BR-116 – A rodovia mais longa do Brasil

por Blog do Caminhoneiro

Mesmo não sendo caminhoneiro, você já deve ter passado pela BR-116, conhecida também como Rodovia Régis Bittencourt, Rodovia Presidente Dutra, Santos Dumont, entre outros, que corta dez estados, entre as cidades de Fortaleza, no estado do Ceará, e termina em Jaguarão, no Rio Grande do Sul, na fronteira com o Uruguai.

São 4.486 quilômetros de extensão, totalmente pavimentados, tornando a BR-116 a mais longa rodovia do país. A construção da rodovia começou na década de 1930, com inauguração em 9 de novembro de 1941, batizada de Estrada Federal Getúlio Vargas, e era de responsabilidade do Departamento Nacional de Estradas e Rodagens (DNER). Com o passar dos anos, mais trechos foram sendo anexados à rodovia, até ter o comprimento total de hoje em dia.

A marcação quilométrica da rodovia é iniciada em Fortaleza-CE, com o KM 0 da rodovia sendo marcado na Praça Manuel Dias Branco. O final da rodovia é na Rua Ernesto Corrêa, em Jaguarão, no Rio Grande do Sul. Ela cruza os estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Atualmente, com muitos trechos duplicados e pedagiados, a rodovia é uma das principais ligações para o transporte de cargas, recebendo milhares de caminhões todos os dias.

Outra gigante

Ao lado da BR-116, a BR-101 é uma das maiores do país, e se fosse totalmente pavimentada, teria 4.650 km de extensão, sendo maior que a BR-116. Construída entre os anos de 1950 e 1960, passa por doze estados, entre Touros, no estado do Rio Grande do Norte, e termina em São José do Norte, no Rio Grande do Sul.

Alguns trechos da BR-101 se ligam à outras rodovias, por exemplo, entre Peruíbe (SP) e Garuva (SC), a BR-101 é sobreposta às rodovias BR-116 e BR-376.

A BR-101 é uma rodovia litorânea, passando por praticamente todos os litorais dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná (trecho planejado), Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

1 comentário

zezinhomorais 10/07/2021 - 23:48

este bando de governo de estado e federais tinha era esfegar a cara neste rodovia km km que corta estado e e mais movimentada aonde tem cidade turistica e que tinha ser duplicada deforz a fora tbm aonde passara muita carreta de grao que vem do sul ao sudeste e centro oeste de goias e de qualquer banda e dara jeito era de fazer outra ponte nova e duplicar e de fero e cimento a rodovia e fazer viaduto nas dntrada de cidade nao e de massa asfastica quente nao este elemento tem so dentro de cidade qhem eu vejo so sabe roubar dinheiro publico …

Reply

Deixe um comentário!