Como rebitar de forma correta a lona de freio de caminhões

Verificar o modelo correto de rebite, conforme o ângulo e a furação da lona de freio e adequar a pressão da rebitadeira são alguns detalhes importantes ao efetuar o procedimento.

Processo realizado em veículos pesados no qual, a rebitagem das lonas de freio requer alguns cuidados para se evitar danos. “O procedimento é realizado nos caminhões utilizando um jogo de lonas, um jogo de rebites, um patim de freio e a rebitadeira, equipamento que auxilia na correta rebitagem de lonas em sapatas de freio, evitando, muitas vezes, danos às peças”, comenta Vinicius Alves Firmo, consultor de marketing do produto Fras-le, destacando o primeiro passo para efetuar a rebitagem – verificar o modelo correto de rebite, conforme o ângulo e a furação da lona de freio.

Em seguida, é preciso adequar a pressão da rebitadeira, de acordo com o manual de instruções, e posicionar a lona de forma correta no patim de freio, observando sempre que, nas referências de lonas cônicas, o jogo é composto por uma lona de freio mais fina e uma mais grossa. “A lona mais fina deve ser colocada na parte de ancoragem do patim e a mais grossa na parte superior do patim, aonde consta o eixo atuador da câmara de freio”, explica Firmo, demonstrando, assim, a posição adequada. Depois basta colocar todos os rebites nas lonas de freio.

O consultor de marketing do produto Fras-le também destaca que a rebitagem deve ser sempre feita no sentido do centro da lona para fora para obter melhor assentamento no patim. Além disso, evitam-se trincas nas lonas de freio.

Deixe um comentário!

Ford AA Konings Siam – O curioso caminhão duplo da década de 1930 Conheça a rodovia mais longa do Brasil Velho caminhão americano é transformado em carro de passeio muito estiloso Você sabia que o 1° FNM produzido no Brasil era bicudo Conheça os coloridos caminhões do Paquistão