Motorista dirigindo há mais de 28 horas atropela e arrasta moto por 32 km em Santa Catarina

por Blog do Caminhoneiro

Um caminhoneiro sob efeito de drogas colidiu na traseira de uma motocicleta, na BR-101, em Penha-SC. A passageira da moto caiu e foi atropelada pelo caminhão. O marido dela ficou preso à moto, escalou a cabine do caminhão e mesmo assim o caminhoneiro seguiu por vários quilômetros, até ser parado por populares.

A moto permaneceu engatada no para-choque da carreta. O caminhoneiro, de 36 anos, viajava de São Paulo para o Rio Grande do Sul, e não prestou socorro às vítimas. Além da colisão com a moto, o caminhoneiro ainda atingiu outros carros na rodovia.

Dentro da cabine os policiais encontraram uma porção de cocaína. O caminhoneiro também apresentava sinais de uso de drogas, e disse, na delegacia, que não dormia há 28 horas.

O caminhoneiro foi autuado por tentativa de homicídio qualificado, por ter usado recurso que impossibilitou a defesa das vítimas, por conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência; fuga de local de acidente de trânsito e posse de drogas para consumo próprio.

Sandra Aparecida Pereira, de 47 anos, que caiu da motocicleta e foi atropelada pela carreta, faleceu ontem no hospital em que estava internada, em Itajaí-SC. Anderson Antônio Pereira, de 49 anos, segue internado, e deve receber alta ainda hoje. Os dois viajavam de volta para casa, após uma passeio de moto até a cidade de Campo Alegre-SC.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

5 comentários

Wanderson 10/03/2021 - 15:02

Caro amigo, sou carreteiro a 21 anos…. Faço a Rota SP X Nordeste.
Vi esse vídeo e creio que milhares de outras pessoas também viram,
Eu até o presente momento, estou há me pergunta?
O que levou esse MOTORISTAS a ficar 28 horas sem dormir ? Nada é ninguém poderá justificar a atitude climinal do MOTORISTA,
Mas não podemos ser hipócritas aqui, conheço e frequentemente faço alertas aos colegas que, fazem uso de DROGAS, para conseguirem cumpri horários de CARGA,
ISSO que aconteceu foi uma fatalidade que poderia ter sido evitada…

Então deixo aqui um ALERTA ⚠ para os colegas que fazem uso de drogas e álcool, durante as viagens…
” Fatos ruins, não acontece somente com os outros, aconte com todos nós.”.

Reply
Gato Preto 09/03/2021 - 12:14

Mais uma prova de que o exame de larga escala não presta pra nada além de encher o bolso dos donos de laboratórios!
Se as autoridades fizessem esse exame in-loco teriam todo o meus apoio, mas fazer uma vez a cada vencimento da CNH é a maior falácia e exploração do nosso dinheiro!
Fizeram uma “mexida” quase sem valor na lei e o LOB dos deputados que defendem os interesses de laboratórios conseguiram com pouco esforço continuar a defender o exame de larga escala!
Em fim; é pra isso que o governo está ai; defender o capital e f ..errar o povo que o elegeu!
Políticos estão ai para defender o interesse de alguém, mas o povão escravizado votam neles, então a roda vai girando!
Como nós somos idiotizados pela mídia fazemos o que eles querem e, acabamos por votar e eleger os poderosos e nós mesmos ficamos sem quem nos representam!
Será que não enxergaram ainda que fazer “arminha” não adianta?
Antes que me esqueço, o diesel subiu mais uma vez!
E o gado continua a defender o dono!

Reply
Sanders R Sanders 09/03/2021 - 08:35

Isso é um lixo criminoso, que merece NUNCA mais possuir uma habilitação e ponto final. Quem defende isso é vagabundo igual…

Reply
Edson R F 09/03/2021 - 08:02

Esse caminhoneiro deve ser preso e nunca mais usar uma estrada para dirigir, ou seja, deixa na cadeia para sempre. Mas antes, devia pegar ele e amarrar na frente de um caminhão e andar por uns 30km com ele pendurado e talvez depois passar sobre as pernas dele para sentir o que os colegas da motocicleta sofreram. A partir do momento que tomou o primeiro comprimido da droga, assumiu ser um assassino.

Reply
Thiago Lima 09/03/2021 - 07:01

O exame toxicológico como é feito hoje não adianta nada, os viciados pagam pra passar, aqui onde moro custa 150 pra passar.
Deveria ser feito por amostragem na beira da rodovia em blitz, e sem custo para quem passar no exame, e pra quem for reprovado, lança uma autuação de uns 10 mil pra custear as operações.

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!