CaminhõesNotíciasNotícias

Duas carretas com mais de 20 toneladas de excesso de peso são retidas em Pernambuco

Na última quarta-feira, 04 de janeiro, a Polícia Rodoviária Federal de Ouricuri, no Sertão pernambucano, realizou um comando de fiscalização de veículos de carga, onde foram flagradas duas carretas transportando 21 toneladas de excesso de peso.

Na primeira abordagem, realizada na BR-316, os policiais constataram um excesso de 12,4 toneladas transportadas de foram irregular uma vez que o motorista apresentou nota fiscal de apenas 19 toneladas do produto.

A irregularidade fiscal foi confirmada pelo auditor da SEFAZ-PE, no momento do flagrante.

No segundo veículo abordado, o excesso de carga chegou a 9,4 toneladas. Os caminhões foram retidos e os motoristas precisaram fazer o transbordo do material transportador além do permitido.

O excesso de carga é um dos motivos que fazem a profissão de caminhoneiro figurar nas estatísticas de acidentes mortes no Brasil. O motivo está na perda da estabilidade do caminhão. E, assim, tudo fica comprometido: a capacidade de frenagem e a aderência dos pneus à pista.

Resultados operacionais

De janeiro a dezembro de 2022, a PRF em Pernambuco flagrou o transporte de 22,7 mil toneladas de carga em excesso durante fiscalizações em todo o estado. No total, foram emitidos 2.365 autos de infração.

Num ranking nacional, os resultados colocam Pernambuco em 1º lugar dentre os estados que mais flagraram o transporte excessivo de carga em rodovias federais.

O segundo lugar ficou com o estado da Bahia (14,2 mil toneladas), seguido pelo estado do Mato Grosso (11,1 mil toneladas)

A infração que muitas vezes pode parecer vantajosa traz na verdade uma série de prejuízos. O principal deles é com relação o aumento das chances de envolvimento em acidentes graves.

Além disso, carga além do limite aumenta os custos com combustível, gera mais danos mecânicos e prejudica a conservação das estradas, o maio ambiente e a qualidade do trânsito.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Consumo do Tesla Semi surpreende Conheça as oito personalidades da Ford F-150 Conheça o Ford Thorco – O caminhão de dois motores Conheça 8 dicas para evitar quebras no seu caminhão Conheça as cores preferidas dos caminhões DAF