Novo Delivery 6.160 desembarca na Argentina e no Chile




O Delivery 6.160 chega aos mercados argentino e chileno com a missão de manter o reconhecimento à maca Volkswagen como uma das mais inovadoras da América Latina. Com a melhor manobrabilidade desta categoria, o modelo conta com uma cabine ampla e confortável, transmissão Eaton ESO-4206 de seis velocidades e motor Cummins ISF de 2,8 litros, 160 cv e torque máximo de 430 Nm. Com vantagens operacionais frente a seus concorrentes, proporciona agilidade a toda prova para entregas urbanas que demandam maiores volumes de carga.

“O segmento de caminhões leves é um dos mais representativos da América Latina e a nova família Delivery confere inovação e tecnologia a este mercado, seguindo padrões mundiais de certificação e qualidade. Isso justifica a recepção que os modelos já tiveram nos países onde foram lançados. Seu desenvolvimento contou com investimentos de mais de R$ 1 bilhão e os produtos reúnem atributos de um caminhão grande em um veículo pequeno, tais como espaço interno e robustez, com um design moderno”, ressalta Federico Ojanguren, gerente geral da divisão de Caminhões e Ônibus da Volkswagen Argentina.

“Já podemos decretar o sucesso da nossa nova gama Delivery, que agora vai conquistar o mercado com este novo e competitivo caminhão de 6 toneladas, com o qual voltamos a entrar em um segmento de alto dinamismo, que hoje representa 18,6% as vendas totais no mercado de veículos para distribuição no Chile”, estima Julio Torres, gerente da divisão de Caminhões e Ônibus da Porsche Chile, representante da VW Caminhões e Ônibus no País.

A nova geração da linha Delivery foi projetada e desenvolvida para definir um novo patamar no atendimento às necessidades do cliente, combinado aos valores atemporais Volkswagen: soluções sob medida, perfeita funcionalidade e qualidade visual. Assim foi criada uma linguagem lógica de design, com a ênfase dada pelo time de design na funcionalidade e na estética singular.

LEIA MAIS  Motorista é preso por transportar combustível em veículo roubado

As linhas de design limpas e a grande atenção aos detalhes, tal como nos carros de passeio, são marcas notáveis da novidade neste segmento. Ao mesmo tempo, a nova família Delivery evoca a força, a robustez e a alta qualidade dos produtos Volkswagen. O exterior é estruturado em uma base robusta, com para-choques, faróis, carroceria com fortes características de design e uma imagem orgulhosa da marca.

O espaço interno é outro marco, baseado nos padrões e dimensões mais atuais. Para isso, uma ampla matriz de exigências foi verificada em itens ergonômicos e de design para diminuir o desgaste do motorista e passageiros. Logo, todas as peças interiores e as dimensões da cabine foram aperfeiçoadas para as melhores soluções. Como resultado, o espaço de cabine oferecido pelo novo Delivery é um marco na categoria de 3,5 a 13 toneladas.
O chassi, o motor e a ergonomia do condutor apresentam-se da forma mais equilibrada possível, resultando em um veículo atualizado, pronto para o presente e o futuro. Aerodinâmica e desempenho marcam presença nesse desenvolvimento: graças ao trabalho conjunto entre design digital e engenharia foi possível conceber um modelo repleto de inovações por toda parte.

Outros elementos funcionais, como defletores de ar, são naturalmente integrados às características visuais, desde a lateral da porta até a grade dianteira e os faróis.

LEIA MAIS  Polícia Militar desarticula desmanche e prende receptadores em Vitória da Conquista

Pistas especiais, trânsito urbano e estradas. Antes de seu lançamento, a nova família Delivery encarou todos os tipos de rodagem no Brasil e na América Latina para somar mais de 4 milhões de quilômetros – o maior teste já realizado para o lançamento de um integrante da linha leve de caminhões. As novidades passaram por ensaios nos mais severos ambientes e locais: das pistas do campo de provas da fábrica de Resende à Cordilheira dos Andes, Estados Unidos e Europa.

Sensores e instrumentos especiais foram instalados em todo o veículo, submetido às mais adversas condições de rodagem para pôr à prova a durabilidade e a robustez de componentes como chassi, suportes, travessas, tanque de combustível, cabine, entre outros.

A nova família Delivery, em sua passagem pela Cordilheira dos Andes, foi submetida às condições de operação em temperaturas de -10 °C, em altitudes de até 4,5 mil metros acima do nível do mar para comprovar o comportamento do motor nas situações mais adversas.




Deixe sua opinião sobre o assunto!