Truckvan vende 180 implementos durante a Fenatran e prevê mais R$ 205 milhões em negócios futuros

A Fenatran foi um sucesso para todas as empresas que participaram do evento. Além dos milhares de visitantes, foram mais de 9 bilhões de reais em negócios firmados durante o evento, e outros bilhões devem vir futuramente.

Uma das empresas que registrou excelentes resultados no evento foi a Truckvan. De acordo com a fabricante, foram R$ 32 milhões de pedidos fechados, 180 equipamentos, além de uma prospecção de R$ 205 milhões de negócios que estão em andamento, a serem definidos após o evento. Os números atestam o crescimento e a consolidação da marca no setor de implementos rodoviários para o seguimento de pesados.

O diretor comercial da Truckvan, Luiz Carlos Cunha Junior, afirma que essa edição proporcionou excelentes resultados nas vendas e possibilitou uma grande prospecção da marca.

“Sem dúvida, essa foi a melhor Fenatran da nossa história. Tivemos a oportunidade de mostrar a evolução do nosso portfólio de produtos, com destaque para o rodotrem basculante”, destacou.

Outro resultado expressivo da empresa foi alcançado pelo departamento de Unidades Móveis e Projetos Especiais com um faturamento R$ 5 milhões, 35 negócios em andamento, e projeção de outros 22 milhões para os próximos 6 meses.

“O sentimento é de missão cumprida. Em meio a um evento com mais de 500 empresas expositoras e que resultou em cerca de R$ 9,5 bilhões em novos negócios, a Truckvan manteve a sua posição de destaque apresentando os seus produtos do segmento de Unidades Móveis, destacou o gerente comercial de Unidades Móveis e Projetos Especiais, José Augusto Marinho.

O presidente da Truckvan, Alcides, Braga, avaliou de forma positiva a participação no evento e afirmou que essa edição foi um grande sucesso. “A Truckvan levou a maior parte de seu portfólio para a feira, apresentou novidades, recebeu, como sempre, centenas de pessoas relacionadas de alguma forma com a empresa, e realizou muitos negócios”, afirmou.

Braga disse ainda que almeja crescimento em 2023, mesmo diante da previsão do mercado de implementos rodoviários apresentar alguma queda, e que para isso tem se preparado.

“Dentro de casa, estamos fazendo a lição, investindo em tecnologia e equipamentos, em treinamento, e dessa forma nos descolar do mercado e ter uma ótima jornada”, pontuou.

Deixe um comentário!

Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta Uso do celular aumenta entre motoristas