Governo Federal quer criar nova forma de pagamento de fretes, para anular impactos do diesel

por Blog do Caminhoneiro

Hoje, quando um caminhão é contratado para o transporte de uma carga, o valor a ser pago é acertado no ato da contratação. Mas o Governo Federal estuda uma forma de mudar essa realidade, fazendo com que o valor a ser pago seja fechado apenas no momento da entrega da carga, garantindo que reajustes, como o valor do diesel, sejam repassados aos transportadores.

O assunto foi tema de uma reunião ontem, 06 de maio, na Casa Civil, junto com o Ministério de Minas e Energia. Se a mudança ocorrer, poderá ficar mais próxima do modelo usado em outros países, como em algumas regiões dos Estados Unidos e na Europa.

Se der certo, seria uma forma de os transportadores, especialmente o caminhoneiro autônomo, não levarem prejuízo ao final das viagens, devido principalmente à volatilidade no preços dos combustíveis, que mantém uma trajetória de constantes altas.

Além disso, estima-se que o valor do diesel comercializado pela Petrobras para as distribuidoras já esteja com defasagem de 25% em relação ao mercado internacional, o que aumenta a pressão por um novo reajuste.

Para o Governo, o projeto não teria nenhum impacto, que iria somente mudar a relação entre os embarcadores e os donos dos caminhões. O Governo Federal também tentou criar um programa amplo de subsídio para o diesel, a ser pago aos caminhoneiro autônomos, mas não há mais limite nos gastos federais para essa nova despesa.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

27 comentários

Douglas Vellasques de castro 10/05/2022 - 01:31

Gente e uma vergonha colocam gente pra fazer uma gestão sobre a vida do caminhoneiro e do transportador sem esperiencia nenhuma nesse segmento uma verdadeira aberração como bem disse o amigo vão acabar com o adiantamento, hoje o caminhoneiro já está zerado e vai dar início na sua viagem com o que?

Reply
Vallderuk 09/05/2022 - 22:53

Isso não adianta em nada pelo contrário vai beneficiar ainda mais os atravessadores q vão eliminar o adiantamento de frete…

O jeito é passar o manifesto de transporte pra quem emitir a nota fiscal do produto, dessa maneira não precisaria de transportadora individual e as próprias empresas ou produtores pagaria as tributos de transporte e qualquer transportador seja autônomo ou não seria contratado pra fazer o frete.

Reply
Gerson Borges 09/05/2022 - 13:05

Só podem estar loucos

Reply
Cláudio 09/05/2022 - 10:23

Concordo com vc,colocar um porcentagem menor ou deixar a gente combinar direto com o dono da mercadoria,acabar com esse atravessadores que levam parte do frete sem ter trabalha ou despesas,tem sim uma despesas minúscula e ganha mas do que quem leva o produto

Reply
VITOR 09/05/2022 - 03:48

Ta de sarcasmo? Pirou de vez? Sonhou que ficou rico trabalhando de caminhão? Para de falar lorota

Reply
José Carlos 08/05/2022 - 19:58

Para melhorar os frete dos autônomo e preciso que as firmas de os fretes direto aí transportador autônomo não passar pela transportadora que ganha só para emitir os papéis de embarque que e cte e ganham 30 a 80 por cento em cima do autônomo que são mais 60 por cento dos transportes de carga do país o que estou falando eu consigo provar

Reply
Bertolino 08/05/2022 - 19:14

O assunto não é tão simples assim para se resolver. Muitas situações estão envolvidas, muitos interesses! É como remendar uma peça de roupa já desgastada pelo tempo e pelo uso. Não vai dar certo. Não adianta criar fatos e leis que não serão cumpridas. O transporte é um segmento prostituído, as leis que funcionam são aquelas que o caminheiro deve cumprir. Essas são fiscalizadas. Na verdade um fato que deu início a esta situação triste que hoje o setor de transportes vive, foi um ato irresponsável do então presidente Lula, quando em 2003, extinguiu o subsídio que era dado ao diesel e repassado para o preço a gasolina. E o pior foi que o preço da gasolina não foi reduzido. Naquele momento se decretou a falência do setor de transportes. Por isso e por falta de representantes de classe e políticos que defendessem o setor, atualmente se tenta consertar uma peça e roupa já desgastada e podre. Não vai melhorar não! Que pena!

Reply
Flavinho 08/05/2022 - 18:51

Se combinado antes eles já pagam morrendo imagina já estando no cliente hahahah aí q eles vão gostar cada uma sabe
Tem que acabar com os atravessadores é cumprir a tabela q tudo funciona

Reply
Elon 08/05/2022 - 18:46

Mentira

Reply
Flaudemir Alves 08/05/2022 - 17:47

Veja so a cabeca do nosso Governo a pessoa carregar sem saber o que vai receber no fim da viagem o que ten que estabelecer um valor xxx para o KM rodado mas para estabelecer isto tem que lembrar que nao é so diesel que custa para um caminhoneiro autonomo ou para uma transportadora, vejo escreverem parece que so diesel quem entra na conta do Frete …

Reply
WAGNER DE ARAUJO 08/05/2022 - 17:44

Sou caminhoneiro autônomo pra mim está ótimo , frete alto compensativos diesel está barato pra mim está ótimo estou até pensando em comprar mais caminhão e trocar o meu em um mais novo….

Reply
Ademar de paula 08/05/2022 - 17:13

A real e os atravessadores como as transportadora nós posto de gasolina isso ninguém vê horas eles são os agenciadores e morde os motoristas de fora tem que acabar com os agenciadores

Reply
Antonio Maurício Gomes pinto 08/05/2022 - 16:26

O que acaba com nosso frente, chama-se agenciadores de cargas.eles levam 50% do frete.o governo deveria fiscalizar e obrigar cobrar apenas 10% sobre o frete, já seria uma grande ajuda.

Reply
RENÊ COSTA 08/05/2022 - 15:23

QUEM NÃO CONHECE CAMINHÕES PENSAM AO CONTRÁRIO DE TUDO E TODOS . DE FORA É TUDO BONITO E LINDO, AGORA VAI PARA BOLÉIA E PEGAR AS ESTRADAS BRASILEIRA QUE NÃO HÁ SEGURANÇA NENHUMA , SÓ BURACOS, FALHAS DE ENGENHARIA, INDÚSTRIAS DAS MULTAS ABSUIVAS, OLEO DIESEL CARÍSSIMO E FRETES PREÇOS DEFASADOS , PNEU CUSTA MAIS RS 2.500,00 E UMA CARRETA CARREGADA 32 TONELADAS FAZ MÉDIAS EM ACLIVES DE 1.2 POR 1 KM RODADOS AGORA FAZEM AS CONTAS !! TEMOS SIM QUE LUTAR MOS PARA REAJUSTAR OS PREÇOS DOS FRETES DE ACORDO COM OS AUMENTOS DO PREÇO DO DIESEL É O JUSTO . CAMINHÕES NAO SÃO CARROS DE PASSEIOS QUE AS PESSOAS PODEM PAGAR RS 15,00 POR LITRO GASOLINA E TÁ TUDO BEM E TOMA CERVEJA .

Reply
Jesus Lopes Gontijo 08/05/2022 - 15:20

O TRANSPORTE RODOVIÁRIO NO BRASIL ESTÁ DE VENTO EM POUPA, COMO DISSE UM SENHOR AI, O CAMINHÃO NÃO PARA, SINAL QUE ESTÃO GANHANDO DINHEIRO, OUTRA COISA, TA FALTANDO CAMINHÃO ZERO NO PAIS, ATÉ TA PINTANDO OUTROS CONCORRENTES DO SETOR.

Reply
Rosinaldotargino 08/05/2022 - 14:40

Tapensando que agente é rico pra bancar viagem
Tem nem pra comer amagina bancar viagem

Reply
Everton de Marco 08/05/2022 - 13:48

Vamos quebrar trabalhando ou já estamos quebrado

Reply
3d 08/05/2022 - 13:19

O frete tá muito carro tem espaço para baixar mais pois se tivesse tão ruim ninguém carregava e por encrivel que pareça não vejo caminhão parado é sinal que devem tá ganhando alguma coisa

Reply
Dailson severo da Silva 08/05/2022 - 13:06

Sou caminhoneiro a 20 anos não aceito frete abaixo nos dá classe temos que brigar com as tranportadora para pagar frete justo por que eles recebem os fretes corretos e querem ficar com mais da metade do contrato da viagem se todos nós não aceitarmos a coisa começa a mudar gente. O governo não tem culpa sendo assim os cupados são uma parte da nossa classe que aceita frete de retorno pela metade do valor. Galera não vamos aceita mais assim as coisas começa a mudar esta nas nossas mãos a mudança ………

Reply
JOSUE MENDES DE SALES 08/05/2022 - 12:52

Misericórdia é o fim?
O caminhoneiro autônomo,com esses fretes praticados não tem dinheiro nem pra comer;
quanto mais bancar a viagem.

Reply
W iliam ferreira 08/05/2022 - 11:08

Oque espera de um cara que nunca trabalhou na vida sempre mamo na teta do Governo,

Reply
Alessandro Domingos 08/05/2022 - 10:53

Eu acho que os caminhoneiros autônomos aceitando ou não esse governo vai fazer o que ele quiser vc acha que ele está pouco se lixando para os caminhoneiros e com os brasileiros não meu amigo esse governo só ajudou os empresários principalmente do agronegócio o plano dele junto com aquele ministro Tarcísio quer acabar com o caminhoneiro autônomo e assim não ter greve porque a maioria dos caminhoneiros a fazer uma greve são autônomos se o autônomo acabar não tem greve e ainda vai suprir a falta de motoristas nas Transportadoras e o que eu mais vejo ainda na estrada são alguns motoristas devendo esse governo como se a culpa fosse do STF acreditando nas mentiras que ele conta a culpa de tudo que está acontecendo e do presidente porque ele foi eleito para ajudar o povo e não só os empresários e a familicia dele e gastando mais 4 milhões por mês no cartão corporativo só que muitos motoristas não se informar do que está acontecendo e toda mentira que é contada eles acredita se liga outubro está chegando é a hora de colocar ele e a familicia dele pra fora pra sempre independente de quem vai ser o novo presidente mas que não seja esse lixo de governo

Reply
Eduardo 08/05/2022 - 10:38

Esqueceu q tivemos dois anos de pandemia? Onde o preco das commodities disparou no mundo inteiro,principalmente o petroleo? Nao bastasse ainda mais uma guerra q afeta diretamente na economia mundial,causando a maior recessao economica dos ultimos 40 anos no mundo, e aqui no Brasil a culpa eh do Bolsonaro kkkkkkkkkkk, qnta hipocrisia ,ou seria mau caratismo mesmo?

Reply
André 08/05/2022 - 06:48

Sempre tem uma ideia idiota no Planalto kkk.
Esse governo reprimiu o consumo da população no acarretou diminuição no volume de produtos transportadora.
Sorte que o agronegócio vai bem, porque produtos industrializados diminuíram a quantidade de viagens disponíveis.
Agora essa ideia de receber no destino!
Tudo que é ruim tem espaço pra piorar.
Kkk devemos exigir receber nosso frete indexado.
Cobrar o valor de uns três litros de diesel por km rodado. Ficaremos ricos.

Reply
Antônio de Jesus mota 08/05/2022 - 06:13

A classe apoiou o presidente para ter como resposta.esse desmando sou melhorou para os empresários do ramo e acabou com a classe autônoma.em 25 anos de autonomo foi o pior presidente para a classe. E eu pedir a família para votar nesse incompetente mau assessorado.

Reply
RENÊ COSTA 07/05/2022 - 21:25

CONCLAMO A TODOS TRANSPORTADORES CAMINHONEIROS BRASILEIROS QUE TEMOS URGENTEMENTE COBRAR MOS OS REAJUSTES DOS PREÇOS DOS FRETES , PORQUE O O PREÇO DO DIESEL NÃO VAI ABAIXAR MAIS PODEM TER CERTEZA DISSO. AGORA SENHORES E SENHORAS TRANSPORTADORES CAMINHONEIROS BRASILEIROS A ÚNICA SOLUÇÃO VIÁVEL COM CERTEZA É OS REAJUSTES DOS PREÇOS DOS FRETES GERAL MESMO.

Reply
RENÊ COSTA 07/05/2022 - 21:20

NEGATIVO O GOVERNO FEDERAL SÓ ATRAPALHARAM OS CAMINHONEIROS BRASILEIROS, A PRIORIDADE É REAJUSTE DOS PREÇOS DE FRETES URGENTEMENTE, O GOVERNO FEDERAL QUER NA REALIDADE É FAVORECER AOS EMPRESÁRIOS DO AGRONEGÓCIO. ISSO AÍ É GOLPE CONTRA OS CAMINHONEIROS BRASILEIROS E NÃO VAMOS ACEITAR ESSE TIPO DE NEGOCIAÇÃO.

Reply

Deixe um comentário!