Contran adia para 2019 a exigência de alteração nas placas de sinalização traseira em carretas

por Blog do Caminhoneiro

O Contran adiou para janeiro de 2019 a vigência da resolução 702, que obriga a atualização da sinalização traseira de advertência, comumente utilizada em veículos longos como rodotrens, cegonhas e para cargas especiais.

A resolução obriga as empresas a atualizarem o dispositivo de segurança, com uma nova série de detalhes técnicos, inclusive colocando o nome do fabricante e a marca da película em um espaço destacado.

Entidades ligadas ao transporte entraram com pedidos para suspensão da resolução, alegando os custos inerentes à produção de novas placas. O Contran atendeu parcialmente à esses pedidos, e alterou a data da entrada em vigor da resolução para janeiro de 2019.

Veja a resolução na íntegra CLICANDO AQUI.

 

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

6 comentários

thejhjs junior 09/01/2018 - 10:42

Esse governo inventando coisas só pra tirar dinheiro das pessoas que país vergonhoso
Oque eles tem que criar mesmo é a redução das filas gigantes dentro do Dtran e melhorar o atendimento pq tem funcionários educados mas a maioria são simplesmente uns animais

Reply
Altamir 09/01/2018 - 06:26

Agora querem que as caçambas troquem as bombas e tomada de força que está funcionando por outra que tem o dispositivo de segurança. Poderia apenas instalar o sensor de segurança. Está muito confuso isso.

Reply
Menacho 08/01/2018 - 19:12

E muita resoluções para nada o que o Contran tem que fazer e criar lei mais severa para as pessoas que for tirar cnh tenha no minimo o ensino fundamental completo

Reply
Sergio simoes 08/01/2018 - 18:17

É verdade q haverá aumento estúpido nas infrações pelo Denatran, este ano.

Reply
Daniel Fernando 08/01/2018 - 20:12

Td mundo tinha e q para isso ja viro vergonha td em cima do caminhão e nois ganhando cada vez pior

Reply
Helivan Fonseca 08/01/2018 - 15:01

Cajau Antonelli

Reply

Escreva um comentário