ARTIGO – Quais os danos que podem ser pleiteados em ação judicial nos casos de acidentes rodoviários?

Evidentemente que todo aquele que se envolve num acidente rodoviário acaba sofrendo danos das mais diversas ordens, na maioria das vezes os acidentes ocorrem pela má-conservação das rodovias, pela falha na prestação de serviço das concessionárias de pedágio, ou mesmo pela desobediência das regras de trânsito pelos motoristas.

Pois bem, os danos sofridos pelos motoristas se dividem em 03 ordens:

Danos Materiais:

Os danos materiais se dividem em Danos Emergentes e Lucros Cessantes.

Os Danos Emergentes são tudo que o motorista ou proprietário do veículo sofreu como prejuízo, tais como: Danos no veículo, Danos na carga transportada, gastos médicos, entre outros.

Os Lucros Cessantes é tudo aquilo que o motorista deixará de ganhar ou receber tendo em vista seu trabalho por conta do acidente, pelo tenho que o veículo ficará parado para conserto por exemplo.

Em relação aos danos materiais, temos também o pensionamento, o qual pode ser para o próprio motorista no caso de uma invalidez parcial ou permanente que venha a lhe afastar da atividade laboral, ou para sua família no caso de morte do motorista no acidente, pensão essa que levará em conta o valor do salário recebido pela vítima e sua idade quando do falecimento.

Danos Morais:

Os danos morais são aqueles que ferem o psicológico, bem como, os direitos da personalidade, como o nome, a honra e a intimidade.

Danos Estéticos:

Os danos estéticos são lesões que deixam marcas permanentes no corpo ou que diminuam sua funcionalidade como: cicatrizes, sequelas, deformidades ou outros problemas que causem mal estar ou insatisfação.

Sendo assim, se você sofreu um acidente nos últimos 03 anos ou conhece alguém que tenha sofrido danos com isso, a orientação é que busque um advogado especializado para que possa verificar quais são seus direitos, e assim buscar o caminho mais adequado para a devida compensação deste danos.

Artigo escrito pelo Advogado Dr. Gustavo de Camargo Hermann, OAB/PR 37.853, especialista em direito securitário e acidentes de trânsito.

Deixe um comentário!

Caterpillar apresenta caminhão gigante totalmente elétrico Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos