FPT Industrial apresenta soluções completas em powertrain na Fenatran




A FPT Industrial, líder mundial na produção de powertrain e uma das maiores fabricantes de motores do mundo, participa da Fenatran, o Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Carga. Considerado um dos maiores e mais completos eventos voltados para toda a cadeia do transporte rodoviário de carga da América Latina, a edição 2017 está sendo realizada entre os dias 16 e 20 de outubro, no SP Expo, em São Paulo (SP).

A marca da CNH Industrial aproveita sua estreia com um espaço próprio para apresentar seus produtos e serviços para o mercado latino-americano e traz uma importante novidade. “Passamos a oferecer soluções em powertrain de forma completa, com eixos, transmissões, motores e soluções inteligentes para emissões, o que antes só fazíamos na Europa”, destaca Marco Rangel, presidente da FPT Industrial na América Latina.

A marca conta com um corpo técnico de mais de 100 engenheiros, alocados no Brasil, que são capacitados a oferecer as melhores soluções para a missão brasileira e a todos seus clientes regionais como IVECO – que também faz parte da CNH Industrial – entre outras marcas do segmento. Hoje a FPT Industrial equipa também alguns veículos da Ford (Cargo 2842 e 2042) e da Hyundai Caoa (HD80) no mercado latino-americano.

Mais sobre a participação na Fenatran

No estande da FPT na Fenatran 2017 estão expostos um N67 e um Cursor 13, motores que equipam caminhões Tector, Stralis e Hi-Way da Iveco. Além disso, a marca apresenta também o driveline completo, composto por um motor F1C – que hoje equipa o caminhão HD80, da CAOA –, a transmissão FPT modelo 2840.6 e eixo traseiro FPT modelo NDA-SW aplicado em veículos leves.

LEIA MAIS  FPT Industrial apresenta motor marítimo de 1000 cavalos de potência

A presença de sistemas de injeção eletrônica sofisticados (Common Rail e Unidades Injetoras Eletrônicas de terceira geração), a escolha de muitos dispositivos de admissão de ar (turbocompressores com Wastegate, Geometria Variável ou Duplo Estágio) e a disponibilidade de versões com gás natural veicular (GNV) fazem da FPT Industrial a melhor solução para aplicações rodoviárias, oferecendo alto desempenho e comprovado respeito pelo meio ambiente.

Desta forma, os motores da FPT Industrial são projetados e fabricados para cada tipo de aplicação, de marítimos, passando por veículos comerciais leves, médios e pesados até ônibus. A marca equipa máquinas agrícolas e de construção e também geradores de energia.

A FPT Industrial traz em seu histórico marcos do seu pioneirismo: foi a primeira marca de motores a introduzir o turbocompressor (1938), a primeira a desenvolver o Common Rail (1980), a primeira a oferecer tecnologia estequiométrica para GNV (1995) e a primeira marca a oferecer solução para o Euro VI (2012) com a aplicação do sistema SCR – Redutor Catalítico Seletivo apenas, dispensando EGR (Circulação de gases de escape), patenteado pela FPT como HI-eSCR.

Soluções para o mercado de transporte com olhar no futuro

Excelência tecnológica e inovação são, para a FPT Industrial, fatores determinantes e partes de seu objetivo estratégico. As atividades de pesquisa e desenvolvimento desempenhadas pela empresa reforçam sua posição de liderança mundial em sistemas powertrain destinados a diversas aplicações, além de uma referência no fornecimento de soluções economicamente eficientes em atenção às normas de emissões de poluentes como Proconve P7/Euro V e MAR-I.

“Nosso time no Brasil tem o foco em atender aos limites de emissões minimizando alterações no design dos veículos e melhorando a performance. Aproveitamos toda experiência acumulada pelo nosso time da Europa – que tem a aplicação Euro VI desde 2013 – para oferecer soluções já consolidadas e com qualidade comprovada também para o mercado latino-americano”, explica Marco Rangel.

LEIA MAIS  Montadora não deve indenizar por supostas infrações em contrato com concessionária

Segundo o presidente da FPT Industrial para América Latina, o sistema HI-eSCR será utilizado em nossos mercados com este objetivo. Esta revolucionária tecnologia, patenteada pela marca, baseia-se na experiência de mais de seis anos e milhares de motores produzidos, o que permite que os clientes da marca atendam à normativa Euro VI sem necessidade de utilização do sistema EGR (recirculação de gases do escapamento), garantido pela tecnologia proprietária que traz eficiência na conversão de NOx (mais de 95%, contra 80%-85% no caso dos melhores concorrentes).

E, quando o assunto são as tecnologias de pós-tratamento de gases, a FPT Industrial também se destaca. Nos países onde essa homologação é requerida e são exigidas normativas mais rigorosas, como o Brasil, a marca já disponibiliza a tecnologia com a competência e a inovação de quem se tornou referência no mundo todo.




Deixe sua opinião sobre o assunto!