Dicas para caminhoneiros: como cuidar da saúde dos pés

por Blog do Caminhoneiro

Os pés são muitas vezes negligenciados e merecem cuidado, principalmente por quem trabalha durante muito tempo ficando na mesma posição, como os caminhoneiros.

Cuidar da saúde dos pés não envolve somente a estética, como o cuidado com as unhas, envolve também conforto e sustentação para que não surjam problemas mais graves.

A falta de sapatos adequados ou falta de alongamento pode fazer com que problemas e incômodos possam surgir ao longo do tempo.

Nossos pés são estruturas complexas

Por mais que pareçam delicados, os pés são compostos por 26 ossos, divididos entre tarso, metatarso e as falanges dos dedos. Por possuírem muito ossos, os pés necessitam de atenção, pois a forma como pisamos pode desenvolver lesões.

Não prestar atenção na saúde dos pés também pode trazer problemas com potencial para comprometer as articulações. Eles permitem nossa locomoção, garantindo nosso equilíbrio, sustentando o peso corporal e aliviando o impacto com o chão quando corremos ou andando. Então, atente-se aos cuidados necessários para com eles!

Os principais problemas que podem afetar a saúde dos pés

O problema mais comum é a faciste plantar, que é relacionada ao esporão calcâneo, o maior osso do pé, aquele que dá forma ao calcanhar. Ele suporta grande parte do peso corporal e distribui esse peso por todo pé ao andar, saltar ou correr. Outros problemas como dores nas costas e nos joelhos são decorrentes de problemas nos pés.

Os cuidados diários com a aparência dos pés, como hidratar, higienizar e manter as unhas sempre aparadas, podem também evitar problemas com fungos e bactérias como frieiras.

Confira alguns cuidados com os pés que vão contribuir com a saúde dessa parte do corpo e com o seu desempenho ao dirigir caminhões!

Dicas para cuidar da saúde dos pés

  1. Cuide bem das unhas

O ideal é cortá-las e lixá-las de 15 em 15 dias, evitando tirar os cantos das unhas para que não infeccione ou encrave. A cutícula deve ser hidratada com produtos específicos, óleos vegetais ou cremes fortalecedores.

As cutículas são importantes para a proteção das unhas, pois evitam a entrada de micro-organismos que podem trazer problemas, como bactérias e fungos. Então, o essencial é somente empurrar as cutículas com uma espátula.

  1. Hidrate bem a pele dos pés

Crie o hábito de hidratar os pés logo após o banho, assim os poros estão dilatados e a pele limpa, facilitando a absorção do creme. Esse ritual também pode ser feito antes de dormir, pois quando os pés ficam em repouso, pode haver uma melhor absorção dos cremes pela pele.

Para potencializar o efeito do creme, pode envolver os pés em papel filme após a hidratação e colocar meias, elevando os pés enquanto repousa. Além de garantir uma hidratação mais eficaz, elevar os pés pode melhorar a circulação sanguínea, diminuindo o cansaço e possíveis inchações.

  • Escolha o sapato correto

Motoristas profissionais devem prestar mais atenção ainda ao escolher o sapato correto. Para dirigir, prefira sapatos mais rígidos, que tenham o solado parcialmente flexível, como tênis de tracking. Eles têm acolchoamento interno, deixando o pé firme, porém confortável.

Usar sapatos muito flexíveis podem sobrecarregar os pés, fazendo com que os músculos dessa parte do corpo trabalhem mais, sem necessidade. Os sapatos com solas mais firmes evitam que o pé gaste uma quantidade desnecessária de energia.

  • Alongamento

Ortopedistas aconselham o caminhoneiro a alongar os pés pelo menos duas vezes ao dia, durante paradas para refeições, trocando o tênis por um mais flexível, para que os pés relaxem e alonguem ao mesmo tempo. Os alongamentos mais adequados para quem dirige por muito tempo são os exercícios de panturrilha em pé, e do tendão de Aquiles.

Dirigir por muito tempo sem pausas faz com que o motorista fique muito tempo na mesma posição, podendo causar encurtamento na musculatura dos pés, tornozelos e pernas.

  • Não dirigir de chinelos

Além de ser uma questão de segurança, pois os chinelos não garantem a firmeza na hora da pisada, usar esse tipo de calçado pode causar acidentes ao se soltar dos pés. Se ele ficar preso sob pedais, impedindo o acionamento correto, por exemplo.

Dirigir com calçados inadequados pode gerar multa e perda de pontos na CNH. Os chinelos são indicados somente para o horário de descanso, quando o motorista não irá mais dirigir. Andar mais descalço durante o tempo de descanso também é indicado, assim preserva-se a saúde dos pés, deixando os músculos ativos e as juntas mais saudáveis.

  • Visite o médico ortopedista

Para os caminhoneiros, que ficam muito tempo na mesma posição, o ideal é que visitem um ortopedista regularmente. Ter plano de saúde nesses casos pode ajudar o motorista a prevenir melhor problemas de saúde, pois tem acesso facilitado a médicos e exames.

Além da prevenção, visite o médico quando surgir algum tipo de problema ou dor nas pernas e pés. Consulte seu convênio médico para saber quais os profissionais ortopedistas especialistas em membros inferiores da sua região. Caso realize uma consulta particular, verifique boas referências.

Lembre-se de que cuidar da saúde dos pés é essencial para melhor desempenho da sua profissão.

Por: Andreia Silveira, editora no site PlanoDeSaude.net. | Foto Reuters/Nacho Doce.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário