PRF retira de circulação quase 20 toneladas de excesso de peso na BR-364

por Blog do Caminhoneiro

Uma carga com quase 20 toneladas de excesso de peso foi retida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). O veículo que transportava o material estava com a suspensão visivelmente mais baixa do que o normal. O caso aconteceu na BR-364, em Rondonópolis, no início da tarde de quarta-feira (8).

Por volta das 12h, policiais rodoviários federais realizavam fiscalização na altura do quilômetro 211, quando desconfiaram do veículo de carga e decidiram abordá-lo. Durante a abordagem, verificaram que eram transportadas 19,8 toneladas de cavaco – lasca produzida pelo desbaste da madeira -, após pesagem na balança rodoviária. Eram levados 27% acima da capacidade de transporte do veículo.

O motorista recebeu uma autuação no valor de R$ 12.981,91. O rodotrem que transportava a carga foi removido para o pátio. A liberação do veículo será efetuada após o transbordo do carregamento.

A circulação de carga com excesso de peso prejudica a conservação do asfalto, a manutenção dos veículos e gera perigo à segurança rodoviária. Os veículos que trafegam com a carga acima dos limites permitidos possuem a capacidade de frenagem reduzida, aumentando o risco de acidentes.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

2 comentários

Zé Cueca 11/04/2020 - 17:55

Excesso de peso não te de ser tolerado, pois além destruir piso asfáltico ainda deixa um passivo muito grande para todos, no caso acima daria para mais um caminhão carreta de 3 eixos e cavalo toco ser carregado. Isso sem contar que essa coisa não para definitivamente em caso de uma emergencial!
Porém, não concordo com multa por excesso no eixo e que deveria ser revisto e aumentando a tolerância para caminhões de três eixos ou mais.
Outro absurdo é nos multar quando passamos por uma balança fora de operação e lá está a câmera para filmar quem passa por fora, isso sim é o que pode ser chamado de jeitinho para roubar nosso suado dinheiro.

Reply
Rai 09/04/2020 - 13:42

Caso seja o rodotrem da imagem, canavieiro 9 eixos, em tese o PBTC seria 74t. Empresários desse setor conseguiram criar a legislação para o super rodotrem 11 eixos e 91t. Nos bastidores segundo matérias que li, tornar o sobrepeso legal dos CVCs 9 eixos legais ao migrarem para 11 eixos, pois seria normal ou mais frequente o excesso. Todavia, a legislação foi suspensa e mal pegou. O da matéria com 27% de excesso, se 74t como referência, seria pouco mais de 93t. Como foi descrito quase 20t, pouco mais de 91t. Se o super rodotrem fosse autorizado, com melhor distribuição da carga no pavimento por ter mais eixos, o acima não seria apreendido porque estaria no limite tolerável.

Reply

Escreva um comentário