Volvo CE lança sua nova geração de caminhões articulados




A Volvo Construction Equipment está lançando no Brasil e na América Latina a linha G de caminhões articulados, a mais nova geração de máquinas deste tipo. “São equipamentos para todos os tipos de obras, oferecendo o que há de mais avançado e produtivo nesta área”, afirma Afrânio Chueire, presidente da Volvo CE Latin America.

A nova geração mantém os atributos pelos quais os articulados da marca são conhecidos: alta produtividade, baixo consumo de diesel, facilidade de operação e conforto para o operador. “Mas a nova geração traz características totalmente novas, que fazem desta máquina a melhor opção do mercado, como o Volvo Dynamic Drive, uma carga útil aumentada e ainda maior eficiência de combustível”, destaca Massami Murakami, diretor de suporte a vendas da Volvo CE LA.

Essa tecnologia é uma nova e mais inteligente estratégia de mudança de marcha. Ela leva em consideração também os aclives e declives por onde transita, assim como carga na caçamba, tomando então a decisão de qual marcha usar na partida e posteriormente. Quando as condições exigem, o sistema prolonga a marcha, garantindo o máximo de força de tração. “O Volvo Dynamic Drive leva em consideração a carga útil e o relevo do percurso, tornando os articulados ainda mais eficientes”, diz Boris Sanchez, gerente de suporte a vendas e aplicações da Volvo CE LA.

Assistente em rampas

Os novos articulados chegam também com o Hill Assist, um mecanismo que ajuda quando a máquina roda em aclives acentuados. “O Hill Assist é ativado pressionando-se o pedal do freio na posição parada. Ele mantém o caminhão em posição segura em rampas íngremes o tempo que for necessário. É um recurso muito importante em elevações deste tipo. É mais segurança na operação”, observa Masashi Fujiyama, representante de produto da Volvo CE LA.

Para dar ainda mais suporte ao operador e melhorar a sua segurança, um sensor de ângulo de inclinação lateral foi colocado no chassi traseiro. Ele permite que o operador veja qual é a inclinação lateral antes e durante o basculamento. Por meio do Contronics, é possível definir limites de inclinação e escolher as ações possíveis. Nesse caso, o operador receberá um alerta amarelo, caso uma inclinação lateral crítica seja detectada.

Os caminhões podem ter também o OBW (On Board Weighing), um dispositivo de pesagem de carga que o aproveitamento de 100% da capacidade carga útil, evitando ineficiência em caso de pouca carga ou assegurando a durabilidade e a confiabilidade em sobrecargas. Solução ideal para monitorar a produtividade da máquina, o OBW é totalmente automático.

A unidade de carregamento recebe informações por meio de luzes indicadoras de carga, montadas do lado de fora da máquina, para atingir a carga nominal e avisar quando há sobrecarga. Três luzes diferentes se acendem, dependendo da quantidade de carga no caminhão. As luzes de indicação de carga também são visíveis para o operador, assim como a carga real, ambas apresentadas no visor do Contronics.

O maior caminhão articulado da Volvo chega ao mercado brasileiro

O maior caminhão articulado da Volvo já está sendo comercializado no Brasil. Com capacidade para 55 toneladas métricas de carga, a maior já oferecida neste tipo de máquina, o A60H é a última geração de caminhões articulados, um conceito inventado e desenvolvido pela Volvo. “O Brasil recebe agora o que há de mais avançado nesta área. É um equipamento configurado para grandes obras e alta produtividade”, afirma Afrânio Chueire, presidente da Volvo CE Latin America.

O novo articulado oferece produção contínua e grande confiabilidade graças a sua grande capacidade de carga e ao seu potente motor de 16 litros e 663cv. Sua performance é fruto também de uma série de outros atributos tecnológicos que o fazem a melhor opção para trabalhos de transporte em operações de escavação massiva. “Ele vai aonde nenhum outro vai”, afirma Massami Murakami, diretor de suporte a vendas da Volvo CE LA, referindo-se à grande robustez do A60H, que trabalha com grande produtividade em condições adversas, em terrenos lamacentos, sob chuva, em topografias acidentadas em todas as estações do ano.

Com acesso fácil para todos os pontos de manutenção e amparado pela grande rede de distribuidores Volvo estrategicamente espalhada por todo o País, o maior articulado da marca foi projetado para atuar em minerações, pedreiras, grandes operações de terraplenagem e obras de infraestrutura. “Sua qualidade, confiabilidade e durabilidade o transformam na principal escolha para empresas do setor”, diz Gilson Capato, diretor comercial da Volvo no Brasil. Com freios a disco úmido em todas as rodas, a nova máquina foi desenvolvida também com um chassi dianteiro e traseiro voltado para serviços pesados.

Ele vem equipado de série com os dispositivos inteligentes da Volvo para ainda mais sua performance: o CareTrack, o sistema de telemática do segmento mais avançado da América Latina: o OBW (On Board Weighing), um dispositivo de pesagem de carga que garante maior produção por ciclo de trabalho; e o Matris, outro sistema da marca que fornece informações importantes para gestão, monitoramento e diagnóstico da máquina. “Aliado a uma enorme variedade de contratos de suporte ao cliente, tudo isso resulta numa produção otimizada e menos custos operacionais”, diz Alexandre Flatschart, diretor de Customer Solutions da Volvo CE LA.

O A60H pode transportar mais toneladas por hora e tem uma carga útil maior para aplicações pesadas, oferecendo até 40% mais produtividade do que o modelo abaixo. Com um sistema de transmissão de acionamento automático e bloqueios de diferencial 100%, suspensão Bogie para qualquer terreno, direção hidromecânica e suspensão ativa, ele é uma das mais inovadoras máquinas criadas pela marca.

“O A60H otimiza também o conforto e a segurança do operador”, destaca Boris Sanchez, gerente de suporte a vendas e aplicações da Volvo CE LA. O assento posicionado no centro da cabine, baixos níveis de ruído, controle da refrigeração e grande espaço e ampla área envidraçada contribuem decisivamente para reduzir a fadiga do condutor, ajudando também no aumento da produtividade nos canteiros de obras.

Novo caminhão articulado A45G chega para atuar em conjunto com a escavadeira EC750DL

O caminhão articulado A45G que está sendo apresentado pela Volvo Construction Equipment nasceu praticamente para trabalhar em conjunto com a escavadeira EC750DL, lançada pela empresa no Brasil no final do ano passado. A dupla é dirigida para operações de mineração, construção pesada e outras que precisarem de máquinas potentes e de grande produtividade, em uma escala menor à entregue por uma outra perfeita combinação de equipamentos da marca: a escavadeira EC950E e o caminhão articulado A60H.

“O A45G e a EC750DL são máquinas voltadas para clientes que precisam de caminhões com capacidade de carga de 35 a 50 toneladas e de escavadeiras na faixa de 70 toneladas de peso operacional”, explica Masashi Fujiyama, representante de produto da Volvo CE Latin America. O A45G chega ao mercado oferecendo um aumento de 5% de capacidade de carga, na comparação com o A40F. “É um aumento promovido justamente para otimizar a operação de transporte”, lembra Afrânio Chueire, presidente da Volvo CE LA.

Assim como seu “irmão maior” A60H, o A45G tem novas tecnologias que contribuem para melhorar ainda mais produtividade, como o OBW (On Board Weighing), um sistema de pesagem de carga que garante maior produção por ciclo de trabalho e outros dispositivos para facilitar o tráfego em aclives acentuados e para reduzir risco de tombamento durante basculamento em topografias inclinadas.

“O A45G atende a demanda do mercado de levar mais carga por ciclo, mas mantendo as características todo-terreno dos caminhões articulados”, destaca Boris Sanchez, gerente de suporte a vendas e aplicações da Volvo CE LA. Juntas, as máquinas formam uma admirável combinação. A escavadeira consegue carregar o articulado com 4 a 6 passes. Tanto o A45G como a EC750DL são equipados com o potente motor D16, de 16 litros, presentes também na internacionalmente consagrada linha de caminhões rodoviários da marca.





Deixe sua opinião sobre o assunto!