Quinta maior empresa de transporte dos EUA tenta combater a falta de motoristas

por Blog do Caminhoneiro

O setor de transportes dos Estados Unidos fatura cerca de US$ 726 bilhões por ano, e o número poderia ser maior, se houvessem mais motoristas profissionais à disposição das empresas. Por isso, a empresa US Xpress, que tem hoje mais de 8 mil caminhoneiros em seu quadro de funcionários, reformulou completamente seu programa de treinamento para novos motoristas, e está pagando salários melhores do que nunca para seus caminhoneiros. Além do treinamento convencional, a empresa também investiu em tecnologia.

A principal mudança no treinamento foi que a ideia para o novo projeto saiu da sala da gerência da empresa e foi para o pátio, onde os motoristas de caminhão mais experientes da empresa propuseram ideias para que o treinamento seja melhor aproveitado pelo candidatos à uma vaga de emprego na empresa.

A principal mudança no treinamento é que ele deixou de ser coletivo. O novo treinamento é individual, dado por um instrutor, com uma série de vídeos que explicam o conteúdo do curso para os candidatos. Esses vídeos abordam mais de 200 pontos importantes da condução, manutenção, documentação e outros detalhes do veículos.

A sede da empresa fica em Chattanooga, Tennessee, mas em sua filial em Tunnel Hill, na Geórgia, foi construído um simulador de condução de veículos pesados, para que os motoristas recém saídos das auto-escolas passem por um treinamento inicial sobre a condução do caminhão. Após esse contato com o simulador, os candidatos passam por treinamentos com um motorista experiente, acompanhando viagens, e posteriormente viajando acompanhado de um instrutor, até que estejam aptos para viajarem sozinhos.

Esse programa inicial, até que o motorista tenha contato com um caminhão real, dura apenas três dias. A demora dos cursos de treinamento de novos motoristas nos Estados Unidos também é considerada um empecilho para que novos condutores se interessem pelas vagas de emprego em aberto. Esse programa tem foco em novos motoristas, mas os motoristas experientes também passam por educação continuada na empresa, ao longo de toda a sua carreira.

Além dessas medidas, a empresa também aumentou os salários para seus motoristas. Os valores não foram divulgados e não são todos os caminhoneiros que receberão o aumento. Além do salário, a empresa oferece benefícios, como plano de saúde, já no primeiro dia de trabalho.

Empresas do mesmo porte, como o Walmart, que também tem mais de 8 mil motoristas, tem salário inicial para motoristas rodoviários de US$ 87.500 por ano. Além do salário, os novos caminhoneiros contratados pela empresa recebem um bônus de US$ 1.500. Os motoristas antigos que indicam novos motoristas para a empresa também recebem bonificações. Essa mudança nas contratações mais do que dobrou o custo para as empresas.

Outras medidas no âmbito legislativo também são buscadas, como a redução da burocracia que os motoristas enfrentam em viagens, e até a redução da idade mínima para obtenção da carteira de motorista profissional. O projeto de lei prevê que jovens de 18 anos já possam conseguir o documento, e viajar pelo país, respeitando uma série de regras extras.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

6 comentários

Mhb 24/04/2019 - 18:32

Partiu USA

Reply
EDENILSOM 22/02/2019 - 23:13

Qual a maneira de conquistar uma vaga nos EUA.

Reply
Kellison 09/12/2019 - 09:43

Como faço Para me candidatar a vaga.

Reply
Willian Júnior Marques pinheiro 22/02/2019 - 10:37

Se fosse mais fácil a entrada nos EUA teria mais caminhoneiros por la mas é muito burocrático vc entrar no paiz e trabalhar.

Reply
Antônio Marcos Rodrigues 21/02/2019 - 20:13

Como fasso para mandar um currículo para Walmart ?

Reply
Luiz Picchi Neto 04/03/2019 - 09:27

Como faço para enviar um curriculum meu para as empresas do EUA

Reply

Escreva um comentário