PRF em Teixeira de Freitas-BA apreende caminhão adulterado




A Polícia Rodoviária Federal realizava fiscalização de rotina, na manhã desta quinta-feira (22), no km 873 da BR 101, trecho do município de Teixeira de Freitas, quando flagrou o condutor de um caminhão VW/ 8.160 DRC, realizando ultrapassagem proibida.

O motorista desobedeceu a ordem de parada e empreendeu fuga. A equipe só conseguiu interceptar o veículo após dois quilômetros de acompanhamento tático e em uma estrada vicinal.

Foram solicitados os documentos do veículo e do condutor, quando em uma verificação minuciosa do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), a equipe identificou indícios de falsificação, sendo constatado em um primeiro momento que o padrão dos caracteres impressos no documento, era diferente do utilizado pelo órgão de trânsito.

Durante a fiscalização no caminhão, foram encontradas também indícios de adulterações nos elementos identificadores, o que levou a equipe a aprofundar a verificação no veículo.

Questionado, o condutor de 42 anos disse que o veículo é de propriedade dele e de um primo. Informou ainda que adquiriu o caminhão na cidade de Sooterama, no Espírito Santo.

O veículo apreendido, o motorista e o CRLV foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil, em Teixeira de Freitas (BA), para os procedimentos cabíveis. Inicialmente, ele responderá pelos crimes previstos nos artigos 304 e 311 do Código Penal.

O combate às fraudes veiculares é uma das áreas de atuação ordinária da PRF e ações pontuais são realizadas sempre que se constata uma maior incidência desse tipo de crime em determinadas regiões do país.

Atenção redobrada deve ter também o cidadão ao realizar a compra de um veículo usado. Algumas vezes, o comprador sequer tem conhecimento da procedência ilícita do veículo e o adquire de boa fé. A PRF orienta que, na pesquisa ou ato da compra, o novo proprietário sempre desconfie de anúncios tentadores, leve-o a um mecânico de confiança e confronte as informações do documento com os elementos identificadores no veículo.





Deixe sua opinião sobre o assunto!