Copa Truck terá novidades em 2021

por Blog do Caminhoneiro

A Copa Truck já se firmou como uma importante categoria do automobilismo nacional, realizando, neste ano, cinco eventos com oito etapas, com grid sempre acima de 23 caminhões. Para fortalecer sua presença no cenário das corridas, a Copa Truck anuncia novidades para 2021.

Uma das maiores é a estreia da categoria na TV aberta. Todas as etapas de 2021 serão transmitidas pela Rede Bandeirantes, com transmissão ao vivo. Além disso, as etapas também terão transmissão pelo Facebook e Youtube, nos canais oficiais da Copa Truck, e ainda no canal SporTV, nas TVs por assinatura.

2021 também deverá contar com provas em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Goiás, além de estar sendo negociada uma etapa no Nordeste, ainda não confirmada. As datas também não foram divulgadas.

Serão sete eventos, sendo duas rodadas duplas, totalizando nove etapas, com mais detalhes sendo apresentados em breve.

“A Copa Truck é um campeonato que move multidões no Brasil inteiro e poder deixá-la ao alcance de todos era um dos nossos grandes desafios desde a sua criação – e um dos maiores pedidos que recebemos nas nossas redes. Estamos muito felizes com a chegada da Band, que sempre foi a casa das corridas de caminhões, que nos ajudará a levar esse grande evento para todos os cantos do Brasil. Sem falar que, a partir do ano que vem, qualquer pessoa ao redor do mundo poderá assistir nossas corridas pela internet, principalmente os fãs caminhoneiros que estão sempre nas estradas. Este é um salto que beneficiará não só os telespectadores, mas as equipes e pilotos na entrega aos seus patrocinadores”, comenta Carlos Col, CEO da Mais Brasil, organizadora do campeonato.

Nova categoria

A Copa Truck passará a ser disputada em duas categorias. Além da principal, haverá também a Super Truck, para pilotos novatos ou recentes na categoria. Apesar de ter pontuação e pódios próprios, os caminhões vão correr juntamente com o grid principal.

Para reduzir custos para as equipes e também o número de quebras dos caminhões, a Copa Truck vai passar a ter uma redução na potência dos motores, para ter um grid mais equalizado. Outra novidade é um controle mais eficiente na emissão de fumaça.

“Não teremos uma redução drástica ou significativa na potência dos caminhões, mas uma diminuição que permita que os motores tenham maior durabilidade. Já no caso da fumaça, que vem provocando bastante polêmica nesta temporada, iremos adotar soluções para controlar as emissões. Evitando assim, a necessidade de punições durante os eventos”, completa Col.

Neste ano ainda irá ocorrer mais uma etapa, em Interlagos, para definir o título da temporada de 2020. O grid será composto por 26 caminhões, tendo sete pilotos na disputa. Beto Monteiro, André Marques, Valdeno Brito, Wellington Cirino, Jô Augusto, Felipe Giaffone e Danilo Dirani tem chances de levar o título para casa.

A prova acontece no próximo dia 13/12, com transmissão pelo SporTV2, às 14 horas.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados