Custo do frete para agronegócio está caindo, diz Ministro da Infraestrutura

por Blog do Caminhoneiro

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, afirmou sexta-feira (24) que as políticas públicas implementadas por sua pasta já estão refletindo “fazendo a diferença” para o país, em especial no que se refere à redução de custo dos fretes para o agronegócio.

“Depois de 47 anos, concluímos a pavimentação da BR-163 no Pará. A rodovia liga Sinop (MT) a Miritituba (PA), tendo como grande beneficiado o agro de Mato Grosso. O reflexo no frete foi imediato. Tivemos uma redução de 26% no frete para Miritituba”, disse o ministro, durante cerimônia virtual de assinatura de uma ordem de serviço para construção de uma ponte sobre o Rio Araguaia, no distrito de Luiz Alves, em São Miguel do Araguaia (GO).

“E no ano de 2020, ano em que o agro teve safra recorde, e o produtor foi mais competitivo, tivemos uma redução média do frete em 13%. É sinal de que a política pública no setor já está fazendo diferença”, complementou Freitas.

O ministro destacou também que o governo está “na iminência” de aprovar a prorrogação antecipada dos contratos da estrada de ferro que ligará Vitória, capital do Espírito Santo, ao estado de Minas Gerais, e da Estrada de Ferro do Carajás.

“Isso é importante porque, da Estrada de Ferro Vitória-Minas, vamos assinar, como contrapartida, o contrato de integração da ferrovia de integração do Centro-Oeste. A Vale, para pagar a sua outorga, vai fazer essa ferrovia de integração, e vamos ligar o Vale do Araguaia (MT) a Água Boa (MT) e Mara Rosa (GO)”, disse o ministro.

Fonte: Agência Brasil | Foto Gervásio Batista/Agência Brasil

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

2 comentários

RENÊ RODRIGUES COSTA 28/07/2020 - 22:15

O MINISTRO SE ESQUECE QUE OS CAMINHONEIROS A MAIORIA AUTÔNOMOS ESTÃO PAGANDO A CONTA DOS LUCROS BILHONARIOS DO AGRONEGÓCIO. ALGUÉM LUCRA E OUTROS LEVAM PREJUÍZOS ? NÃO É JUSTO ESSE ENTENDIMENTO ECONÔMICO ATUAL MINISTRO TARCÍSIO.

Reply
Antonio Carlos Ramos 27/07/2020 - 14:24

Ministro o Sr está esquecendo os caminhoneiros só tá em Porto e ferrovias não esqueça que o oceano é na costa e as ferrovias não entram na lavouras fazendas fábricas então de qualquer maneira o caminhão vai ter que ir nos portos aeroportos e estações ferroviária “pegar e levar’ valorize essa classe falida mas que ajuda a movimentar tudo o trem trem o avião o navio os emplacamentos agrícolas precisão de combustível e é o caminhão que abastece, agro negócio Super importante e estão cada vez mais ricos e depende também de caminhão e estes estão cada vez mais pobre até os motoristas empregados estão procurando outra profissão por eles ganham por comissão e não está dando pra sobreviver além de todas as humilhações sofridas e perigos de acidente assalto como é de conhecimento de todos. por favor façam este comentário ao Sr. Tarcísio nosso Ministro. Obrigado

Reply

Escreva um comentário