MAN apresenta nova geração de caminhões na Europa

por Blog do Caminhoneiro

Depois do sucesso de 20 anos da linha TG de caminhões da MAN, a montadora alemã apresenta uma linha completamente nova de caminhões. A geração atual de caminhões MAN, inclusive o TGX vendido no Brasil, começou a ser produzido em 2000, na Europa, com o lançamento da linha TGA.

A nova linha de caminhões MAN segue com o modelo TGX como carro-chefe, e tem ainda os modelos TGS, TGM e TGL.

Os novos caminhões MAN incluem o que há de mais moderno em sistemas de assistência ao motorista e também de conectividade. Além das novidades de design e tecnologia, os novos caminhões são até 8% mais econômicos que a geração anterior de veículos da montadora.

“Tornamos os negócios de nossos clientes mais fáceis, mais eficientes e, portanto, mais bem-sucedidos. Simplificar os negócios – esta é a nossa reivindicação, a nossa promessa. A nova geração de caminhões da MAN nos permite realizar isso de forma mais abrangente do que nunca”, disse Joachim Drees, Presidente do Conselho Executivo da MAN Truck & Bus SE, durante o lançamento dos novos caminhões, em evento na Espanha.

Um dos maiores avanços no desenvolvimento dos novos caminhões TG foi o interior, que foi completamente redesenhado, criado em torno do motorista. De acordo com a MAN, os novos caminhões oferecem mais ergonomia, mais facilidade de uso, operação mais intuitiva e corfiável, e também conexão com dispositivos e aplicativos. Além disso, o caminhão oferece um espaço melhorado para descanso do motorista, com nova cama e mais espaço para armazenamento.

Em questão de motores, os novos caminhões MAN usam os propulsores Euro 6d, que foram lançados no ano passado. Porém, foram retrabalhados, para uma integração perfeita com a transmissão para redução de consumo. As novas tecnologias nos motores podem obter até 8% de economia de combustível que os motores Euro 6c, da geração anterior. As novas cabines também são mais aerodinâmicas, participando ativamente da redução de consumo.

Para o desenvolvimento dos novos caminhões, a MAN ouviu mais de 700 caminhoneiros na Europa e também 300 frotistas de 16 países, para definir os requisitos mais importantes para criação de um caminhão melhor, mais confortável e mais eficiente.

De acordo com a MAN, o desenvolvimento do caminhão desde o primeiro projeto até o lançamento resultou em mais de 12 milhões de horas trabalhadas, com 4 milhões de quilômetros rodados em testes. Apenas o desenvolvimento do design do veículo consumiu mais de 167 mil horas de trabalho.

Os novos MAN TGX podem ser equipados com motores MAN D38, de 640 cavalos de potência, motores MAN D26, com potências de 430 a 510 cv, ou motores MAN D15, com 330 a 400 cv de potência. A linha TGS tem motores D15 ou D26, com até 510 cv de potência.

Os modelos TGL e TGM podem ser equipados com motores D08 de 4 ou 6 cilindros, com potências de 160 a 320 cv.

Os novos caminhões MAN tem uma variedade enorme de cabines. Para a linha pesada, estão disponíveis as cabines GX, GM e GN. As duas primeiras são as maiores, e a GX tem o teto mais alto, com 2,07 metros do piso da cabine ao teto.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

5 comentários

gilmar nascimento alves 24/02/2020 - 21:46

o tgx ate ficou legau mas o resto e triste de ver que coisa feia

Reply
gilmar nascimento alves 15/02/2020 - 10:42

o tgx ficou bom mas os tgl e tgm horriveis

Reply
Leoncio 12/02/2020 - 06:46

O que adianta , na mão dos altonomos nunca vai chega, só nos grandes frotistas , é lamentável que quem realmente sabe trabalhar e trabalha não ter alcance da sua ferramenta de trabalho.

Reply
Wendel Cerutti 11/02/2020 - 13:34

enquanto isso no brasil a man pode virar vw …..

Reply
Miramar Couto 11/02/2020 - 18:05

Eu acho a coisa mais linda e vai virar o maior shou de venda !
Com certeza !

Reply

Escreva um comentário