos que se não for cliente do posto não podemos dormir.
Outro dia, com muito sono e cansado, dirigindo desde as 5 da manhã, procurei lugar para dormir já era mais ou menos 10 da noite, desde São José dos Pinhais PR, todo posto que parava diziam que não tinha vaga e não era cliente, então toquei e só consegui um lugar pra dormir quase em ponta grossa num posto GP, já era quase 3 horas da madrugada. Somos tratados pior que cachorro sarnento, mas isso porque carregamos o país nas costas. Mas creio que isso vai mudar, logo.

Reply

Escreva um comentário