Marcopolo S.A. participa da Lat.Bus & Transpúblico 2018




A Marcopolo S.A. prepara participação inédita e marcante na Lat.Bus & Transpúblico 2018, Feira Latino-americana do Transporte, que será realizada de 31 de julho a 2 de agosto, no Transamérica Expo Center, em São Paulo. A empresa, líder brasileira e detentora das fabricantes de carrocerias de ônibus e veículos leves para o transporte de passageiros, Marcopolo, Neobus e Volare, além do Banco Moneo, apresentará em um único espaço as novidades de cada uma de suas marcas.

Para Francisco Gomes Neto, diretor-geral da Marcopolo S.A., este é o primeiro evento de âmbito continental no qual a companhia reunirá suas três marcas e está alinhada com a sua nova estratégia de atuação. “Com a incorporação da Neobus, em 2016, realizamos estudos profundos para a definição dos atributos, diferenciais e posicionamento de cada uma de nossas marcas e de seus produtos para melhor atender os mercados brasileiro e internacional. Neste momento de retomada da indústria do ônibus é fundamental apresentar aos nossos clientes e parceiros essa ‘nova’ Marcopolo e a força de cada uma de suas marcas”, enfatiza o executivo.

Estande Sensorial

A Marcopolo desenvolveu um estande para explorar as experiências sensoriais. A proposta é aproximar as marcas sem perder a identidade e fortalecer o relacionamento com clientes, parceiros e públicos simpatizantes das marcas. Com 2.400 m2 de área total, contará com aromatizador ambiente, música ao vivo, monitores em cada marca com vídeos 360º, realidade aumentada e experiências com produtos. Terá também auditório para apresentações e workshops e duas áreas exclusivas e diferenciadas – Espaço Design e Espaço Engenharia -, para apresentação de inovações nos produtos.

LEIA MAIS  Metra leva apaixonados por ônibus em carreata no E-Bus, veículo 100% elétrico

“Será, sem dúvida, a participação mais marcante da companhia em um evento. Por intermédio de diferentes experiências sensoriais, vai tornar a visita uma experiência completa, gerando memórias positivas da feira e dos veículos Marcopolo, Neobus e Volare”, comenta Francisco Gomes Neto.

Reforçar o novo posicionamento de mercado de cada uma das marcas Marcopolo, Neobus e Volare, e estreitar o relacionamento com os clientes é o foco da empresa. “É preciso estar cada vez mais próximo dos nossos parceiros de negócios. A excelência e o conhecimento profundo da operação do nosso cliente e o produto mais indicado para a aplicação é cada vez mais um fator determinante e somente assim poderemos oferecer produtos e serviços diferenciados e além das expectativas”, destaca o executivo.

Organizado pela OTM Editora e MF Promoções e Eventos, a Lat.Bus & Transpúblico 2018 reunirá mais de 80 expositores de diversas áreas ligadas ao transporte rodoviário de passageiros: fabricantes de chassis, carrocerias e autopeças, operadores e prestadores de serviço, empresas de tecnologia, que atuam em bilhetagem eletrônica, sistemas inteligentes de transporte (ITS) e meios de pagamento, além das principais entidades, como Associação Nacional de Transportes Urbanos (NTU), Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) e Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati).

LEIA MAIS  Scania vende primeiro ônibus com avançado sistema de segurança para evitar acidentes

Segundo Marcelo Fontana, diretor da OTM Editora, a expectativa é receber 8 mil visitantes nos 16.000 m² de área de exposição interna, além de 3.000 m² de espaço de exposição externa. “A feira é dirigida a todos os segmentos do transporte coletivo urbano, rodoviário e fretamento em âmbito latino-americano e marca o momento de retomada do crescimento econômico de toda a região, na qual o Brasil é o polo mais importante para o setor”.

Paralelamente à feira, será realizado o 32º Seminário Nacional NTU, “Construindo hoje o novo amanhã”, que terá como foco as contribuições do transporte público para a mobilidade urbana. O objetivo do encontro é fomentar a discussão de propostas sobre os novos rumos do transporte público. Serão abordados temas como adequação da infraestrutura viária, financiamentos, segurança jurídica, tecnologia e melhoria dos serviços públicos.




Deixe sua opinião sobre o assunto!