Bancos começam a liberar o Crédito Caminhoneiro do BNDES

por Blog do Caminhoneiro

Após meses de espera, os primeiros agentes financeiro começam a incluir em seus sites informações referentes à linha de crédito BNDES Crédito Caminhoneiro, para que motoristas autônomos e cooperativas possam obter até R$ 30 mil para manutenção dos veículos.

O crédito foi anunciado pelo BNDES em abril deste ano, com início da vigência em maio, porém, os bancos conveniados ao BNDES, que fazem a liberação dos valores, não estavam realizando os empréstimos. A maioria dos bancos dizia desconhecer o serviço.

Em um último comunicado, o BNDES afirmava que, apesar dos valores estarem disponíveis, faltava finalização da adequação dos bancos emissores, já que esse crédito não é liberado em dinheiro ao caminhoneiro, mas como crédito exclusivo para compra de peças, pneus e serviços de manutenção.

Nesta semana, recebemos de alguns caminhoneiros informações sobre os empréstimos. o BNDES Crédito Caminhoneiro passou a constar nos sites dos bancos Sicredi e Fomento Paraná. Essas instituições já estão realizando operações de liberação dos valores.

O BNDES Crédito Caminhoneiro tem limite de R$ 30 mil por operação, com carência de 3 meses e prazo máximo de 30 meses para pagamento. A taxa de juros é de 1,41% ao mês.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

25 comentários
0

Artigos relacionados

25 comentários

EDMAR LUIZ WIEGAND MULFAIT 03/10/2019 - 10:20

Caros amigos fui no banco Sicredi de P.Grossa para ver lo tal emprestimo.o que eles exigem é que tenha conta no banco Sicredi á mais de um ano e bom relacionamento com o banco.ou seja ter dinheiro em conta.Pra acabar mesmo.

Reply
Ezequiel Neto 29/09/2019 - 07:44

Os ignorantes, que acham que sabem tudo, privam-se de um dos maiores prazeres da vida: aprender…Contudo, mesmo no mundo onde existem criaturas superficiais, estúpidas e ignorantes, ainda há esperança…

Reply
Salomão Siqueira Neto 28/09/2019 - 10:50

Rapaz essas desgraça, tá tudo no limite do cheque 14% ao mês com os nomes spc Serasa na desgraça do Caraí e tai reclamando de juro de 16 % ao ano ,vai tomar no CÙ de vcs .pega quem quer ninguém tá mandando desgraça.

Reply
Salomão Siqueira Neto 28/09/2019 - 10:46

Ho ninguém e obrigado a pegar não.
Pego o emprestimo quem precisar.
Agora se 30 mil não resolve o problema ,ganha na mega e fica rico .BANDO de sei lá o que.

Reply
Ezequiel Neto 28/09/2019 - 07:52

Isso aí é uma armadilha. Juros de 1,41% ao mês significa 16,92% ao ano, sendo que o Banco Central através do COPOM vem reduzindo gradualmente a taxa de juros SELIC em 0,5% a cada reunião. O presidente do BNDES deveria ter escrúpulos em oferecer um crédito com taxa tão abusiva ao uma categoria das mais sacrificadas e que carrega o País nas costas (e sob as rodas). E olhem que o camioneiro não pegará 1 centavo em dinheiro; é apenas um crédito. Vergonha…

Reply
Robson Jose da silva 27/09/2019 - 22:15

Olha os bancos que estão liberando os créditos para o caminhoneiro ,bancos com projeção nacional pequeno cade a cx econômica Federal,Banco do Brasil porque quando as coisas são para os profissionais que levam esse Brasil nas costas as coisas andam a Passos de tartaruga minha indignação!!!!

Reply
Valdeci 27/09/2019 - 19:51

Isso é uma vergonha louco de quem pegar esse dinheiro olha o juro e o que da pra fazer com trinta mil

Reply
Thiago lima 28/09/2019 - 09:05

Dá pra fazer um motor numa emergência.

Reply
Enio Truyts 27/09/2019 - 19:46

Mais uma vez estamos sendo usados como “boi de piranha”. Elegemos Bolsonaro que prometeu o mundo pra nós e mais uma vez creio que fomos traídos novamente. Ninguém está nem aí pra nós , só querem nos usar , quando é pra fazer frente , somos acionados , não podemos fazer greves , não podemos exigir nossa s direitos , qualquer camada da sociedade tem mais regalias que a nossa , até quando viveremos de migalhas , até quando seremos heróis apenas pra nossos entes queridos , quando essa sociedade hipócrita irá reconhecer nosso trabalho perante a nação ?? Óleo diesel nas alturas , temos de rebolar pra comprar um simples pneu e ainda nos vem com esmolas e com juros mensais .
Essa é nossa vida , viver só e morrer só !!
Cada dia uma batalha pra tentar voltar vivo , inteiro e com o caminhão pra casa . Quando será que teremos o mínimo de valor pra esse país ??
Talvez nunca !!
Pra todos um recado , cuidado com esses financiamentos , vcs podem pensar ser uma luz no fim do túnel , eu enxergo como um buraco sem fim que estamos entrando . Cuidado !!

Reply
Jonathas 27/09/2019 - 19:20

Essa taxa de juros aí tá alta hein?!

Reply
José fortunato Moreschi 27/09/2019 - 17:58

Pras empresas 4 % por ano prós trouxa 1.5 por mês quê país é esse

Reply
José fortunato Moreschi 27/09/2019 - 17:55

O pró camioneiro que era pró camioneiro foi tudo pras empresas lavar dinheiro 50 mil reais pró gerente numa semana táva pronto um ano de carência devolvem o caminhão fica o pobre com a dívida pra pagar ó pobre não comprou nada e tá pagando

Reply
Enio Truyts 27/09/2019 - 19:50

O pró caminhoneiro , só serviu prós bancos abrirem linha de crédito pra alguns beneficiados por eles , eu mesmo , por ter 30 anos de estrada não consegui nada , mas soube de alguns , pq tinham 3 caminhões , o gerente vinha na casa oferecer o crédito , como se o banco dele estivesse dispondo isso ,somente pra clientes vip.

Reply
Zé Cueca 27/09/2019 - 17:32

O que é preciso fazer, é não contrair financiamentos de forma alguma, juntar o dinheiro e comprar a vista nos tira desse buraco sem fundo que muitos vivem hoje no Brasil. É frete baixo, insumos caríssimos, combustível lá nas alturas para manter o lucro das multinacionais que trás combustível la de forma para vender aqui e ainda sujeito a todo tipo de extorsão de todas espécie.
Eu sou caminhoneiro autônomo e não faço dividas, isso me dá condição de trabalhar por preço justo e que me compensa o investimento!
Um dos grandes problemas é quando o caminhoneiro acaba de pagar enormes taxas para quitar o caminhão e quando quita, ao invés de juntar recursos para comprar um caminhão mais novo, entra em outra divida mantendo a exploração aplicada pelo sistema financeiro ” bancos”! e tendo de trabalhar dia e noite para pagar valor de 2 caminhões com o financiamiento! Eita… sem comentários!

Reply
Semir 27/09/2019 - 16:06

Nós que somos profissionais do volante que alimentamos esse país 70% dos autônomos como eu que tenho caminhão não consegui esses 30 mil pois nome no Serasa devendo casa de peças óleo diesel caro e outras situações que cada um passa para se sustentar neste país ,um governo que só pensa em arrecadar impostos ,nós estamos é fundidos

Reply
Marcos 27/09/2019 - 15:10

Acho que o RG e o CPF e o documento do veículo é o suficiente para provar que é caminhoneiro comprovante de residência não precisa é qualquer BR cheia de buracos…

Reply
Paulo Simar Pereira Marques 27/09/2019 - 13:51

Juros de 1.41 estão explorando motoristas,tinha que ser igual crédito agricola.

Reply
EDMAR LUIZ WIEGAND MULFAIT 27/09/2019 - 13:50

Mas mudou novamente os valores e prazos?não seria até 100 mil e.6 meses de carência?

Reply
Arnaldo 27/09/2019 - 13:35

Esses bancos são uma cambada de safados,inventam um monte de desculpas pra não liberar o crédito,aí pedem uma série de documentos pra dificultar à transação,eles gostam de emprestar para os políticos ladrões,cheio de maracutaia liberam no mesmo dia. Aí vêm com essa história que desconhecem o projeto do governo,eles querem é levar só vantagem,e muito.

Reply
Fernando Rocha de Miranda Pereira 28/09/2019 - 22:08

Tudo conversa pra boi dormir. Esses bancos só fazem os caminhoneiros de trouxa, mais nada. Tudo um bando de mentirosos

Reply
Tarso Roberto Silva 27/09/2019 - 13:07

Já procurei os bancos e nada desses 30.000.00
Eles alegam que não estão com essa linha de crédito e dizem não conhecer essa informação

Reply
Aniceto Santos De Souza 27/09/2019 - 12:22

A dificuldade e muito grande para tirar o primeiro caminhão. …
Mesmo com 50% do valor …

Reply
Zé Cueca 27/09/2019 - 17:33

Aniceto, compra a vista e não seja um cumplicie desse sistema exploratório que assola o Brasil com a conivência de governos e leis!

Reply
Marcos 27/09/2019 - 18:51

Simplesmente somos massacrados ,humilhados,o pior dos piores seres humanos no Brasil sabem que sem nós 3° séria muito difícil mas dá valor isso nunca foi que nosso amigo Zé falou para empresa 4% ao ano para nós com equipamento sucateado 1,4 ao mês.
Só Jesus Cristo para te misericórdia de nós que nem Bolsonaro tá preocupado conosco

Reply
Edson Luis 27/09/2019 - 20:16

Quendo e para emprestar para outros paises eles emprestão.e não recebem isso ae é só para enrrolar os bestas.

Reply

Escreva um comentário