Ideia legislativa propõe alteração na lei de comprimento dos caminhões no Brasil




Contando inclusive com uma página no Facebook, uma ideia legislativa foi proposta no site do Senado Federal, visando a alteração da lei de comprimento dos caminhões no Brasil. Atualmente, a lei da balança, como é conhecida, permite combinações de veículos de carga de até 11 eixos, no caso do super-rodotrem, e comprimento máximo de 30 metros, considerando o comprimento total do cavalo-mecânico e implemento.

Nos Estados Unidos a conta é diferente. A lei leva em consideração apenas o comprimento do implemento, deixando o cavalo-mecânico fora da medida. Por isso as cabines dos caminhões americanos são maiores, e a predominância é de caminhões bicudos, em todos os segmentos.

É essa alteração que a ideia legislativa pede, visando a possibilidade de uso de caminhões com cabines maiores e inclusive bicudos no Brasil. Essa é pelo menos a sexta Ideia Legislativa publicada no portal e-Cidadania do Senado Federal. A ideia que mais recebeu votos chegou a pouco mais de 3 mil e já foi encerrada por conta do prazo. São necessários 20 mil votos para que a ideia possa ser analisada como projeto de lei.

LEIA MAIS  Avilan Transportes abre vagas para motoristas carreteiros em Sapucaia do Sul-RS

Além da legislação, o Brasil tem um mercado de caminhões totalmente diferente do mercado americano. Nossos caminhões, em sua grande maioria, são derivados de projetos europeus, e na Europa também há a predominância de caminhões frontais, com rígida legislação referente à comprimento e peso dos veículos.

Caso um lei do tipo fosse aprovada, teria de haver interesse de empresários para compra dos caminhões bicudos, que teriam um custo bem maior, devido ao nível de conforto extra, tamanho da cabine maior e chassi mais longo.

As cabines top de linha no Brasil, mesmo que frontais, oferecem muito conforto, com camas de tamanho adequado, piso plano e diversos itens de comodidade para o motorista. Porém a venda desses modelos top de linha são baixas se comparada à venda de modelos mais simples, também devido ao custo. Será que esse investimento seria rentável para as montadoras e para os empresários?

LEIA MAIS  Volvo admite possibilidade de recall de caminhão por falha na emissão de gases

Caso tenha interesse em conhecer a ideia legislativa e dar sua opinião, clique aqui. Até o momento a ideia legislativa recebeu 268 votos, cerca de 1% do total necessário.




43 comentários em “Ideia legislativa propõe alteração na lei de comprimento dos caminhões no Brasil

Deixe sua opinião sobre o assunto!