Porque o preço dos combustíveis não para de subir

por Blog do Caminhoneiro

É no mínimo preocupante para qualquer motorista ver o preço dos combustíveis aumentando duas vezes em cerca de 10 dias. Há inúmeros motivos para isso e vamos falar sobre os principais neste artigo. Mas antes de começar é necessário apontar que a Petrobras é uma Estatal. Apesar de ela não ser a única empresa com permissão para vender combustíveis no Brasil, visto que o monopólio acabou em 1997, ela quase que não tem concorrentes.

Acontece que a Petrobras consegue vender seus produtos abaixo do valor de mercado ou pelo menos foi o que ela fez algumas vezes no passado. Com a ajuda do Governo, esse tipo de estratégia é bastante viável. Diante disso, as empresas que formariam a concorrência da Petrobras praticamente não têm chance contra a gigante Estatal. Então, como uma empresa que na prática tem o monopólio dos combustíveis no Brasil não consegue fornecer preços baixos? A resposta passa pelos três tópicos que abordaremos aqui:

  • A pandemia que enfrentemos
  • O aumento de impostos feitos pelos Governos Estaduais
  • A mudança na Petrobras

A princípio pode parecer tão complexo quanto um modelo de dedicatória de TCC nas normas ABNT, mas a resposta para porque o preço da gasolina vem subindo é fácil de entender.

A pandemia de COVID-19

Vamos começar pelo Elefante na Sala. É óbvio que o Brasil está passando por momentos difíceis. Considerando que a Petrobras é uma Estatal, os preços aumentam como uma forma de aumentar a arrecadação.

Não há formas fáceis de dizer isso. A verdade é que o Brasil está quebrado. O próprio Ministro da Economia falou que o Brasil foi atingido por um meteoro. Por incrível que pareça a moeda brasileira desvalorizou mais do que a moeda de Mianmar, sendo que Mianmar é um país que passou por um golpe de Estado no começo de 2021.

Os aumentos de Governos Estaduais

Para ser justos com o Governo Federal, a verdade é que eles até tentaram ajudar. O Governo Federal zerou os impostos federais sobre o diesel, mas logo em seguida 18 Estados e o Distrito Federal aumentaram o ICMS (Sigla para Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) sobre o mesmo.

Porque os Governos Estaduais fizeram algo assim? Simples: Arrecadação. Há impostos Estaduais e Impostos Federais. Quando o Governo precisa arrecadar, é hora de aumentar os impostos. Ao menos é assim a lógica que eles seguem.

Portanto, uma das dicas para quem pode passar muito tempo viajando é verificar os valores do combustível nos Estados visitados.

Mudança na Petrobras

Uma das figuras chaves da Petrobras, Roberto Castello Branco, deixou a empresa depois de alguns embates com o Presidente Jair Bolsonaro. Algo similar já tinha acontecido antes com o Banco do Brasil. A mensagem para os investidores é clara: O Governo Federal vai interferir sempre que achar necessário. Esse clima de instabilidade ajuda na desvalorização da Petrobras e leva a escalada dos preços.

Considerações finais

A verdade é que a alta nos preços dos combustíveis é motivada por diversos fatores. Alguns sequer foram mencionamos aqui. Mas esses são alguns dos principais. O assunto é complexo e no geral, o preço da gasolina tende a acompanhar o cenário da economia nacional. Com o Brasil em crise é natural termos preços altíssimos. Infelizmente, ainda não temos sinal de uma luz no fim do túnel.

 

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!