Vendas de caminhões crescem 50% nos primeiros sete meses do ano




As vendas de caminhões decolaram em 2018. Depois de vários anos de vendas mornas, as montadoras comemoram números excelente de vendas em todos os segmentos. Em julho foram vendidos no Brasil 6.666 caminhões e 2.289 ônibus, contra 4.524 caminhões e 1.467 ônibus no mês mês de 2017.

No acumulado dos primeiros sete meses do ano, foram vendidos 39.005 caminhões e 9.397 ônibus, contra 25.981 caminhões e 7.931 ônibus no mesmo período de 2017. O crescimento foi de 50,13% no segmento de caminhões e 18,48% nos ônibus.

Mercedes-Benz continua liderando as vendas, tanto de ônibus quanto de caminhões, com 62% de participação nos ônibus e 28,36% no segmento de caminhões, seguida de Volkswagen nos dois segmentos, que detém 25,72% de mercado nos caminhões e 13,19% nos ônibus.

Volvo FH 540 e Volvo FH 460 foram os caminhões mais vendidos de julho, com 343 e 339 unidades cada. O modelo mais vendido continua sendo o Scania R440, com 2.505 unidades vendidas em 2018, seguido pelo Volvo FH 540, com 2.153 unidades emplacadas em 2018, e Volkswagen Constellation 24.280, que vendeu 1.556 unidades até julho.

O segmento de pesados, no qual se enquadram os caminhões Scania e Volvo citados acima responde por 44.16% das vendas totais de caminhões no Brasil neste ano. No ano passado esse segmento respondia por 35,10% das vendas.