Venda de implementos rodoviários em 2022 se mantém próxima do total emplacado em 2021

As vendas de implementos rodoviários no Brasil em 2022 se mantém próximas do resultado apurado em 2021. De acordo com dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR), entre janeiro e novembro foram vendidos 140.639 produtos, ante 147.739 unidades em 2021.

O resultado ainda não inclui as unidades comercializadas na Fenatran.

“O evento foi extremamente positivo para o setor e nos próximos meses os emplacamentos relativos aquelas vendas vão surgir na estatística de desempenho da nossa indústria”, avalia José Carlos Spricigo, presidente da ANFIR.

Na edição desse ano da Fenatran, o setor produtor de implementos rodoviários esteve representado por 50 empresas do segmento que ocuparam 13 mil metros quadrados de área do São Paulo Expo.

Leves e pesados

As vendas de Reboques e Semirreboques, de janeiro a novembro de 2022, foram de 75.248 produtos. No mesmo período do ano passado o total foi de 82.188 unidades, o que representa retração de 8,44%.

“É importante ressaltar que o menor número de produtos vendidos não significa necessariamente queda nos negócios porque a entrada do 4º Eixo fez direcionar para o produto algumas vendas que seriam para o Bitrem”, explica Spricigo.

No segmento de Carroceria sobre chassis a indústria entregou ao mercado, de janeiro a novembro deste ano, 65.391 unidades, ante 65.551 produtos em igual período de 2021. Isso representa praticamente o mesmo desempenho entre os dois períodos.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal