Iveco apresenta o modelo Hi-Road ao mercado brasileiro

por Blog do Caminhoneiro

A Iveco apresentou em sua fábrica de Sete Lagoas-MG, o novo caminhão pesado Hi-Road, que chega ao mercado brasileiro em um momento de crescimento das vendas de caminhões pesados. Disponibilizado em versões 4×2, 6×2 e 6×4, o caminhão entra no lugar do modelo Stralis, que foi descontinuado.

A Iveco traz o caminhão como uma opção confortável, potente e econômica para o segmento de entrada da categoria de caminhões pesados. O carro chefe da marca continua sendo o Hi-Way.

O Hi-Road é indicado especialmente para operações de médias e longas distâncias, rebocando carretas simples, vanderleias e composições como bitrens. O caminhão saí de fábrica com três opções de motores, de nove litros e 360 cavalos, e de treze litros e 400 ou 440 cavalos de potência.

O caminhão herda diversas tecnologias de seu irmão maior, o Hi-Way, que recentemente passou por várias melhorias técnicas. Os dois modelos da Iveco trazem baixo custo operacional, aliado à grande potência com aumento do torque do motor, que recebeu nova calibração e nova turbina. Outra novidade é uma nova travessa do chassi, desenvolvida no Brasil para aplicações pesadas, que, a partir de agora, equipa 100% dos cavalos-mecânicos Iveco, aumentando a robustez do caminhão.

A cabine do modelo é totalmente nova, usando apenas dois painéis de lataria herdados do Stralis. De acordo com a Iveco, o caminhão tem a cabine mais leve do mercado, que reduz a tara e aumenta a capacidade de carga do modelo.

Para o motorista, a cabine teto alto é item de série, assim como para-sol, trio elétrico (vidros e travas elétricas e espelho retrovisor elétrico e com aquecimento), banco High-Comfort com suspensão pneumática, ar-condicionado e climatizador, rádio com CD, MP3 e entrada USB, volante com comandos integrados e cabine com suspensão pneumática de quatro bolsas.

Como opcionais a Iveco oferece rodas de alumínio, defletor de ar e geladeira de até 23,8 litros de capacidade.

Os motores do Hi-Road são o Cursor 9 e 13, com seis cilindros, e potências de 360 cavalos e torque de 1.500 Nm para a versão de 9 litros, que é exclusivo para o Hi-Road 4×2, e os motores de 13 litros, com potência de 411 cavalos, vendido como 400 pela Iveco, com torque de 1.900 Nm, e com 440 cavalos com 2.250 Nm de torque. Para os motores de 13 litros, o caminhão é disponibilizado nas três versões de chassi, 4×2, 6×2, e 6×4.

O câmbio é o consagrado ZF 16AS 2630 TO automatizado com over drive , com 16 marchas à frente e duas à ré.

O desenvolvimento do modelo faz parte de um programa de investimento de mais de US$ 120 milhões da Iveco no Brasil, com lançamento de novos produtos e investimento e capacitação da rede de pós-vendas. Para 2019, a montadora pretende fazer pelo menos mais três lançamentos de veículos.

A Iveco conta hoje com 74 concessionários em todo o Brasil. Atualmente, 60% dos produtos da marca são vendidos com algum plano de manutenção. A marca conta também com a parceria do Banco CNH Industrial para facilitar a aquisição de veículos da montadora.

Inicialmente a montadora irá produzir o Hi-Road exclusivamente na versão 6×2, e já tem 200 pré-vendas. Os 100 primeiros caminhões serão entregues no início de 2019 para 100 clientes diferentes.

Impressões ao dirigir

Olhando de fora, o Hi-Road mostra imponência por usar o visual do Hi-Way em suas linhas. A entrada da cabine é fácil graças aos degraus e alças da cabine bem colocadas. Por dentro, o interior complemente novo dá um ar sofisticado ao caminhão. Mesmo com o túnel do motor alto, o caminhão tem espaço para um pessoa de até 1,75 metro em pé sobre o motor.

Ao funcionar o caminhão, o motor não cria muitos ruídos no interior da cabine, muito bem isolado. O caminhão tem excelente força de arrancada, e o câmbio ZF faz as trocas de modo muito eficiente, sem solavancos ou perda de velocidade.

O sistema de freios também é bem otimizado para o caminhão, com alta potência de frenagem.

Ou seja, a Iveco entrega o que promete e ainda mais com esse caminhão.

Preço

O Hi-Road na versão 440 cavalos e chassi 6×2 tem preço inicial de R$ 380 mil, sendo colocado bem no meio da faixa de preço de seus concorrentes na mesma faixa de potência e chassi.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

1 comentário

Evandro 12/12/2018 - 10:36

Credo ?

Reply

Escreva um comentário