Bolsonaro exonera o Ministro Tarcísio Gomes de Freitas

por Blog do Caminhoneiro

O Ministro Tarcísio Gomes de Freitas, do Ministério da Infraestrutura, deixou o cargo. Ele se afastou da função porque vai concorrer ao cargo de governador do Estado de São Paulo. No seu lugar, assumiu Marcelo Sampaio, que era secretário executivo do ministério. A exoneração, assinada pelo Presidente Jair Bolsonaro, foi publicada no Diário Oficial da União, na última quinta-feira, 31 de março.

“É um fim de um ciclo e o começo de uma nova era. Tem muita coisa planejada, tem gente nova chegando com sangue novo, com talento. É uma equipe de elite e eu tive um privilégio grande em trabalhar com um time maravilhoso. Nós temos que ser a geração da transformação do Brasil, então continuem sendo esses excelentes profissionais pelo Brasil e meu muito obrigado”, disse Tarcísio.

Marcelo Sampaio deve continuar trabalhando no mesmo rítmo de Freitas. Ele é engenheiro em Planejamento de Transportes com estudos em Avaliação de Vulnerabilidade de Infraestrutura de Transportes pela Universidade de Brasília (UnB) e tem especialização em Economia do Setor Público pela Fundação Getúlio Vargas.

A transmissão de cargo ocorreu durante cerimônia realizada na sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), em Brasília. A partir da orientação do presidente da República, Jair Bolsonaro, foi montada uma equipe de técnicos com a diretriz que infraestrutura é questão de Estado e precisa de continuidade. Assim, obras estratégicas paralisadas há décadas foram retomadas e concluídas; novos projetos surgiram e foram executados com celeridade. Desde 2019, a pasta somou 270 empreendimentos prioritários de todos os modais entregues pelo país.

“Eu sempre estarei disponível pelo diálogo. Vocês estão diante de dois ministros técnicos e nosso presidente encarou a infraestrutura como agenda de Estado. E hoje no ministério nós temos meritocracia, carreiras ocupando cargos técnicos de tomada de decisão e isso é encarar a infraestrutura de forma séria. Eu sigo tocando o legado de ter a melhor equipe do Ministério da Infraestrutura da história”, disse Marcelo Sampaio, no seu primeiro discurso como ministro da Infraestrutura.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!