A telemetria chegou para revolucionar o transporte brasileiro




Você sabia que a telemetria contribui com a redução do consumo de combustível e de acidentes nas estradas, e não apenas com questões ligadas a roubo e furto de cargas/veículos? Ela vai muito além: aumenta a eficiência dos serviços prestados e reduz custos com combustíveis e manutenções, o que impacta diretamente – e positivamente – no meio ambiente.

Essa tecnologia, que muitas pessoas já devem ter ouvido falar no mundo das corridas automobilísticas, é extremamente eficiente para obter relatórios precisos e receber dados, como tempo, localização e comportamento, em tempo real e online.

Ela é uma grande aliada dos transportadores e embarcadores, pois as informações relativas à condução do veículo são transmitidas à base de monitoramento. Por meio da telemetria, é possível fazer a gestão de frotas, sejam elas leves ou pesadas, como nunca aconteceu antes. Em tempo real, podemos saber qual é a posição do veículo, qual a velocidade do veículo, se o motorista está entrando em uma curva perigosa, quanto está gastando de combustível por viagem, entre outras informações valiosas para quem precisa entregar um serviço de qualidade, com agilidade e segurança, como é o caso de quem trabalha na área de transportes.

LEIA MAIS  Como evitar roubos de carga no final de ano

Hoje, podemos falar, com segurança, que as soluções de telemetria para gestão de frotas estão revolucionando o mercado de transportes e logística, pois além de reduzir custos operacionais em até 30%, tornam as operações mais eficientes, com maior percepção de qualidade nos serviços prestados, possibilitando um diferencial competitivo imbatível.

No Brasil, a telemetria tem crescido vertiginosamente na última década e está comumente atrelada a mercados específicos, como transportes especiais e de cargas perigosas, agronegócios, transporte de leite, concessionárias de rodovias, logística/distribuição e transporte coletivo (urbano e rodoviário). Isso acontece porque a tecnologia permite funções fundamentais, como:

Segurança: Garante a segurança da carga, do meio ambiente e principalmente do motorista

Eficiência: as empresas buscam soluções que aumentem a rentabilidade, em função da redução de gastos com manutenção, combustíveis etc.

Conformidade: o setor de transporte rodoviário é um dos setores com mais regulamentações, por isso a telemetria é fundamental para gerenciar essa questão.

LEIA MAIS  Futuro ministro da Infraestrutura diz que tabela de frete ainda é necessária

Além disso, com a telemetria é possível identificar e corrigir comportamento inadequado do motorista, o que é o primeiro passo para reduzir riscos e aumentar os níveis de segurança, preservando vidas nas cidades e estradas brasileiras.

Bruno Santos, Engenheiro e Gerente de Vendas e Serviços, é responsável pelas áreas de serviços, vendas e marketing da MiX Telematics no Brasil e LATAM Sul desde 2013. Sua principal atribuição é tornar acessível ao mercado às soluções globais da MiX Telematics no que tange a gestão eficiente de frotas.




4 comentários em “A telemetria chegou para revolucionar o transporte brasileiro

Deixe sua opinião sobre o assunto!