BMC-Hyundai lança novas linhas de empilhadeiras na Movimat 2017




Depois de consolidar-se como líder na venda de empilhadeiras de grande porte, as chamadas big trucks, com capacidade para cargas acima de 8 toneladas, a BMC-Hyundai está preparada para avançar em outros segmentos desse mercado e irá demonstrar esse foco durante a Movimat 2017 (Salão Internacional da Logística Integrada), entre 16 e 19 de outubro no Expo São Paulo.

A empresa trouxe recentemente ao Brasil novos modelos de empilhadeiras com capacidade entre 2,5 toneladas a 3,3 toneladas, cujas inovações levam à maior produtividade e rentabilidade nas operações logísticas. Importados da Coreia do Sul, os modelos 25DT, 30DT e 33DT (com motor a diesel) e 25LF, 30LF e 33LF (com acionamento a gás GLP) começaram a ser comercializados em julho deste ano, mas serão apresentados, oficialmente em primeira mão, na Movimat.

“A BMC-Hyundai acredita na retomada do mercado e está preparada para participar dele. Por isso faremos na Movimat o lançamento da nova série de empilhadeiras à combustão e elétricas. Estaremos com a equipe preparada para mostrar as novidades e os benefícios que estes equipamentos estão trazendo para o mercado brasileiro”, confirma Felipe Cavalieri, CEO da BMC-Hyundai.

As empilhadeiras a gás (LF) da nova série contam com inovações como o motor de 2.4 litros, o mesmo que equipa o sedã Hyundai I30, porém convertido para gás GLP. Já os modelos da série DT (diesel) são disponibilizados com o mesmo motor do veículo utilitário Hyundai HR. Com isso, seus usuários passam a contar com maior facilidade para a manutenção dos equipamentos, além de dispor de toda a rede de assistência técnica da marca para o suporte em peças e serviços.

“Outra vantagem é que elas figuram entre as mais rápidas e econômicas em sua categoria”, diz Ercílio Romeiro, Gerente Comercial da BMC-Hyundai. Os modelos com acionamento a gás GLP, por exemplo, atingem uma velocidade de deslocamento de 29 quilômetros por hora e uma velocidade de elevação do garfo de até 45 milímetros por segundo. Nesse último quesito, o desempenho chega a ser 10% superior em relação a outras empilhadeiras da mesma categoria, proporcionando ganhos de produtividade aos usuários.

A maior economia obtida com os novos modelos se deve ao dispositivo que permite regular seu modo de operação, limitando o giro do motor mesmo quando o operador acelera o equipamento. Segundo Romeiro, esse mecanismo proporciona uma redução de até 15% no consumo de combustível, sem comprometer seu desempenho. “Se considerarmos uma empilhadeira com acionamento a gás GLP, que trabalha em três turnos, a economia obtida no período de cinco anos equivale ao custo de aquisição do equipamento”, diz o especialista.

A BMC-Hyundai também destaca como diferencial o modelo de 3,3 toneladas de capacidade com acionamento a diesel (33D) ou gás GLP (33LF), para competir no segmento de empilhadeiras de 3 a 3,5 toneladas. “Trata-se de uma opção pela robustez, quando se considera sua primeira faixa de competição, e uma alternativa economicamente atrativa para a faixa mais alta de capacidade”, diz Luis Garcia, Gerente Nacional de Produto da BMC-Hyundai.

“Além de apresentar um custo de aquisição 20% inferior em relação a uma empilhadeira similar de 3,5 toneladas, ela consome 25% a menos de combustível para atingir a mesma performance na execução do serviço”, completa Garcia.

Novidades elétricas

Segundo Luis Garcia, os equipamentos a diesel e a gás foram importados juntamente com lotes robustos de peças para suporte aos clientes, através de uma rede que conta com 25 filiais, 70 revendas autorizadas de peças e 145 técnicos habilitados e distribuídos por todo território nacional.

Mas as novidades não se limitam a eles e a prova disso são as recém-chegadas empilhadeiras elétricas retráteis serie 9, de 1,6 a 2,5 toneladas de capacidade, com elevação de até 12 metros e novo design. “Tratam-se de máquinas com residuais de carga aumentados em relação à antiga serie 7, levando ainda mais tecnologia embarcada para proporcionar alto rendimento/produtividade”, afirma Garcia. Além disso, como se deslocam em corredores mais estreitos, elas possibilitam verticalizar a área de armazenamento, o que se traduz em maior rentabilidade nas operações logísticas.

Outra aposta da marca é a nova versão da empilhadeira elétrica contrabalançada 15BTR, de 1,5 toneladas de capacidade de carga. Equipada com bateria de 24 volts, ela terá um custo de aquisição cerca de 20% abaixo dos modelos convencionais do mercado, que são equipados com bateria de 48 volts. Segundo Ercílio Romeiro, isso permite operar o equipamento com baterias convencionais disponíveis no mercado, reduzindo os custos de operação e sem impacto na produtividade, uma vez que a bateria de 24V tem autonomia para um turno de trabalho.




Um comentário em “BMC-Hyundai lança novas linhas de empilhadeiras na Movimat 2017

Deixe sua opinião sobre o assunto!