Hegelmann Group adquire 50 caminhões eActros LongHaul antes mesmo do veículo estar sendo produzido

A Mercedes-Benz realizou a apresentação mundial do caminhão eActros LongHaul totalmente elétrico, com até 500 quilômetros de autonomia, na IAA Transportation. Apesar de ainda ser um protótipo, com previsão de início da produção apenas para 2024, já existe muito interesse de empresas de toda a Europa.

O caso de maior destaque, no entanto, é da Hegelmann Group, uma gigante da logística que atua por toda a Europa. A Mercedes-Benz anunciou que fechou um contrato de intenção de compra de 50 eActros LongHaul.

As entregas devem ocorrer a partir do segundo trimestre de 2024, logo após o início da produção comercial do modelo.

“Para tornar o transporte sustentável e livre de emissões para o futuro, precisamos de muitos parceiros fortes ao nosso lado. Estamos, portanto, muito satisfeitos com este acordo e a confiança do Grupo Hegelmann na marca Mercedes-Benz Trucks”, disse Stina Fagerman, chefe de vendas, marketing e serviços da Mercedes-Benz Trucks.

“Quanto maior o sucesso, maior a responsabilidade. Estamos abertos a desafios e, ao mesmo tempo, lutamos pela sustentabilidade em nossa indústria”, completou Siegfried Hegelmann, Acionista Gerente do Hegelmann Group.

O caminhão apresentado na IAA começará uma maratona de testes, junto com outros protótipos, em diversas transportadoras europeias, ao longo de 2022 e 2023. Além do Hegelmann Group, Amazon e Rhenus devem adquirir caminhões elétricos da Mercedes-Benz.

Os engenheiros de desenvolvimento da Mercedes-Benz Trucks projetaram o eActros LongHaul para atender aos mesmos requisitos de durabilidade do veículo e dos componentes que um Actros convencional de longa distância para serviço pesado comparável. Isso significa 1,2 milhão de quilômetros em dez anos de operação.

Baterias com tecnologia de célula de fosfato de ferro e lítio (LFP) são usadas no eActros LongHaul. Elas são caracterizadas por uma longa vida útil e mais energia utilizável.

Na modelos de produção em série, as baterias poderão ser carregadas de 20% a 80% em menos de 30 minutos em uma estação de carregamento com cerca de um megawatt de potência.

Três conjuntos de baterias fornecem uma capacidade total instalada de mais de 600 kWh e dois motores elétricos como parte de um novo eixo eletrônico geram uma potência contínua de 400 kW (543 cv) e uma potência máxima de mais de 600 kW (815 cv).

Além da versão cavalo mecânico, a Mercedes-Benz Trucks também produzirá variantes de chassis rígido do eActros LongHaul. Isso oferece aos clientes inúmeras outras possibilidades de uso no transporte totalmente elétrico.

Deixe um comentário!

Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta