Governo vai criar canal de denúncias para caminhoneiros reportarem condições de terminais

por Blog do Caminhoneiro

O Ministério da Infraestrutura vai utilizar seu canal de ouvidoria e o aplicativo InfraBR para receber denúncias de más condições em terminais de carga do transporte rodoviário. A medida faz parte de uma série de ações criadas junto a entidades que representam grandes embarcadoras para garantir maior proteção aos profissionais de transportes. Nesta sexta-feira (03/04), em videoconferência com a presença da ministra Tereza Cristina (Agricultura), também houve avanço na redação de um protocolo de intenções que busca padronizar ações voltadas à proteção e ao apoio aos caminhoneiros.

“O setor produtivo sabe da importância de garantirmos as condições para que os profissionais de transportes continuem trabalhando e abastecendo o nosso país. A ideia é padronizar o atendimento nos terminais com a oferta de alimentação e EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), orientar pela higienização correta do ambiente de trabalho e reforçar o modelo de agendamento para evitar aglomerações. Para isso, também vamos contar com a ajuda dos próprios profissionais na fiscalização dos locais em todo Brasil”, explicou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Ações das empresas

Algumas iniciativas já vêm sendo tomadas pelas próprias empresas. A Ambev entregou 15 mil frascos de álcool em gel ao Ministério da Infraestrutura para distribuição aos caminhoneiros. A Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) se comprometeu a oferecer alimentação a todos os motoristas nos 158 pátios em que opera. A VLI está oferecendo 100 mil itens de alimentação, lanche para viagem e higiene pessoal.

Fonte: Ministério da Infraestrutura

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

7 comentários

Otomar 13/04/2020 - 09:32

O dia q nossa classe aprender a ser unida. Ter um representante em cada estado. Eleito pela classe. Ai sim vamos ter dignidade e seremos valorizado. Enquanto isso samos um bando de desordeiros uns querendo furar o olho do outro. Não temos união. So Deus pra nos proteger.

Reply
Edson Luis 06/04/2020 - 15:31

Sou da bahia meu nome e Edson Luis emal edsonsilvacar2@gmail.com gostaria de saber com relação aos pedágios. Corremos riscos ao parar nas cancelas. Por que não são liberadas?? Ja que o risco estar nas aproximações e contato com objetos?

Reply
Vanderley a santos 06/04/2020 - 15:02

Vamos deixar de hipocrisia? Nós não estamos rodando pra levar a comida para as mesas nesse momento difícil e complicado não! Não precisa nos chamar e nos usar como heróis pra nada faltar a população não! Nós não precisamos ser chamados de herói pra nos insentivar a nao parar para nada faltar a toda a nação não! Se estamos rodando é porque estamos quebrados sem dinheiro e não conseguimos ficar em casa com tanta conta pra pagar! Nós somos uma classe esquecida e falida que roda a troco de pagar conta e comer! O que precisamos é de ser enxergados com respeito e remuneração mais dignas! Somos os passa fome que não pode parar, e estamos correndo risco de vida altíssimo para ficar pagando conta. Saímos sem saber se vamos morrer em algum lugar desse Brasil e sem direito de nossos familiares despedir de nós! Se adoecermos e morrer voltaremos em pó para ser velados! Que herói é esse que não vale nada! Que herói é esse agora? Agora somos heróis? Vao pra puta que pariu todos esses governantes que nos destruiram ao ponto de corrermos tal risco em troca de pagar conta e comprar comida pra casa….. heróis sim, mas somente dentro de casa que é onde realmente temos o nosso valor merecido.

Reply
Zé Cueca 06/04/2020 - 17:21

Caro Vanderley, concordo com tudo que você descreve e ainda digo mais:
Caminhoneiro é tratado pior do que um cachorro, se aparece um cãozinho as margens das ruas e avenidas, logo aparece um que acolhe , leva para casa e trata com gastos enormes, agora se tem um pai de família morrendo de fome ou mesmo sob os destroços provocados por uma acidente, o cara está gritando por socorro e o que aparece são pessoas “essas mesmas ” que se condiram pelo cãozinho, chega para saquear, roubar peças e até a carteira de quem certamente estava trabalhando por horas seguidas para conseguir levar um pouquinho de pão para sua família que espera ansiosa em casa, essa é a verdade. Nada contra os animais , mas acontece uma inversão de valores absurda em nossa sociedade. Se o cão do seu vizinho te morder na rua, por favor nem toque no cão porque senão você vai para a cadeia! O que você deve fazer é dar uma surra no vizinho, pois só terá de assinar um BO e ir para a casa. Isso que está acontecendo.
Infelizmente os políticos em quase sua totalidade são sarcásticos, covardes, fazem uma média, almoça com um grupo de caminhoneiros, faz promessas e ao sair do almoço ri da nossa cara. Nos pedem para sacrificar um pouco pois a população não pode ficar sem o seu alimento e deriva sem seus desejos sendo saciados, mas aquele leva tudo para eles, pode até morrer que não faz falta, o MERCADO está cheio de outros para suprir a sua vaga e assim a roda gira.
Nunca vemos os políticos sacrificar um bocado o de suas rendas em prol de nada , nem um centavo são capazes de doar, salvo exceção mas sombram de nós para fazer o sacrifício. Acho que se fizermos “arminha” a coisa melhora, elegemos esses trastes para protegem os ricos e nos destruir. Vejam o exemplo; 1 trilhão e 300 bilhões para os bancos foi o que o governo entregou para socorrer o sistema financeiro que só os 4 maiores tiveram um lucro 69 bilhões, e tomando nosso dinheiro com juros abusivos, e ao mesmo tempo enrega 600,00 reais para um coitado que está passando fome. Vou parar porque a conta está alta demais!!!!

Reply
Jocelio De Abreu e Silva 06/04/2020 - 14:23

Todo mundo recebendo dinheiro do governo, e os caminhoneiros recebendo condições de trabalho. Cadê aquele dinheiro antigo do BNDES prometido lá traz ? Aqueles 30000 reais que o autônomo teria para ajudar na reforma, reparos no veículo? Até agora não sei de nenhum que tenha feito o empréstimo. Bora,vai trabalhar choferada, o pessoal lá de Brasília está mandando.

Reply
Zé Cueca 06/04/2020 - 17:38

Nós somos culpados por eleger essa turma que ai está, agora de nós só queriam o voto, e o depois que se danem.
Somos explorados por muita gente, donos de postos, oficinas, concessionária de estradas, impostos, etc. Nó somos responsáveis por manter esse sistema onde tudo gira em nossa volta, estradas todas esburacadas e pagamos pedágio a alto preço. Postos de combustíveis que formam verdadeiros caetés, não permitem que pernoitamos neles, e controlam o preço dos combustíveis. Sistema financeiro tirando até o ultimo centavo de nossos bolsos, políticos se elegendo as nossas custas, empresas de transporte explorando ao máximo para pagar frete a preço irrisório, mas elas crescem rotineiramente, e ainda somos culpados por todas a destruição e somos tratados como os piores bandidos do Brasil. Quem nunca foi tratado por gerentes arrogantes que sempre dizem; se você reclamar amais uma vez, nunca mais entra em nossa empresa, sai com esse caminhão daqui agora! ou; você espera por dias, ou pode ir embora! É assim que funciona, lógico que existem os bons exemplos onde temos o prazer de trabalhar, mas a regra é essa e vem esse ministrinho dizer que vai fiscalizar! tenha paciência, nunca fizeram nada e nunca farão, são todos parasitas sustentados pelo nosso sangue. não confio neles e quando nos procuram, o que faço é demonstrar toda a minha indignação para esses covarde.
Afinal o escravismo nunca acabou, só mudou a forma de nos escravizar, antes davam a comida, moradia e roupa para nos manter vivos e sustentando-os, hoje nos dão uma merreca para comprar comida, roupa e pagar aluguel e é só. Vejam que tudo continua como dantes!

Reply
Elza Santos 06/04/2020 - 13:51

Nossa que ótimo. Gostei muito saber disso, vocês merecem essa atenção . Estou orando por vocês. Deus abençoe vocês todos ?????

Reply

Escreva um comentário