Petrobras reduz preço do diesel nas refinarias nessa sexta-feira

A Petrobras vai reduzir o preço médio do diesel em 4,1% e da gasolina em 1,5%. Os novos valores passam a valer nesta sexta-feira, 24, informou a companhia. As reduções marcam a segunda vez em que a estatal corta os preços neste ano. Em 14 de janeiro, a Petrobras havia diminuído em 3% os valores médios do diesel e da gasolina.

Os preços do petróleo caíram mais de 2% na quarta-feira, com o superávit previsto pela Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) para o mercado e preocupações com a demanda em meio ao surto de coronavírus na China, que ofuscou interrupções de produção na Líbia. Nesta quinta-feira, os preços também operam em queda.

A Petrobras tem reiterado que sua política para ambos os combustíveis segue o princípio da paridade de importação, que leva em conta preços no mercado internacionais mais os custos de importadores, como transporte e taxas portuárias, com impacto também do câmbio.

O repasse dos ajustes de preço nas refinarias para o consumidor final nos postos não é imediato e depende de diversos fatores, como consumo de estoques, impostos, margens de distribuição e revenda e mistura de biocombustíveis.

Na semana passada, os preços médios da gasolina e do diesel fecharam em alta nos postos brasileiros, apesar dos cortes de preços da Petrobras nas refinarias.

Fonte: Agência Reuters

QUER RECEBER NOSSOS CONTEÚDOS NO SEU WHATSAPP?
MANDE UMA MENSAGEM COM SEU NOME CLICANDO NO NÚMERO

042-98800-6519





RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS NO E-MAIL

Seu e-mail (obrigatório)


2 comentários em “Petrobras reduz preço do diesel nas refinarias nessa sexta-feira

  • 24/01/2020 em 21:10
    Permalink

    Não adianta merda nenhuma, na bomba os sugadores donos de postos não baixam o valor, tem que mudar a política de preços e determinar um valor máximo, esses malditos donos de postos são sugadores

    Resposta
  • 24/01/2020 em 17:28
    Permalink

    Pelo menos pra UMA coisa boa aquela porcaria de vírus está prestando: baixar o preço do petróleo.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!