Exército construirá ponte móvel em tempo recorde para liberar tráfego na BR-158




Acionado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o Exército Brasileiro iniciou, nesta semana, o transporte de uma ponte metálica de Aquidauana (MS) até o Norte do Mato Grosso. O percurso de 1.600 quilômetros vai ser cumprido nesta semana.

A estrutura faz parte de um conjunto de sete pontes móveis e metálicas importadas da Inglaterra, pelo DNIT, ao custo de R$ 60 milhões, para atender situações de emergência em rodovias. Elas são compostas por módulos pré-moldados de aço e ficam sob a guarda do Exército Brasileiro.

BR-158/MT

A estrutura metálica vai ser instalada sobre o rio Preto, entre o município de Confresa e o distrito de Alô Brasil, na região do Araguaia. O tráfego no local está sob monitoramento da Superintendência Regional do DNIT, no Mato Grosso, desde o início deste mês.

Na primeira semana de abril, o trânsito no local chegou a ficar parcialmente bloqueado em razão da cheia do rio Preto, mas se agravou depois que um motorista de caminhão bitrem desobedeceu à sinalização e forçou a travessia. A atitude intempestiva acabou por danificar a ponte original, construída em madeira, e interditou o tráfego totalmente por alguns dias.

Embora a ponte original tenha sido recuperada antes de o feriado da Páscoa iniciar e o tráfego esteja liberado para veículos leves e pesados desde então, a nova estrutura vai garantir a travessia, caso uma nova enchente aconteça.

A previsão é de que o DNIT conclua a construção de uma nova ponte, que substituirá as duas em funcionamento, ainda neste ano. As pontes metálicas já foram utilizadas pelo DNIT em outras situações emergenciais: para liberar o tráfego na BR-381, sobre o rio das Velhas, em Minas Gerais; na BR-101 próximo a Palmares, em Pernambuco; na BR-364, em Rondônia, e na BR-230, no Pará.





12 comentários em “Exército construirá ponte móvel em tempo recorde para liberar tráfego na BR-158

Deixe sua opinião sobre o assunto!