Canteiro de obras elétrico da Volvo CE e da Skanska reduz as emissões de carbono em 98%




A Volvo Construction Equipment e seu cliente Skanska registraram resultados excepcionais em seu projeto de pesquisa Electric Site, na Suécia: as primeiras informações indicam uma redução de 98% em emissões de carbono, uma diminuição de 70% em custos de energia e uma queda de 40% em custos de operadores. Juntos, esses resultados apoiam a previsão de uma redução de 25% no custo total das operações.

A Volvo CE e a Skanska testaram a viabilidade do projeto de pesquisa Electric Site (Canteiro de Obras Elétrico) ao longo das últimas 10 semanas na pedreira Vikan Kross, perto da cidade de Gotemburgo, onde está localizada a sede mundial da marca. Os resultados agora são ainda melhores do que o esperado. Eles também indicam que o projeto Electric Site representa um grande salto para ajudar a Volvo CE a obter sua visão de futuro na qual os locais de trabalho serão dez vezes mais eficientes, com zero acidentes, zero paradas não programadas e zero emissões.

Neste estágio, a redução no custo total das operações é ainda uma previsão. Como os protótipos de máquinas fazem parte de um projeto de pesquisa e não estão disponíveis comercialmente, é impossível obter um valor garantido.

“Tivemos um progresso incrível, aprendemos muita coisa e vimos um potencial enorme em relação aos benefícios ambientais, de eficiência, segurança e custos das soluções do Electric Site”, diz Uwe Müller, Chief Project Manager do Electric Site na Volvo CE. “Decidimos que queremos aprender mais, e assim iremos estender o nosso período de testes com a Skanska até o fim do ano. Os resultados que obtivemos até agora confirmam que este projeto de pesquisa é um passo à frente na transformação da indústria de extração de material em pedreiras e agregados, e na criação de pedreiras livres de emissões”, destaca.

Parceria forte

O projeto Electric Site tem a finalidade de eletrificar cada estágio do transporte em uma pedreira, da escavação à britagem primária, e o transporte até a britagem secundária. Ele incorpora protótipos de máquinas elétricas e autônomas da Volvo CE, novos métodos de trabalho e sistemas de gerenciamento de local que, juntos, formam uma solução completa para locais de trabalho. A nova tecnologia abrange sistemas de controle de máquinas e frotas, e soluções de logística para máquinas elétricas em pedreiras.

LEIA MAIS  Volvo deixa motores D11 e D13 ainda melhores e mais econômicos na Europa

“Com as mudanças climáticas transformando nossa indústria, precisamos encontrar soluções novas e sustentáveis, e construir parcerias com organizações com diferentes competências”, diz Anders Danielsson, Presidente e CEO da Skanska. “Nossa ambição é que esta colaboração com a Volvo CE irá ajudar nossa empresa e nossos clientes a reduzirem a pegada de carbono. A força da parceria irá permitir que isto aconteça”.

Protótipos de máquinas em foco

O projeto Electric Site envolve oito transportadores de carga HX2 autônomos elétricos a bateria. Eles transportam o material do britador móvel primário até o britador fixo secundário. Em relação à utilização de energia por tonelada, as HX2 provaram a capacidade de ajudar a Volvo CE a dar um enorme salto na obtenção de sua visão de futuro na qual os locais de trabalho serão dez vezes mais eficientes.

Os protótipos de segunda geração incorporam tecnologias e componentes compartilhados do Grupo Volvo. Eles usam uma bateria de íons de lítio para alimentar dois motores elétricos que impulsionam a máquina; o sistema hidráulico é acionado por um motor elétrico adicional. A HX2 é equipada com um sistema de visão que permite detectar seres humanos e obstáculos nas proximidades. Ela pode seguir um percurso ajustável e pré-programado com GPS.

O protótipo de carregadeira de rodas híbrida elétrica LX1 proporcionou um aumento de eficiência energética de mais de 50% na pedreira, bem como reduções significativas em emissões e poluição sonora, se comparada a seus similares convencionais. Sua tarefa foi organizar as pilhas de material no local. A LX1 é uma série híbrida que incorpora um eixo propulsor que consiste em motores de acionamento elétricos montados nas rodas, sistema hidráulico acionado eletricamente, um sistema de armazenamento de energia, um motor a diesel significativamente menor e uma nova arquitetura de máquina, incluindo um novo projeto da unidade de elevação. É essa combinação que permite o ganho substancial de eficiência energética.

LEIA MAIS  Roger Alm é o novo presidente mundial da Volvo Trucks

O protótipo de escavadeira de 70 toneladas conectada por cabo e com acionamento duplo EX1 carregou o britador primário na pedreira. A máquina básica para a EX1 é uma escavadeira de esteiras Volvo EC750 que foi atualizada para incorporar um motor elétrico, além do motor a diesel. Na pedreira, a máquina foi conectada à rede elétrica, e assim as emissões foram zero. Se o cabo está conectado, a EX1 dá a partida automaticamente no modo elétrico. Se não estiver, irá dar a partida no modo de diesel. A EX1 é operada exatamente da mesma forma que uma escavadeira Volvo convencional.

Construindo o amanhã

“Acreditamos em um futuro sustentável e estamos oferecendo o máximo para construir o mundo no qual desejamos viver”, declara Melker Jernberg, Presidente da Volvo CE. “O projeto Electric Site é um exemplo de como estamos trabalhando para chegar lá. Estamos combinando máquinas inteligentes, automação e eletromobilidade para desafiarmos as maneiras tradicionais de trabalhar na indústria de extração de material em pedreiras e explorar novas alternativas. Agora iremos amadurecer as tecnologias envolvidas e a confiabilidade do conceito. Desenvolver, testar e validar protótipos de máquinas com um cliente no estágio inicial do processo acelera o desenvolvimento e gera mais valor para nós e para nossos clientes”, finaliza.




Deixe sua opinião sobre o assunto!