Banda Gentileza promove single “Quem Me Dera” com clipe e game online de caminhão




A Banda Gentileza preparou um “combo” para o lançamento da inédita “Quem Me Dera”. O primeiro single do sexteto de Curitiba desde o disco homônimo (de 2009, produzido por Plínio Profeta) chega acompanhado de um clipe e um divertido game online para usuários do Facebook, o Game Dera, elaborado pela desenvolvedora Monster Juice e disponível no facebook.com/bandagentileza a partir de 30 de julho (segunda).

Filmado em três dias na capital paranaense e viabilizado por meio de projeto de financiamento coletivo (no qual foram arrecadados R$ 5 mil para os custos de produção), o vídeo convida uma misteriosa caminhoneira para aventura que combina brigas de bar com divertidos efeitos especiais. A direção é de Max Leean, da Feito – A Casa de Produção.

Vencer para baixar

Assim como no clipe, o enredo do Game Dera também tem a caminhoneira como protagonista. Ela precisa combater um chefão e seus vilões para levar todos os integrantes da Banda Gentileza ao local do show.

Caso o internauta consiga superar os desafios do jogo, ganha como prêmio o download gratuito de “Quem Me Dera” e pontos extras se concluir o desafio com todos os integrantes “intactos”. Se perder, começa de novo.

Futuramente, os fãs com as melhores pontuações concorrerão a produtos exclusivos da Gentileza e entrada gratuita em apresentações da banda.

Do brega ao baile funk

No single “Quem Me Dera”, o vocalista e guitarrista Heitor Humberto canta sobre as ambivalências de uma relação amorosa: “O amor é uma balança/Um se apaixona e o outro cansa/Se a vingança te socorre/A esperança é a única que morre”.

A canção começa com verdadeiros acordes-farofas, parte ligeiramente para um riff brega embalado por metais e, depois de um bela passagem instrumental, se transforma em um baile funk comandado por Cacá V., vocalista do Copacabana Club.

Também colaboram para o clima vibrante da canção os instrumentistas Artur Lipori (trompete), Diego Perin (baixo), Tuna Castilho (bateria), Lucas Lara (guitarra) e Jota Borgonhoni (saxofone).

Produzida por Gustavo Lenza (Céu, Curumin, BNegão, Apanhador Só e Romulo Fróes estão entre seus trabalhos recentes), “Quem Me Dera” conta, ainda, com as batidas da dupla Drunk Disco e o trombone de Will Robson (Supercolor).

Inovação como tendência

Essa inovadora forma de divulgação da Gentileza não deve ficar restrita a “Quem Me Dera”. Para a faixa “Indecisão”, que sai em outubro, a banda pretende dar continuidade ao jogo.

A ideia é que uma nova fase de Game Dera acompanhe futuras canções da Gentileza. “O nosso novo álbum pode até não ser um disco em si”, adianta Heitor Humberto. “Mas, sim, um jogo completo de várias fases.”

O conceito de Game Dera foi criado pela Banda Gentileza em parceria com a produtora de games Monster Juice, de Curitiba, que chegou a ser premiada em 2011 pelo jogo “O Mundo vs. Danilo Gentili” na categoria Game Mobile da Brasil Game Show, o maior evento do setor na América Latina.

Liberta de Rótulos

Unindo gêneros distintos como samba, valsa, bolero, jazz, dub, moda de viola, rock e MPB, a Banda Gentileza conquistou a cena local com o lançamento de dois EPs ao vivo no projeto A Grande Garagem que Grava, entre 2005 e 2007.

O primeiro disco de estúdio, Banda Gentileza, foi lançado em 2009 com produção de Plínio Profeta, que recebeu um Grammy Latino por produzir o disco Falange Canibal, de Lenine, além de ter trabalhado com outros nomes da nova música brasileira, como Lucas Santtana e Tiê.

Do disco homônimo, o grupo já lançou clipes para as canções “Afinal de Contas”, com direção de Rodrigo Fornos, e “O Estopim”, de Aristeu Araújo.

Vídeo clipe:

Link do jogo:

http://apps.facebook.com/gamedera

Site da Banda:

http://www.bandagentileza.com.br/

RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS NO E-MAIL





Seu e-mail (obrigatório)






Deixe sua opinião sobre o assunto!