Curso do SEST SENAT habilita para trabalhar com cargas indivisíveis

por Blog do Caminhoneiro

Um dos serviços de transporte que requer especialização é o que trabalha com cargas indivisíveis. Mas você sabe o que isso significa? Trata-se do transporte de uma peça unitária, com elevado peso específico, que também pode ter grandes dimensões, como por exemplo o transporte de guindastes, toras de madeira ou blocos de rocha. O SEST SENAT oferece essa capacitação para profissionais do transporte, e o curso é gratuito para aqueles que estão com o cadastro em dia nas Unidades Operacionais.

O foco está na preparação do condutor frente aos riscos que esse tipo de movimentação oferece, utilizando como base as resoluções do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) sobre o tema, além da regulamentação do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

Somente quem fez o curso preparatório pode trabalhar com esse tipo de carga. Nesse caso, são observadas condições especiais de trânsito, como horários, velocidade, sinalização do veículo e da carga e outras medidas específicas de segurança nas estradas, bem como para a segurança de propriedades de terceiros e da própria rodovia.

No SEST SENAT, o curso tem carga horária de 50 horas/aula. Os alunos recebem noções de Legislação de Trânsito e Legislação Específica, Primeiros Socorros, Meio Ambiente e Prevenção de Incêndio, Direção Defensiva e Movimentação de Cargas.

Os pré-requisitos para realizar a matrícula são: ser maior de 21 anos; estar habilitado, no mínimo, na categoria C ou E; não estar cumprindo pena de suspensão do direito de dirigir, não ter a CNH cassada e nem estar impedido judicialmente de exercer seus direitos.

Depois de se formar, o caminhoneiro solicita uma segunda via da carteira de habilitação, na qual irá constar a autorização para o transporte da carga indivisível. O SEST SENAT está devidamente credenciado pelo Contran para oferecer o curso.

Entre em contato com a Unidade do SEST SENAT mais próxima para saber informações sobre inscrições e turmas para o curso Especializado para Condutores de Veículos de Transporte de Cargas Indivisíveis e Outras.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

23 comentários
0

Artigos relacionados

23 comentários

Sandro Prando 23/01/2018 - 22:36

Não é só o curso as empresas estão exigindo muito,entre experiência, cursos,pancary,e você não pode estar devendo para as casas Bahia kkkk só no Brasil,oportunidade zero

Reply
Mauro Turchetto 23/01/2018 - 09:09

Fiz entrega de moveis 6 anos com carreta 2 eixos no nordeste
Se tiver melhor curso q esse quero conhecer

Reply
Claudinei Henrique Souza 22/01/2018 - 20:49

Ja tenho.fiz pela conesul

Reply
Eduardo Puglia 22/01/2018 - 20:34

Tenho esse curso a 2 anos estou empregado desde marco de 2016 gracas a esse curso 84 pessoas pra 1 uma vaga de prancha na usina da minha cidade esse foi meu diferencial pra conseguir o serviço estou muito feliz com os cursos que tenho e faria mais se possível

Reply
Ronaldo Ternieden 22/01/2018 - 20:32

Já Fiz todos cursos que exigem a lei e sinceramente apenas um seria o suficiente …isto é só mais um meio de alguém ganhar dinheiro esses cursos são pouco práticos não ensinam grande coisa ….Se esse país fosse sério cada particularidade de cada tipo de transporte seria revelado pelas empresas aos seus motoristas e pronto….

Reply
Roomario Rodrigues 22/01/2018 - 18:42

Qro fazer esse curso

Reply
Buzú Diu Santos 22/01/2018 - 18:24

Eu quero

Reply
Sandro Prando 22/01/2018 - 17:24

Quanto mais cursos a gente faz,pior fica quando tiver que fazer a reciclagem (renovar o curso ) Como é que uma pessoa desempregada vai fazer a reciclagem dos cursos, eu sei que é a cada 5 anos mesmo assim fica difícil.

Reply
Alan Vieira 22/01/2018 - 17:18

Outro meio de tirar dinheiro do motorista esse curso indivisível aí ,

Reply
Debora de Souza 22/01/2018 - 17:01

Lorrane Lorrayne Junior Heloisa

Reply
Lauro Glowacki 22/01/2018 - 14:43

Pior bosta curso é só pra garantir renda .

Reply
Arilto Correia 22/01/2018 - 14:15

Ak no de Deodoro nunca tem vaga nessa merda

Reply
Alan Rocha 22/01/2018 - 22:31

O de São Gonçalo abre vaga todo mês

Reply
Arilto Correia 22/01/2018 - 22:31

Muito longe p mim

Reply
Alan Rocha 22/01/2018 - 22:32

Longe nada só atravésa a ponte cai dentro do sest senat

Reply
Arilto Correia 22/01/2018 - 22:46

Eu moro em Anchieta mlk

Reply
Jose Campelo Da Silva Silva 22/01/2018 - 13:49

Já tenho cursos até de mais e emprego nada.,o sest Senat tá de parabéns só acho q deveria ter uma parceria com as empresas e encaminhar alguns proficionais pra estágio etc

Reply
Mauriciobtistadossantos Batista 22/01/2018 - 13:48

Se tiver em santos sem frete ja opito em pega um container e trazer pra sao paulo posi

Reply
Nelson Rocha 22/01/2018 - 12:22

com estes salarios q empresas estao oferecendo .nao compença investir na profissao .d motorista..

Reply
João Dias 22/01/2018 - 12:33

O poblema tubarão que se vc não se atualizar cada vez mais ficar de ficil de arrumar um trampo

Reply
Nelson Rocha 22/01/2018 - 12:37

mudar de ramo ….

Reply
Mauriciobtistadossantos Batista 22/01/2018 - 13:46

Vou fazer trabalha pra nim mesmo poder puxar container na minha carreta tem lok pra container e se nao tiver curso toma multa

Reply
airton fogaca sousa 22/01/2018 - 09:21

isso e muito bom eu estou desempregado e com o cusso vai ajudar muito na oportunidades de serviços ??

Reply

Escreva um comentário